Novo recorde: Terreno em Metaverso é vendido por R$ 24 milhões

O foco da Republic Realm é tornar-se a plataforma de investimento em NFT e metaverso mais confiável do setor. Na semana passada, ela vendeu um mega iate por R$ 3,7 milhões, também no The Sandbox.

Poucos dias após a negociação de um terreno por cerca de R$ 17 milhões, uma negociação entre a Republic Realm e a Atari resultou na troca de um terreno do The Sandbox por R$ 24 milhões, quebrando o antigo recorde.

Uma curiosidade entre estas duas compras é que elas foram feitas por empresas, o que sugere que os lotes mais valiosos destes jogos serão dominados por corporações que os usarão para marketing e outras atividades.

Caso as apostas destas empresas se concretizem, seus lucros poderão ser altos visto que a compra destes terrenos será como comprar um lote no centro de São Paulo, quando a cidade ainda era pequena. É indiscutível que o metaverso terá grande adoção no futuro, a grande questão é qual deles será dominante.

Quebra de recordes

O final do mês de novembro foi marcado por duas grandes negociações de terrenos no metaverso. O primeiro foi vendido por 618.000 MANA, criptomoeda nativa do Decentraland, equivalente a R$ 17 milhões. Já o segundo ocorreu no Axie Infinity por 550 ETH, cerca de 14 milhões de reais na cotação atual.

Embora estes valores sejam gigantes, estes recordes não são inquebráveis. E foi exatamente isso que aconteceu no início desta semana quando a Republic Realm comprou um terreno da Atari no The Sandbox por 24 milhões de reais.

“Outra grande semana para o #metaverso. Obrigado @WSJ e @KonradPutzier por cobrir esta aquisição recorde de terras no @TheSandboxGame. Coisas emocionantes virão… @atari”

Segundo o seu próprio site, o foco da Republic Realm é tornar-se a plataforma de investimento em NFT e metaverso mais confiável do setor. Na semana passada, ela vendeu um mega iate por R$ 3,7 milhões, também no The Sandbox.

Reflexo do mundo real

O pensamento destas empresas é que o mundo virtual será um reflexo do mundo real, e que terrenos em posições vantajosas cobiça de outros investidores, fazendo-os valorizar.

Mesmo que isso seja verdade, é importante notar que hoje já existem vários metaversos e este número só tende a aumentar. Sendo assim, ainda é muito difícil saber qual deles será o mais usado pela comunidade. Para mitigar este risco, algumas empresas estão apostando em diversos mundos.

Também nesta última terça-feira, o Bank of America declarou que o metaverso será uma grande oportunidade para que as criptomoedas desempenhem papel de moeda. Afinal o metaverso depende de um dinheiro mundial, online e sem interrupções.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias