Rússia pretende criar exchange estatal de criptomoedas

Mesmo que seja difícil associar criptomoedas com governos, vale lembrar que El Salvador já está investindo em Bitcoin há quase um ano. Sendo assim, não é tão difícil imaginar a existência de uma exchange de criptomoedas estatal, como a Rússia está propondo.

Moedas físicas de Bitcoin ao lado de rublos da Rússia e matrioskas.
Moedas físicas de Bitcoin ao lado de rublos da Rússia e matrioskas.

Embora a Rússia ainda não tenha tomado uma posição clara sobre o Bitcoin, o presidente do Comitê de Mercados Financeiros da Duma apontou que o país pode criar uma exchange de criptomoedas estatal.

Em declaração realizada nesta quinta-feira (7), Anatoly Aksakov aponta que tal exchange de criptomoedas estaria sobre o comando da Bolsa de Moscou e sobre as leis do Banco Central da Rússia.

Contudo, vale lembrar que a Bolsa de Moscou pausou suas atividades após o início da guerra com a Ucrânia, o que seria impensável para um mercado tão livre como do Bitcoin. Além disso, embora legisladores sejam mais tolerantes, o Banco Central russo simplesmente odeia as criptomoedas.

Exchange de criptomoedas estatal

Mesmo que seja difícil associar criptomoedas com governos, vale lembrar que El Salvador já está investindo em Bitcoin há quase um ano. Sendo assim, não é tão difícil imaginar a existência de uma exchange de criptomoedas estatal, como a Rússia está propondo.

“Claro que deve haver uma exchange de criptomoedas, criada conforme os rígidos requisitos do Banco Central.”

“Admito que esta é uma divisão da Bolsa de Moscou,” segue Anatoly Aksakov. “E essa divisão, que funcionará dentro de uma organização respeitada, com grande tradições, acostumadas a interagir ativamente com o Banco Central.”

Apesar de a ideia não ser utópica, existem diversas preocupações em relação a uma exchange de criptomoedas estatal. Como exemplo, a Bolsa de Moscou simplesmente pausou todas suas atividades após o início da guerra contra a Ucrânia. Então é fácil imaginar que o mesmo possa acontecer com esta tal exchange.

Seguindo, esta precisaria seguir as diretrizes do Banco Central da Rússia, um órgão que já declarou abertamente que o Bitcoin é um esquema de pirâmide.

Sendo assim, é difícil imaginar que tal proposta tenha sucesso, ao menos em um país tão autoritário como a Rússia. Isso sem falar nas possíveis manipulações de mercado e congelamento de contas.

Rússia mostra curiosidade sobre o Bitcoin

Após o início da guerra, a Rússia ficou mais próxima do Bitcoin devido às inúmeras sanções ao país. Como exemplo, chegou a citar o uso de criptomoedas no comércio exterior, embora seus cidadãos não possam usá-las como dinheiro dentro do país.

Portanto, a Rússia parece ver as criptomoedas como uma saída para fugir da mão pesada de outros governos. O grande problema é que a própria Rússia não quer que seus próprios cidadãos encontrem esta mesma liberdade.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias