Primeiro ETF de criptomoedas da B3 registra alta de 12,26% em estreia

O ETF de criptomoedas chegou à bolsa já como um dos 10 maiores ETFs de renda variável listados na B3 e como o 5º ETF com mais investidores na B3.

Siga no
Hashdex / Nasdaq. Imagem: Divulgação.
Hashdex / Nasdaq. Imagem: Divulgação.

O Hashdex Nasdaq Crypto Fundo de Índice, primeiro ETF de criptomoedas da bolsa brasileira, começou a ser negociado na B3 nesta segunda-feira (26) e movimentou R$ 156 milhões ao longo do dia.

Com o código HASH11, o fundo foi listado com R$ 615.250.700,00 em uma oferta inicial liderada pela Genial com BTG, Itaú e Banco do Brasil.

As cotas do ETF começaram o dia negociadas a R$ 47,20, cada, e encerraram a R$ 53,10, alta equivalente a 12,26%. O fundo fechou o dia como o segundo maior ETF em número de trades e o terceiro maior da Bolsa em valores negociados.

“O lançamento é uma evolução da indústria, que marca um novo ciclo do mercado de investimentos. A chegada do HASH11 à B3 traz mais conforto e segurança para o investidor, dando acesso a uma cesta de ativos com rebalanceamento periódico e que segue os parâmetros internacionais de segurança neste setor”, explica Marcelo Sampaio, CEO da Hashdex.

O ETF de criptomoedas chegou à bolsa já como um dos 10 maiores ETFs de renda variável listados na B3 e como o 5º ETF com mais investidores na B3.

O lançamento do fundo de índice no Brasil apresenta ao mercado uma alternativa para quem busca uma forma de investimento 100% exposta a criptomoedas, com liquidez diária, supervisão regulatória e acesso simplificado: em qualquer home broker o usuário consegue investir no ativo, assim como é feito o investimento em ações na Bolsa.

 

O ETF segue o Nasdaq Crypto Index (NCI), índice co-desenvolvido pela Hashdex e Nasdaq, e atualmente composto é por seis criptomoedas: Bitcoin, Ethereum, Stellar, Litecoin, Bitcoin Cash e Chainlink.

Essa cesta de ativos é relanceada trimestralmente, assim como ocorre no Hashdex Nasdaq Crypto Index ETF, fundo de índice que a Hashdex lançou na Bermuda Stock Exchange em fevereiro deste ano e que foi o primeiro ETF de criptoativos aprovado no mundo.

Criada com a missão de ser a ponte entre o mercado financeiro e o universo de criptomoedas de forma simples, segura e regulada, a Hashdex foi fundada no início de 2018 com recursos de investidores do Vale do Silício.

A empresa é composta por profissionais com ampla experiência no mercado financeiro e de tecnologia e profundo conhecimento em criptoativos e blockchain. Atualmente, os fundos da casa contam com mais de 100 mil cotistas e mais de R$ 2,5 bilhões de patrimônio.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Exterminador do Futuro

Schwarzenegger, o “Exterminador do Futuro” explica por que não investe em Bitcoin

Arnold Schwarzenegger - o protagonista de filmes como “O Exterminador do Futuro” e “Predador” - disse que não investe em criptomoedas porque não entende...
Cachorro Shiba Inu, símbolo da Dogecoin, prestando atenção criptomoeda

Buscas por Dogecoin superam as por Bitcoin no Google pela primeira vez na história

Dogecoin é uma das criptomoedas que mais chamaram atenção nos últimos meses. Após ter sido promovida por Elon Musk e várias outras celebridades, a...
Criptomoeda Ethereum preço

Taxas do Ethereum ultrapassam R$ 1.550

Fazer uma transação na rede Ethereum agora custa mais de US $ 300, cerca de R$ 1.564 - o motivo é que a rede...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias