Bilionário luta contra golpes que usam sua imagem

Siga no

Richard Branson é um dos bilionários mais famosos do mundo, e muitos o reconhecem por terem visto o simpático sorriso nos muitos golpes de Bitcoin que utilizam personalidades famosas para promover esquemas fraudulentos. Branson agora está na linha de frente no combate de golpes com Bitcoin que utilizam o seu rosto como forma de atrair investidores.

Branson é o fundador da Virgin Group e tem um patrimônio líquido estimado em US$ 4,4 bilhões (R$ 24 bilhões), além de ser um escritor famoso e ter um status de celebridade. Isso fez com que o britânico logo se torna-se um dos principais rostos para golpes de Bitcoin que prometiam dinheiro fácil.

A preferência pela imagem de Branson foi constatada pela Centro Nacional de Segurança Cibernética do Reino Unido (CNSC), como mostrado pelo site Forbes. O bilionário está em uma luta de 3 anos contra esses muitos golpes.

Segundo as informações do site, na última semana o empresário ajudou financeiramente o CNSC na luta contra diferentes golpes, principalmente os que oferecem oportunidades milagrosas de investimento.

O órgão de segurança disse que derrubou mais de 300 mil sites maliciosos que estavam utilizando nomes e a imagem de famosos para divulgar os golpes que muitas vezes envolvem criptomoedas e principalmente o Bitcoin.

Em vídeo para YouTube, Branson divulgou uma campanha para saber como identificar golpistas.

A campanha tem foco também nos artigos falsos em sites que se passam por fontes de notícia. Esses artigos são bem comuns em propagandas em outros sites.

Ainda de acordo com a Forbes, Richard Branson disse em um comunicado que ele e a sua equipe tiveram que lidar com centenas de sites falsos e golpistas se passando por ele online, sempre com golpes envolvendo o Bitcoin e outras criptomoedas. No comunicado ele também afirma que está trabalhando junto com a CNSC para continuar combatendo esse tipo de golpe.

“Infelizmente os golpes não vão desparecer do dia para anoite e eu peço para que todos continuem vigilante e sempre chequem os sites oficiais e contas verificadas nas redes sociais”, disse Branson.

Golpes com Bitcoin bombaram a partir de 2017

Golpes com Bitcoin envolvendo celebridades são famosos.

Como não é de se surpreender, segundo a equipe da Virgin, os golpes de Bitcoin envolvendo o nome de Branson e da empresa começaram a partir de 2017, justamente quando o Bitcoin entrou no mainstream do público após uma alta história que até hoje não foi superada.

Os golpes vão muito além dos sites falsos, mas também envolvem complexas formas de engenharia social, muitas vezes com ligações telefônicas com alguém imitando a voz de Branson para enganar a vítima.

Esses golpes são bem comuns e basta uma olhada em alguns sites para começar a ver as grandes recomendações de investimento por “celebridades”. Aqui no Brasil, recentemente, tivemos casos similares que usaram o nome de Tiago Leifert e da famosa dançarina e apresentadora infantil Carla Perez.

Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Gestor de fundos diz que bitcoin é igual cassino

Diante da crescente adoção do bitcoin por vários bilionários de Wall Street, um veterano gestor de fundos resolveu ir na contra mão e lançou...

“Perdi meu amigo”, diz homem que viu amigo entrar em depressão após bitcoin cair...

Comprar bitcoin por $ 20 mil em 2017 foi um risco que muita gente assumiu. Para alguns esse risco resultou em situações complicadas tendo...
Samy Dana

“Pessoal do Bitcoin me odeia, mas não entende o que eu falo”, diz Sammy...

Samy Dana é uma figura conhecida no criptomercado brasileiro, sendo até mesmo um meme na comunidade por causa de suas opiniões negativas sobre o...

Últimas notícias

“Perdi meu amigo”, diz homem que viu amigo entrar em depressão após bitcoin cair 80%

Comprar bitcoin por $ 20 mil em 2017 foi um risco que muita gente assumiu. Para alguns esse risco resultou em situações complicadas tendo...

“Pessoal do Bitcoin me odeia, mas não entende o que eu falo”, diz Sammy Dana

Samy Dana é uma figura conhecida no criptomercado brasileiro, sendo até mesmo um meme na comunidade por causa de suas opiniões negativas sobre o...

Hackers derrubam TRF1 e vazam dados de concursos e funcionários

Hackers continuam derrubando sistemas do governo. Dessa vez, o grupo hacker @CIllucionLab assumiu autoria de um vazamento de dados do Tribunal Regional Federal...