Sinal perigoso de venda aparece em indicador do Bitcoin

Uma das vezes em que ele apareceu foi quando o preço da moeda se desvalorizou até U$ 3000!

Siga no
Queda do Bitcoin
Queda do Bitcoin

No último fim de semana, o preço do Bitcoin teve uma severa queda, com um grande movimento de venda ativando um sinal perigoso. Em uma das vezes em que o indicador ligou o alerta, a cotação do Bitcoin chegou em U$ 3000.

De fato, um indicador técnico apresenta aos traders um cenário para se analisar, considerando o histórico. Muitos são chamados de osciladores, que normalmente medem a intensidade da variação de preço em um período.

Um famoso indicador técnico, criado para buscar operações com Bitcoin mais seguras, é o chamado Hash Ribbons. Com esse indicador é possível verificar se os mineradores estão desistindo da atividade, ou seja, diminuindo a taxa de hashs.

Indicador pode indicar sinal perigoso de venda para o Bitcoin nos próximos dias - Hash Ribbons
Indicador pode indicar sinal perigoso de venda para o Bitcoin nos próximos dias – Hash Ribbons – Reprodução/TradingView

Um sinal de venda de Bitcoin voltou a ser ligado, e traders seguem de olho após queda

Após um mês de março preocupante, abril voltou a animar os traders de Bitcoin. Muitos entraram comprando a moeda antes do halving, que aconteceu no último dia 11.

Passado o halving uma das preocupações era de que uma possível queda do Bitcoin poderia acontecer. A explicação é que alguns mineradores podem ter prejuízos e abandonar essa atividade.

Ao abandonar, os mineradores diminuem uma métrica importante para a rede Bitcoin o que é a taxa de hashs. Essa taxa confere segurança a rede e é fundamental que seja adequada para maior rentabilidade dos mineradores. Antes do halving, a taxa havia registrado recordes seguidos, mas despencou após o fenômeno.

Bitcoin e sua taxa de hashs em média de 7d
Bitcoin e sua taxa de hashs em média de 7d tem registrado queda após halving – Reprodução/Glassnode

O indicador Hash Ribbons pode ajudar a detectar variações nessa taxa. Enquanto ele é positivo, indica que os mineradores operam no lucro. Quando há uma inversão, mostrando que os mineradores estão desistindo, é sinal de que uma venda de Bitcoin está para acontecer.

Contudo, com a queda do último fim de semana, o indicador apresentou um mau sinal, mostrando que os mineradores estão desistindo. Os traders de Bitcoin seguem atentos aos movimentos de preço e a cautela segue presente.

Previsão do Bitcoin para 2020 continua interessante, mesmo com cenário de curto prazo sendo de cautela

A pressão que paira sobre os mineradores é certamente preocupante e deve durar algum tempo até que o mercado se ajuste. O criptomercado é regido pela lei de oferta e demanda, dessa forma, em algum momento o funcionamento de preço se ajusta a rentabilidade dos mineradores.

Uma métrica que não era vista há dois anos e voltou a ser percebida é a rentabilidade das taxas de mineração. De acordo com a Glassnode, a receita dos mineradores, proveniente de taxas de transação, aumentou consideravelmente.

Mineradores têm lucrado mais com taxas de mineração após halving
Mineradores têm lucrado mais com taxas de mineração após halving – Reprodução/Glassnode

Esse aumento na receita de taxas pode ajudar no reequilíbrio das contas, diminuindo a pressão de venda dos mineradores no longo prazo. Para 2020, muitos entusiastas acreditam que a previsão é otimista e o preço do Bitcoin poderia até alcançar novos recordes.

Contudo, no curto prazo, a cotação do Bitcoin perdeu 9% de valor apenas nos últimos 7 dias. O preço do Bitcoin caiu de U$ 9.726,04 no último dia 18, para U$ 8.772,00 nesta segunda (25). No Brasil, o Bitcoin também recuou de R$ 55439 para R$ 48448, perdendo 12% de valor, uma vez que o valor do dólar também teve uma desvalorização frente ao real.

Ou seja, é interessante para quem deseja comprar a moeda digital estudar a tecnologia e verificar, por sua conta e risco, se é um bom momento de fazer um investimento. Nos últimos anos o cenário foi interessante, mas o passado não reflete com certeza o futuro, por isso o estudo é um ótimo investimento.

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Guggenheim

Gigante de Wall Street pede aprovação da SEC para investir até R$ 2.6 bi...

A gigante americana de serviços financeiros Guggenheim Partners entrou com um pedido na Comissão de Valores Mobiliários americana (SEC) para investir até $ 500...

Guru de “A grande aposta” compara bitcoin com Tesla: “bolha”

Michael Burry - o famoso investidor interpretado por Christian Bale no filme "A grande aposta" - comparou a Tesla com o bitcoin, chamando ambos...

Produtora do Big Brother, Master Chef e The Voice é atacada por ransomware e...

Uma gigante da televisão está enfrentando um cenário assustador. O grupo francês Banijay informou na quinta-feira (26) que sofreu um ataque cibernético que afetou...

Últimas notícias

Guru de “A grande aposta” compara bitcoin com Tesla: “bolha”

Michael Burry - o famoso investidor interpretado por Christian Bale no filme "A grande aposta" - comparou a Tesla com o bitcoin, chamando ambos...

Produtora do Big Brother, Master Chef e The Voice é atacada por ransomware e tem dados vazados

Uma gigante da televisão está enfrentando um cenário assustador. O grupo francês Banijay informou na quinta-feira (26) que sofreu um ataque cibernético que afetou...

Hackers invadem site do governo da Argentina e ameaçam vazar 50GB de dados

Vários países da América Latina seguem perseguidos por ataques cibernéticos, principalmente com os chamados ransomwares. O novo caso de ataque seria uma invasão ao...