Tether congela R$ 6,2 milhões de usuário

tether usdt algemas
Moedas de Tether (USDT) entre algemas

Embora as criptomoedas como o Bitcoin tenham foco na liberdade, funcionando como um dinheiro anti-censura, outros ativos possuem um grau de descentralização menor. Esse é o caso da Tether (USDT) que recentemente bloqueou mais de 1 milhão de dólares, R$ 6,2 milhões, de um usuário.

Esta não é o primeiro congelamento de fundos realizado pela empresa por trás da moeda. No total, 560 endereços já foram bloqueados conforme apontam os dados da Dune Analytics.

Já outras stablecoins centralizadas seguem o mesmo protocolo. A Circle, administradora da USDC, já bloqueou 25 endereços. Embora o número seja bem menos, este é um alerta para quem busca liberdade, afinal, uma decisão judicial e você perde todo seu dinheiro.

U$ 1 milhão congelados em USDT

Através de seu contrato inteligente, a Tether tem o poder de congelar tokens mantidos em determinados endereços e então cunhá-los novamente. Embora possa ser útil em alguns casos, como bugs, tal função pode ser utilizada como forma de censura.

No último caso, ocorrido no dia 30 de dezembro do ano passado, 1.091.557,82 USDT (R$ 6,2 milhões) foram congelados de um endereço. Ou seja, o então proprietário destes tokens perdeu tudo. É provável que isso seja fruto de uma ordem judicial.

Este mesmo endereço contém 155 mil dólares em outros tokens como ChainLink (LINK), Fantom (FTM) e Decentraland (MANA). Apesar da ligação, nenhum destes tokens foram afetados, ou seja, podem ser transacionados normalmente.

Patrulha da censura

Embora este montante acima pertencesse a algum criminoso, casos assim mostram os perigos de moedas centralizadas. Caso o governo queira derrubar um inimigo político, basta uma ação desta para conseguir.

Isso nos leva de volta a fala de Edward Snowden, ex-administrador de sistemas da NSA, que comentou que stablecoins centralizadas não são estáveis justamente pelo fato de que elas podem cair para zero, quando alguém as subtrai de você.

“Uma moeda estável (stablecoin) que tem uma lista negra, na minha opinião, não é uma moeda estável”

Por conta disso, o Bitcoin é a melhor forma para contornar estes problemas. Afinal, ninguém consegue barrar endereços ou transações em sua rede, também por conta disso ele é o maior ativo digital do mundo.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias