Tocha do Bitcoin renasce como “Fogo Latino”

Empolgação da comunidade com chegada de El Salvador tem superado até os limites do idioma.

Siga no
Fogo Bitcoin Tocha
Bitcoin pegando fogo

Há dois anos, quando a comunidade do Bitcoin estava testando a rede Lightning Network, nasceu a Tocha do Bitcoin, que agora renasceu com a chegada de El Salvador no mercado.

A nova campanha é chamada de Fogo Latino pela comunidade, criada a partir da comunidade venezuelana. Essa nova chama que se acende no continente acontece após alguns dias da legalização do Bitcoin em El Salvador.

Apesar da vontade da população, governos correm contra o tempo para anunciar medidas de repreensão à moeda digital. A Holanda, por exemplo, considera banir o Bitcoin o mais rápido possível.

Tocha do Bitcoin renasce, “Fogo Latino” é uma homenagem aos vulcões de El Salvador

A Tocha do Bitcoin surgiu pela primeira vez em 2019, homenageando a criação Lightning Network. A rede permite que as transações da moeda digital sejam feitas rapidamente e com baixos custos.

Quem participou da primeira versão da Tocha Bitcoin, ao receber um valor, deveria acrescentar 10 mil satoshis e reenviar para outra pessoa.

A comunidade da moeda digital na Venezuela iniciou nesta sexta o “Fogo Latino”, que deverá homenagear os vulcões de El Salvador, que serão utilizados para minerar o Bitcoin em breve.

A hashtag #FuegoLatino foi criada no Twitter para os interessados em acompanhar a brincadeira, que ao receber uma transação, deve adicionar 100 satoshis e repassar para outra pessoa. Vale o destaque que a primeira tocha acabou sendo doada após reunir alguns satoshis.

“A ideia é que, para passar o #FuegoLAtino, adicione 100 satoshis e passe da mesma maneira”, disse o perfil da Venezuela que fomentou nova brincadeira

Homenagens a El Salvador também com publicações apenas em Espanhol

O Bitcoin se tornar uma moeda de curso legal em El Salvador é uma parte muito importante para a história da tecnologia. Contudo, o idioma do país acabou chamando também a atenção de alguns fãs da comunidade.

Um deles, o CEO do Twitter, Jack Dorsey, acabou publicando um texto na rede social, no idioma do país.

A ideia de homenagear o espanhol partiu na última terça-feira (8), do usuário Eric Lombrozo, que sugeriu abandonar o inglês ao falar sobre Bitcoin no Twitter, pelo menos não até o preço da moeda alcançar US$ 100 mil.

“E se não usarmos mais o inglês até que o bitcoin alcance $ 100k ou o dólar americano alcance 0 BTC?”

As novas brincadeiras da comunidade, é claro, acontecem em um momento de ânimo com o Bitcoin ser enfim reconhecido como moeda em um país.

Seja o Fogo Latino ou as conversas em espanhol, a comunidade segue atenta a cada movimento tomado por El Salvador, que praticamente segurou a maior queda no mercado dos últimos anos, registrada no último mês de maio.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bear Market Bitcoin. Imagem: Shutter Stock

“Bear Market confirmado”, diz o CEO da CryptoQuant após cruz da morte do Bitcoin...

Não é segredo para ninguém que o Bitcoin tem enfrentado um período extremamente turbulento e volátil. Grandes nações como a China e Rússia estão...
Bitcoin em ratoeira problema

Os maiores haters do Bitcoin no Twitter

Peter Schiff se tornou o oitavo maior hater do Bitcoin no Twitter nesta segunda-feira (21). Para chegar até a posição, ele superou ninguém menos...
Bitcoin-duvidas. SHutterstock

“Se você não vendeu Bitcoin a US$ 60 mil, por que vender agora?” O...

Após alcançar o seu valor histórico de US$ 63,5 mil em meio de abril deste ano, o Bitcoin caiu quase 50%. Em meio a...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias