Queda das criptomoedas será gigante, diz Donald Trump

Em conversa com a Fox Business publicada nesta quarta-feira (22), Donald Trump, ex-presidente dos EUA, voltou a ataca as criptomoedas enquanto defender o dólar. Segundo ele, a queda das criptomoedas será maior do que a queda das empresas de tecnologia dos anos 2000.

Além disso o ex-presidente americano também falou sobre o empreendimento de sua esposa, Melania Trump, no setor de NFTs, afirmando que ela está indo muito bem em seus negócios.

É importante notar que embora muitos projetos desapareçam, em qualquer setor, os melhores sempre permanecerão no topo, como acontece com empresas de tecnologias e também nas criptomoedas.

Bitcoin é muito arriscado

Esta não é a primeira vez que o ex-presidente Donald Trump vem a público para defender o dólar. Em outubro deste ano, Trump já mostrou-se preocupado tanto com a CBDC da China quanto com o Bitcoin (BTC).

O curioso é que embora ele não goste de criptomoedas, sua esposa está aventurando-se no mundo dos NFTs. Segundo Melania Trump, seu trabalho combina suas duas paixões, a arte e a possibilidade de ajudar outras pessoas.

Mesmo assim Trump ainda não está convencido sobre o papel das criptomoedas, afinal seu patriotismo faz com que ele defenda os interesses do Estado, que pode ficar mais fraco ao perder o controle sobre a impressão de dinheiro.

“Eu quero uma moeda chamada Dólar, eu não quero ter todas essas outras, e elas podem ter uma explosão algum dia, do tipo que nunca vimos. Isso fará com que a grande explosão das empresas de tecnologia pareça coisas de bebê. Eu acho que é uma coisa muito perigosa.”

Sobre criptomoedas, Trump continua com a mesma opinião. Adicionando que a queda delas poderá ser grande, muito maior do que a bolha das empresas de tecnologia, provavelmente referindo-se a Bolha da Internet, ocorrida nos anos 2000.

Gigantes da tecnologia dominam o mercado

Apesar da Bolha da Internet ter quebrado muitas empresas, e por consequência investidores, hoje as companhias mais valiosas do mundo são justamente deste setor. Apple, Microsoft, Google e Amazon possuem uma capitalização de mercado média de 2,2 trilhões de dólares cada.

Capitalização de mercado de vários ativos. Fonte: 8marketcap

O mesmo fenômeno pode ser notado nas criptomoedas, afinal a cada ciclo de alta várias delas somem do top 10, algumas delas amargando prejuízos superiores a 80%. Apesar disso, o Bitcoin segue no topo há mais de uma década e há alguns anos o Ethereum está mantendo-se encostado nele, sendo cogitado como a próxima Apple.

De forma resumida, é muito provável que a maioria das criptomoedas desapareça. Entretanto, projetos com valor tendem a permanecer no mercado por muito tempo, ganhando cada vez mais adoção.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias