Votação da regulação do Bitcoin no Senado Federal é cancelada nesta quarta

Nesta quarta deveria haver uma reunião na casa, mas acabou não acontecendo.

Siga no
Destaque na cúpula do Senado Federal no edifício do Congresso Nacional
Destaque na cúpula do Senado Federal no edifício do Congresso Nacional

A votação da regulação do Bitcoin no Senado Federal foi cancelada nesta quarta-feira (15), empurrando a aprovação do projeto de lei para o futuro.

Com esse impasse, os projetos de lei de criação de senadores dificilmente serão tramitados ainda em 2021, visto que o recesso parlamentar começa no dia 23 de dezembro. Contudo, o projeto de lei aprovado na Câmara dos Deputados na última semana ainda poderia ser votado nesta semana, segundo seu autor, Deputado Aureo Ribeiro (Solidariedade-RJ).

Para esclarecer melhor essa confusão de projetos de lei, vamos aos pontos em pauta no Congresso Nacional hoje e poderiam afetar as criptomoedas.

Câmara dos Deputados aprovou e enviou para o Senado Federal, o que falta?

A Câmara dos Deputados, que tramitava desde 2015 um projeto de lei para criar regras ao mercado de criptomoedas, aprovou no plenário na última semana as suas regras.

Assim, o próximo passo a ser tomado é a aprovação no Senado Federal, que é a casa revisora segundo a constituição brasileira, conforme explicado pela advogada Nathaly Diniz ao Livecoins nos últimos dias.

O projeto sendo aprovado pelo senado seguiria para sanção do presidente Jair Bolsonaro (PL-RJ). De acordo com o Deputado Aureo, todo esse processo está alinhado com senadores e o presidente, o que deverá acontecer até no máximo até o mês de março de 2022.

Senado Federal tem outros projetos de lei, o que isso significa?

Enquanto os deputados lutavam para aprovar seus projetos de lei e criar regras ao Bitcoin no Brasil, os senadores também o faziam. Ou seja, só no Senado Federal tramitam mais três projetos de lei reunidos atualmente na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e que deveriam ser votados nesta quarta-feira (15).

Essa informação foi compartilhada pelo senador relator Irajá (PSD-TO) na última semana, mas a CAE se reuniu na última terça para aprovar o senador Anastasia como ministro do TCU e não falou sobre o mercado de criptomoedas.

Dessa forma, o projeto de lei que tramita no Senado Federal dificilmente sairá do local para a Câmara dos Deputados em 2021, e ainda poderá ver o outro projeto aprovado a encaminhado ao presidente antes.

Para não ficar sem alterações, o Senador Irajá chegou a complementar na última terça-feira (14) o Projeto de Lei n.º 3.285/2019, de autoria do Senador Flávio Arns, o primeiro apresentado na casa. Assim, após a modificação do projeto, Irajá pediu o arquivamento de outros dois PLs apresentados no Senado e que tramitavam em conjunto.

“O relator, senador Irajá, apresentou complementação de relatório pela aprovação do PL n.º 3825 de 2019, nos termos do substitutivo que apresenta, e concluindo pela prejudicialidade dos Projetos de Lei n.º 3949 de 2019 e 4207, de 2020.”

Com a reunião desta quarta cancelada, o projeto do senado ficará parado até novas deliberações na comissão e deverá ser votado apenas em 2022. De qualquer forma, caso o projeto da câmara avance como acredita seu autor, a regulação poderá avançar no país.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Robert Kiyosaki

Robert Kiyosaki diz que crash do Bitcoin é uma “excelente notícia” – “Hora de...

Não é segredo para ninguém que o mercado de criptomoedas está em um período bem complicado, com uma correção que começou na virada do...
XP Investimentos e gráficos ao fundo

XP Investimentos lança fundo focado em metaverso

A XP Investimentos e a corretora Rico anunciaram nesta segunda-feira (24) um fundo focado no metaverso, que estará disponível para seus clientes. A XP...

Nova ameaça ao Ethereum? Fantom ultrapassa Solana, BSC e Avalanche

Com o setor DeFi ainda sendo um ponto importante para o mercado de criptomoedas e diferentes ecossistemas, uma rede está se destacando em relação...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias