Valor intrínseco do Bitcoin está de acordo com preço, aponta JPMorgan

Grande banco dos EUA tem ponderado suas análises sobre Bitcoin, deixando críticas de lado!

-

Siga no
Banco dos EUA JPMorgan - Bitcoin BTC
Banco dos EUA JPMorgan - Reprodução/Flickr
Anúncio

Muitos olham para o preço do Bitcoin no mercado e desconfiam que seu valor não esteja correto, mas o JPMorgan afirmou recentemente que está tudo certo. Esse posicionamento ponderado chamou atenção da comunidade Bitcoin, que não esperava ver um discurso positivo partir do banco.

Em tempos passados, o JPMorgan foi apontado como um banco inimigo das criptomoedas. Seu CEO, Jamie Dimon, teceu críticas públicas a moeda digital, falando até que o Bitcoin era uma fraude e que não deveria ter valor. Nos últimos dias foi a vez do Goldman Sachs criticar o Bitcoin e o ouro publicamente.

Apesar da forte posição antagonista no passado, entretanto, o JPMorgan tem mostrado uma forte aproximação com o mercado de criptomoedas. Sua blockchain privada, a Quorum, foi talvez o caso mais marcante da aproximação do banco ao ideal iniciado por Satoshi Nakamoto.

Anúncio

Isso, certamente, se passou até maio de 2020, quando os “ventos começaram a mudar“.

Banco JPMorgan
Banco JPMorgan – Reprodução/flickr

Banco JPMorgan libera pesquisa interessante sobre valor do Bitcoin, reflete o preço do mercado?

O preço do Bitcoin novamente busca aproximar de U$ 10 mil, valendo mais que R$ 51 mil no Brasil nesta sexta (29). Os entusiastas da moeda sabem que o preço do Bitcoin deriva do interesse do mercado, regido pela lei da oferta e demanda.

Com várias corretoras espalhadas pelo mundo, o Bitcoin tem seu preço definido principalmente pelas ordens de compra e venda em plataformas. O chamado mercado de Bitcoin é maduro em 2020, com ferramentas monitorando em tempo real as atividades dessas corretoras.

Em uma análise recente feita por Nikolaos Panigirtzoglou, o analista de pesquisa do JPMorgan deixou claro que o banco entende o funcionamento do ecossistema. O estudo apareceu em um relatório privado do banco, apresentando conceitos como mineração, preço e valor intrínseco do Bitcoin.

Em janeiro último, o analista Nikolaos havia dito que o valor do Bitcoin estava errado em relação ao preço de mercado. Isso porque, o JPMorgan calcula o Bitcoin como um produto, estimando custos de produção, gastos com energia, entre outros.

Mineração de Bitcoin é importante para manter a rede
Mineração de Bitcoin

O que estava errado antes, foi corrigido após o halving do Bitcoin

Desde o último relatório, quando o banco afirmou que o valor estava errado em relação ao preço do mercado, o Bitcoin valorizou 32%. O novo estudo, feito nos últimos dias, aponta que o preço está certo devido ao halving.

Compartilhado pelo usuário do Twitter PiQ, o estudo do JPMorgan analisou que o valor do Bitcoin está de acordo com seu preço de mercado. A metodologia utilizou o custo de produção sob a visão de Hayes, pegando dados do Bitinfocharts.

JPMorgan aponta que valor do Bitcoin está de acordo com preço de mercado
JPMorgan aponta que valor do Bitcoin está de acordo com preço de mercado – Reprodução/Twitter

O estudo indicou que o halving dobrou o valor intrínseco do Bitcoin, no último dia 11 de maio. Ou seja, com menos produção de moedas no mercado, fato que afeta diretamente a inflação da moeda digital, o JPMorgan aponta que o valor de cada Bitcoin está onde deveria estar.

O estudo não foi compartilhado publicamente pelo JPMorgan, com apenas PiQ reproduzindo parte do conteúdo. Mesmo assim, poderia indicar que o JPMorgan está apresentando aos seus clientes uma visão menos pessimista sobre o Bitcoin, após anos de desconfiança.

Recentemente, o JPMorgan passou a atender as corretoras Coinbase e Gemini. Há quem acredite que essa aproximação tenha interesses extras, como eventuais IPOs das corretoras, mas por hora, tudo seria um rumor da comunidade de criptomoedas.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Compra de Bitcoin

Governo da Noruega compra Bitcoin

Uma empresa que fez a compra de R$ 1,3 bi em Bitcoin como reserva de valor em agosto continua a repercutir na comunidade cripto....
Bitcoin em corretoras de criptomoedas

CEO da MicroStrategy: “podemos despejar R$ 1.3 bi em Bitcoin no mercado a qualquer...

Após comprar de R$ 1.3 bilhão em bitcoin como reserva de valor, a MicroStrategy se tornou um nome importante para os defensores da moeda...
Prédio da PGR - Ministério Público Federal do Brasil (MPF) investigando

MPF está investigando ataque hacker em seus servidores

O Ministério Público Federal (MPF) está investigando um suposto ataque hacker em seus servidores. De acordo com um portal de notícias, dados do órgão...

Últimas notícias

CEO da MicroStrategy: “podemos despejar R$ 1.3 bi em Bitcoin no mercado a qualquer hora”

Após comprar de R$ 1.3 bilhão em bitcoin como reserva de valor, a MicroStrategy se tornou um nome importante para os defensores da moeda...

MPF está investigando ataque hacker em seus servidores

O Ministério Público Federal (MPF) está investigando um suposto ataque hacker em seus servidores. De acordo com um portal de notícias, dados do órgão...

Finanças Descentralizadas (DeFi) caem 40%, será o fim?

Nos últimos dias assistimos um massacre das moedas de finanças descentralizadas (DeFi), com quedas entre 30% e 58%. Talvez você não tenha acompanhado a...