Binary Bit: Investidores vão à delegacia da Polícia Civil para registrar falta de pagamento

Um investidor mostrou que a Binary Bit foi parar na Delegacia da Polícia Civil de Guarapari por falta de pagamentos.

-

Siga no
Anúncio

Circula em redes sociais um vídeo de que investidores estariam procurando a Delegacia de Polícia Civil de Guarapari para reclamar da empresa. Ao mesmo tempo, o presidente da Binary Bit defende o negócio.

Problemas teriam começado após nota da CVM no Brasil

Os problemas, de acordo com investidores, começaram após a nota lançada pela CVM no fim de agosto de 2019. De acordo com a autarquia, a Binary Bit seria um “esquema de pirâmide”, que estaria, entre outras atividades, utilizando o nome da CVM para passar credibilidade a novos investidores.

Contudo, após a nota da CVM, alguns clientes têm demonstrado preocupação com a situação. Um deles entrou em contato com a reportagem do Livecoins informando que a empresa não o paga há 2 meses.

Cresce número de reclamações feitas por clientes da Binary Bit

Anúncio

Para o cliente que não terá seu nome revelado, o presidente da empresa, Ricardo Toro, deu várias datas para saques. Até o momento, entretanto, nenhuma das datas teria sido cumprida, de acordo com o investidor.

Ao mesmo tempo, cresceu no Reclame Aqui, portal de reclamações brasileiro, o número de solicitações quanto a este negócio. Cadastrado no portal há apenas três meses, já são 18 reclamações abertas por usuários. Chama atenção ainda que nenhuma delas foi respondida, o que dá a empresa o status de “Não Recomendada”.

A última reclamação, feita ainda no dia 23/10, informa que a Binary Bit não efetua os saques há 24 dias. O usuário responsável pela reclamação disse que a empresa é o “maior piramidão”. Cabe o destaque que a maior parte das reclamações foram registradas nos últimos 30 dias. Tal fato poderia mostrar que a Binary Bit está com problemas após a nota da CVM.

Binary Bit foi parar na Delegacia da Polícia Civil de Guarapari

Em um vídeo postado no YouTube no último dia 22/10, um investidor mostrou que a Binary Bit foi parar na Delegacia da Polícia Civil de Guarapari. De acordo com o autor do vídeo (assista abaixo), vários investidores estariam se dirigindo para a PC-ES para reclamar sobre a Binary Bit.

https://youtu.be/3ib14Xx6TX0

O autor afirmou que os líderes desse negócio serão presos pela Polícia Federal, assim como aconteceu recentemente com a Unick Forex e Wolf Trade. Procurado pela reportagem do Livecoins, o autor do vídeo não atendeu nossas ligações. A Delegacia mencionada também foi procurada, a resposta você pode ver na nota:

Nota da Polícia Civil:

A Polícia Civil informa que investiga todos os casos formalizados nas delegacias, e orienta que as vítimas desse tipo de caso registrem a ocorrência em qualquer delegacia, munidas de todo material que comprove o crime e que auxilie a polícia no trabalho de investigação. A Polícia conta com a colaboração da população e qualquer contribuição para identificação de suspeitos pode ser feita por meio do Disque-Denúncia 181 ou pelo disquedenuncia181.es.gov.br, onde é possível a pessoa anexar imagens e vídeos de ações criminosas. O anonimato é garantido e todas as informações são investigadas. “

Live feita por Ricardo Toro mostra problemas vivenciados pela empresa

Em uma live no último dia 22 de outubro, Ricardo Toro falou sobre a atual situação vivida pela Binary Bit. De acordo com Toro, os problemas serão resolvidos pela empresa, ainda que sem explicar como isso acontecerá.

Toro pediu que os clientes confiem na empresa, que soluções estão sendo buscadas. O presidente da empresa disse que o produto é bom e irá ter sua situação resolvida. Apesar disso, a situação só tem piorado na visão dos investidores que buscam cada vez mais o Reclame Aqui.

O Livecoins entrou em contato com a Binary Bit, que até o fechamento desta reportagem não respondeu nossas perguntas. Caso a empresa responda, iremos atualizar essa reportagem.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bitcoin e gráfico em queda de preços

Bitcoin cai 5% e pode não romper marca de 2017

O Bitcoin se aproxima do fechamento do mês de setembro e cai pelo menos 5% nesta segunda. Com a queda no preço do Bitcoin,...
FinCEN Files

Documentos vazados revelam que bancos lavaram R$ 10 trilhões em dinheiro ligado a crimes

Mais de 2.100 documentos secretos da FinCEN, Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA, foram vazados e os detalhes desses arquivos trazem informações...
Europa (União Europeia e Bitcoin)

Europa vai regulamentar Bitcoin até 2024, apontam documentos

Segundo documentos vazados para a imprensa, a Europa vai regulamentar o Bitcoin até 2024 em todos os países membros do bloco. O tema ganhou...

Últimas notícias

Documentos vazados revelam que bancos lavaram R$ 10 trilhões em dinheiro ligado a crimes

Mais de 2.100 documentos secretos da FinCEN, Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA, foram vazados e os detalhes desses arquivos trazem informações...

Europa vai regulamentar Bitcoin até 2024, apontam documentos

Segundo documentos vazados para a imprensa, a Europa vai regulamentar o Bitcoin até 2024 em todos os países membros do bloco. O tema ganhou...

Brasil desenvolve com blockchain uma identidade descentralizada

O Brasil caminha rumo às novas tecnologias e já desenvolve com uso da blockchain um novo projeto. Chamada de identidade descentralizada, a solução promete...