XP Investimentos lança fundo focado em metaverso

Corretora XP e Rico terão produto para oferecer ao mercado.

XP Investimentos e gráficos ao fundo
XP Investimentos e gráficos ao fundo

A XP Investimentos e a corretora Rico anunciaram nesta segunda-feira (24) um fundo focado no metaverso, que estará disponível para seus clientes. A XP Inc. tem mais de 3,4 milhões de clientes e R$ 815 bilhões de ativos sob custódia, sendo atualmente dona das marcas XP, Rico, Clear, Infomoney, XPeed, entre outras.

Já a Rico tem o foco em apresentar aos seus clientes opções de investimentos divertidas, se tornando uma referência junto ao público jovem por sua forma de atuar focada na diversidade.

Ambas as empresas agora começam a inovar com produtos ligados a um dos setores mais em alta nos últimos meses, que é o metaverso.

XP Investimentos e corretora Rico lançam fundo de metaverso

A XP e Rico lançaram o um fundo focado em empresas que trabalham com o metaverso. Para isso, o fundo vai replicar um índice da Bloomberg que reúne, atualmente, 30 ações globais de gigantes da tecnologia, como Microsoft, Apple e, claro, a Meta (ex-Facebook).

Todas essas empresas já trabalham hoje com o metaverso, um ambiente de realidade virtual que permite uma maior interação por meio de avatares, mas controlados por pessoas. O novo fundo é voltado ao público em geral, com um aporta mínimo de R$ 100,00.

Para Henrique Sana, especialista de investimentos temáticos e alternativos da XP Inc, esse é um produto que poderá faturar muito no mercado mundial.

“Trata-se de um produto inserido em um mercado que poderá faturar mais de US$ 800 bilhões em 2024 segundo projeções da Bloomberg. O fundo indexado que a XP está lançando no mercado irá oferecer exposição a este investimento temático de ações internacionais e contará com a credibilidade, transparência e expertise do time da Bloomberg Intelligence e Bloomberg Índices”.

Chamado Trend Metaverso da XP, esse fundo contará com a proteção cambial à variação do Dólar ante o Real. Além disso, ele contará com o pagamento de taxa de administração de 0,75% ao ano, sem taxa de performance.

As empresas que são reunidas no Bloomberg Metaverse Index são de maioria dos Estados Unidos, mas há companhias de outros países.

Empresas que atuam no metaverso e criptomoedas são privilegiados por fundo

Em comunicado compartilhado com o Livecoins, o especialista da XP ainda deixa claro que este fundo está ligado a inovação desse mercado de metaverso, mas não exclusivamente dele. Isso porque, as empresas que estão observando este setor também estão de olho nas criptomoedas, outro setor em alta.

“O fundo privilegia a diversificação global e setorial para selecionar os melhores ativos, ou seja, as empresas globais que estão na vanguarda da tendência do metaverso — da produção de games de realidade aumentada ao mercado de ativos digitais, como criptomoedas”.

Dessa forma, o índice trabalha com companhias que atuam nas áreas de internet, serviços de mídia, entretenimento e conteúdo, tecnologias para hardware e software, entre outras mais. Algumas outras empresas que estão no índice, que será recosntruído trimestralmente, são Warner Music, Discovery e Walt Disney.

Para Henrique, esse produto chega para que o investidor comum que não queira ficar de fora do metaverso já comece a investir no setor.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias