Binance pede regulação global para o mercado de criptomoedas

Nos anúncios que descrevem os 10 Direitos Fundamentais, a Binance afirma que a regulação geral é inevitável e enfatiza que a "regulação inteligente" trará benefícios ao setor.

Siga no
Símbolos da corretora Binance
Símbolos da corretora Binance

A Binance, maior corretora de criptomoedas do mundo, publicou uma declaração com 10 “direitos” para usuários de criptomoedas, que pode servir, na verdade, como guia nas discussões regulatórias e no desenvolvimento de estruturas globais para o mercado.

Os “direitos”, conforme descritos em uma série de anúncios publicados hoje, visam garantir o acesso “seguro” a tecnologias emergentes, liquidez e plataformas seguras, entre outras medidas para “proteger” os usuários “sem limitar o crescimento e a inovação.”

“Na Binance, o usuário sempre foi nossa prioridade, desde sua segurança até sua experiência como parte de uma comunidade maior. Essa é a essência do setor cripto e é importante que não esqueçamos disso. Com esses 10 direitos básicos, esperamos dar voz àqueles que tradicionalmente foram silenciados pelos sistemas financeiros”, disse o CEO da Binance, “CZ” (Changpeng Zhao).

Direitos?

Em meio às altas recentes do mercado, um influxo de novos investidores e o amadurecimento do setor, a Binance trabalha em conjunto com reguladores e autoridades para desenvolver uma estrutura regulatória global que alcance o objetivo mútuo de proteger os usuários, permitindo que a inovação continue de forma responsável e garantindo o desenvolvimento saudável do setor.

A Binance acredita que os 10 Direitos Fundamentais de Proteção para Usuários de Criptomoedas, anunciados hoje, servirão como referência em discussões produtivas sobre o tema, incluindo outras corretoras, organizações de inovação blockchain, autoridades legais e líderes mundiais.

Direitos??

Nos anúncios que descrevem os 10 Direitos Fundamentais, a Binance afirma que a regulação geral é inevitável e enfatiza que a “regulação inteligente” trará benefícios ao setor. “Como os cintos de segurança em um carro, um mercado de criptomoedas com regras bem estabelecidas oferece mais segurança aos usuários.”

Entre os tais dos direitos, há por exemplo, o “direito de fazer KYC”, o que pode deixar alguns investidores de cabelo em pé, já que não se trata de um direito, mas sim de uma obrigação imposta por reguladores.

“Regulação e inovação não são mutuamente exclusivas. Queremos fazer o possível como indústria para trabalhar com reguladores e líderes mundiais na identificação de políticas regulatórias eficazes capazes de, principalmente, proteger os usuários e estimular a inovação. A Binance pretende trabalhar em estreita colaboração com os reguladores para aprimorar seus conhecimentos sobre o setor e suas possibilidades”, disse CZ.

"Direitos"
“Direitos”

Direitos???

Abaixo os 10 “direitos” que a Binance cita em seu documento.

  1. Todo ser humano deve ter acesso a ferramentas financeiras, como criptomoedas, que permitem maior independência econômica.
  2. Os participantes da indústria têm a responsabilidade de trabalhar com reguladores e formuladores de políticas para definir novos padrões para ativos criptográficos. A regulamentação inteligente incentiva a inovação e ajuda a manter os usuários seguros.
  3. Plataformas de criptomoedas responsáveis ​​têm a obrigação de “proteger” os usuários de malfeitores e implementar processos de Know Your Customer (KYC) para prevenir crimes financeiros.
  4. A privacidade é um direito humano, e os dados de informações de identificação pessoal (PII) devem estar sujeitos a níveis rígidos de proteção.
  5. Os usuários de criptomoedas têm o direito de acessar as corretoras que mantêm seus fundos seguros, sob custódia com seguro de depósito abrangente.
  6. Mercados saudáveis ​​devem manter um nível robusto de liquidez para garantir um ambiente de negociação estável e sem atrito.
  7. Regulação e inovação não são mutuamente exclusivas. Os usuários de criptomoedas merecem acesso seguro a tecnologias e práticas emergentes, incluindo NFTs, stablecoins, staking, yield-Agriculture e muito mais.
  8. Fechar a lacuna de conhecimento é essencial quando se trata de criptomoedas. Os usuários têm direito a informações precisas sobre ativos, sem medo de serem vítimas de publicidade injusta ou enganosa.
  9. Os mercados que oferecem instrumentos derivados devem estar sujeitos aos regulamentos apropriados. Isso garante que todos os usuários atendam aos requisitos de elegibilidade e que suas transações sejam liquidadas de forma justa.
  10. A regulamentação das criptomoedas é inevitável. Os usuários têm o direito de compartilhar sua opinião sobre como a indústria deve evoluir com a plataforma de blockchain de sua escolha.

Como a própria Binance diz, a regulação para o mercado é inevitável, mas o Bitcoin não pode ser regulado, portanto, lembre-se, exchange não é carteira.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Kid Bengala promete dar “madeirada” em quem vender criptomoeda

Após a sua grande carreira na indústria de filmes adultos, Clóvis Basílio dos Santos, mais conhecido como Kid Bengala, se tornou uma celebridade na internet...

Um dos maiores bancos dos EUA pode estar explorando empréstimos com Bitcoin

Com os bancos e outras instituições demonstrando cada vez mais interesse no criptomercado, podemos ver cada vez mais produtos ligados ao setor tradicional e...
Homem olhando bravo para notas amassadas de Real brasileiro enquanto segura o Bitcoin

Pesquisa revela que brasileiros acreditam no Real digital apenas no curto prazo

Muitos brasileiros acreditam no Real digital como uma tecnologia promissora de curto prazo, não para daqui a cinco anos. Pelo menos isso é o...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias