Trader famoso diz que vai processar Unick por “denegrir comunidade de traders no Brasil”

Numero de processos contra a Unick chega a 430 só em SP

Siga no
Reprodução/YouTube

O empresário Robson Hayashida, dono do canal no YouTube Japa Rico em Hong Kong, disse que vai processar a Unick Forex, pirâmide financeira gaúcha desmantelada pela Polícia Federal em outubro. O motivo, segundo Hayashida, é que o esquema, que movimentou R$ 28 bilhões, manchou a imagem dos traders brasileiros.

“Eu vou processar a Unick, apesar de eu não ser cliente, pois a Unick totalmente denegriu a comunidade de trader do Brasil, passando a falsa imagem de que fazia investimentos em forex e criptomoedas, quando na verdade não fazia investimento algum”, afirmou o Japa Rico em um grupo do Telegram que reúne informações jurídicas sobre o caso.

Ainda de acordo com o empresário, que é um dos traders mais conhecidos do país, ele vai reunir outros profissionais da área no Brasil para processar a empresa. Veja print do comentário do Japa Rico abaixo.

Japa Rico fez alertas sobre a ilegalidade da Unick

Japa Rico sempre fez alertas sobre à Unick Forex, que lesou mais de 1 milhão de clientes em todo o Brasil, segundo a Polícia Federal. No seu canal do YouTube, que tem pouco mais de 60 mil seguidores, ele postou diversos vídeos criticando o esquema.

Em vídeo divulgado em junho, por exemplo, ele explicou “por que a Unick é uma grande furada” e por qual motivo ele achava que o negócio era insustentável e lesaria os investidores. No material, o empresário citou ainda que o dono da Unick Forex, Leidimar Lopes, era dono da Phoner, uma pirâmide financeira gaúcha que sumiu do mapa.

Numero de processos contra a Unick chega a 430 só em SP

Não é só o Japa rico que está processando a Unick. Só na Justiça de São Paulo, segundo apuração do portal Livecons, há 452 processos judiciais abertos por investidores lesados. O número é 247% maior do que a quantidade registrada no início de novembro (130 ações).

No Amazonas, onde a Unick era representada por grandes líderes do esquema, como o advogado Marcos Prata, que afirmou no mês passado ao Livecoins também ser uma vítima da empresa, há quase 400 processos.

Já grupo do Telegram organizado para divulgar informações jurídicas sobre o andamento dos processos contra a Unick Forex e discutir medidas judicias e extrajudiciais, há pouco mais de 2 mil pessoas em busca de informações atualizadas sobre o caso.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Lucas Gabriel Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Mão segurando Bitcoin em pilha de moedas

‘Barão do Bitcoin’ fará workshop sobre criptomoedas

Com o desempenho do Bitcoin ao longo dos anos muita gente passou a ter interesse na possibilidade de investir na criptomoeda, mas por onde...
BLOCKCHAIN

Entidade ligada ao Conselho Federal de Engenharia contrata serviço em Blockchain por R$ 1,63...

A Mútua de Assistência dos profissionais do CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) contratou por R$ 1.634.000,00 a empresa Ágile Corporation para fornecer...
Bitcoin Aceito Aqui

GoldConnect é a primeira Telecom a aceitar Bitcoin na América Latina

A primeira Telecom a aceitar Bitcoin como meio de pagamento na América Latina é a GoldConnect. Com atuação em mais de 17 países da...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias