Protestos contra Bitcoin em El Salvador continuam

Vários grupos estão protestando contra o Bitcoin em El Salvador, país que recentemente legalizou a criptomoeda como moeda de curso legal.

No último sábado (14), o ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas, saiu as ruas para entregar adesivos que demonstram o seu repúdio ao Bitcoin. Os adesivos foram entregues para motoristas que transitavam perto do “Monumento al Divino Salvador del Mundo”, localizado na cidade de San Salvador.

O ex-secretário foi visto em várias ruas no entorno da praça, entregando adesivos que refletem a rejeição ao bitcoin, já que milhares de salvadorenhos são contra a implementação da criptomoeda no país.

“Tem muita gente interessada em que não se implemente esta criptomoeda e isto é um protesto que tem a ver com um chamado a Assembleia Legislativa, que deveria formar uma comissão para investigar os efeitos desastrosos que o Bitcoin pode ter no país”, disse Eugenio Chicas no meio do protesto.

Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas. Imagem: elsalvador
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas. Imagem: elsalvador

O ex-secretario de comunicações da presidência tem recebido apoio de alguns meios de comunicação e suas manifestações são focadas na entregas dos adesivos que servem para a conscientização dos salvadorenhos.

Ao que parece, existem vários grupos no país que estão apoiando o movimento contra a Lei do Bitcoin, com o mais notório sendo o “Bloco de Resistência e Rebelião Popular”, que no mês passado fez uma manifestação em frente à Assembleia Legislativa de El Salvador.

Nas redes sociais de Chicas é possível ver várias publicações com a frase “Não ao Bitcoin.”

“Usar este argumento é mostrar solidariedade para com a população, dada a preocupação que as pessoas têm com a grave crise econômica, porque a grande maioria da população rejeita esta invenção do presidente Bukele”, disse Chicas à imprensa.

Adesivos contra Bitcoin
Adesivos contra Bitcoin
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas
Ex-secretário de comunicações da Presidência de El Salvador, Eugenio Chicas

Bitcoin em El Salvador

A preocupação desses grupos com o uso do Bitcoin é devido a volatilidade do ativo digital, com eles alegando que a criptomoeda pode perder valor de um dia para outro. No entanto, como El Salvador não tem uma moeda própria e tem a economia indexada ao dólar americano, a população já sofre com inflação.

Ainda faltam 15 dias para que a lei do Bitcoin entre em vigor no país, a data estipulada é 09 de setembro.

O projeto de lei ressalta pontos importantes, como o fato de que os preços dos produtos e serviços poderão ser expressados em Bitcoin no país, isso quer dizer que não será necessário fazer conversibilidade no dólar.

Até o momento o governo tem se mostrado bastante comprometido em ensinar aos salvadorenhos sobre a utilização da criptomoeda, isso deduzindo que tudo o que está escrito na lei apresentada pela Assambleia Legislativa será cumprido.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Lorena Almada
Estudante de Engenharia Eletromecânica. Apaixonada por Economia. Seguidora da Escola Austríaca. Entusiasta do Bitcoin, descentralização e liberdade.

Últimas notícias