Bitcoin entra em Dezembro com Alta, Altcoins também

Confira as novidades deste fim de semana!

-

Siga no
Anúncio

O Bitcoin entra em Dezembro com alta nos preços, levando junto as altcoins, mas o que pode-se esperar do ativo no final de 2018?

O ativo digital está cotado no momento desta a cerca de U$ 4.200, com uma valorização de mais de 6% nas últimas 24 horas. Além disso, está com mais de 53% de dominância no mercado de criptomoedas, de acordo com o site CoinMarketCap no momento de escrita deste.

O Bitcoin em 2018 teve um ano difícil até aqui, no Brasil as exchanges sofreram com o baixo volume de transações, e a comunidade em geral viu o ativo se desvalorizar de forma agressiva chegando a se especular sobre a “morte” do BTC.

Anúncio

Um mais desacreditado entusiasta cripto chamado Max Keiser, conhecido crítico da criptomoeda Petro e do Bitcoin Cash, disse que o Bitcoin vai se valorizar até mais do que U$ 100.000, mas nós podemos nunca ver este dia pois será em um futuro distante, disse em uma entrevista recente.

Apesar disso, vários especialistas estão com uma visão otimista para o resto de ano, com alguns acreditando que ainda em 2018 os preços irão chegar a mais de U$ 20.000 por unidade.

Junto a este otimismo, recentemente várias empresas grandes de investimentos tradicionais anunciaram produtos ligados a criptomoedas, que se forem concretizados trariam uma vasta quantidade de dinheiro ao mercado cripto.

Algumas outras visões são em relação à mineração, pois apesar do cenário de mineração de criptomoedas não estar totalmente sem perspectiva, os resultados recentes mesclam entre bons e ruins.

Mais de 600 mil mineradores teriam parado com a atividade de mineração em Novembro de 2018 devido a baixa nos preços. Essa atividade é a que processa as transações da rede do Bitcoin, com o consenso Proof-of-work (POW).

Apesar disso, as boas notícias sobre mineradores começam aqui, pois a ASUS está fechando uma parceria com a Quantumcloud para desenvolver um software de mineração que incentive os Gamers a minerarem enquanto não estiverem jogando, mas não ficou claro quais criptos serão inclusas na aplicação e se dará lucros aos mesmos.

A empresa Canadense Fortress Blockchain que trabalha com mineração de Bitcoins (BTC e BCH também), anunciou que apesar da diminuição do lucro da atividade, ainda é rentável manter a mesma. Alguns poréns desse caso particular, é que a empresa utiliza energia verde e possui uma grande operação, mas para os pequenos e médios a vida está mais difícil.

Altcoins

A XRP continua no Top 2, com mais de 3% de valorização no momento da escrita desta e dominando mais de 10% do mercado todo, com dados do CMC.

O Ethereum continua na terceira posição e com cerca de 8% de dominância de mercado, subindo mais de 5% nas últimas 24 horas.

No top 10 do mercado temos destaque para a Cardano e para o Litecoin, que subiam mais de 9% e 8% respectivamente no momento de escrita desta.

Conclusão

O cenário do início de Dezembro não está totalmente ruim, o Bitcoin se mantém na faixa de preços que estava no fim de novembro, assim como as altcoins.

O único fator que ninguém pode negar entretanto é que no fim de 2017 o Bitcoin saiu de U$ 10 mil dólares do dia 01/12/2017 para mais de U$ 20 mil dólares no dia 17 do mesmo mês, logo o cenário pode parecer ruim e ficar bom de uma hora para outra, aos traders é bom ter atenção a oportunidades no mercado.

Fonte: https://coinmarketcap.com/currencies/bitcoin/

Compartilha aí sua opinião, o que podemos esperar do Bitcoin ainda em 2018? Deixe nos comentários.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bitcoin em corretoras de criptomoedas

Trader veterano que viu queda no Brasil gosta do Bitcoin

Com o preço do Bitcoin operando abaixo de U$ 12 mil em setembro, a contrapartida foi o aumento da volatilidade no início do mês....
Itau demissão criptomoedas

Itaú demite por justa causa funcionário que negociava Bitcoin no horário de expediente

O Itaú Unibanco demitiu por justa um analista de sistemas que, de acordo com a empresa, negociava Bitcoin e outras criptomoedas durante o horário...
Bitcoin e gráfico em queda de preços

Bitcoin cai 5% e pode não romper marca de 2017

O Bitcoin se aproxima do fechamento do mês de setembro e cai pelo menos 5% nesta segunda. Com a queda no preço do Bitcoin,...

Últimas notícias

Itaú demite por justa causa funcionário que negociava Bitcoin no horário de expediente

O Itaú Unibanco demitiu por justa um analista de sistemas que, de acordo com a empresa, negociava Bitcoin e outras criptomoedas durante o horário...

Bitcoin cai 5% e pode não romper marca de 2017

O Bitcoin se aproxima do fechamento do mês de setembro e cai pelo menos 5% nesta segunda. Com a queda no preço do Bitcoin,...

Documentos vazados revelam que bancos lavaram R$ 10 trilhões em dinheiro ligado a crimes

Mais de 2.100 documentos secretos da FinCEN, Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA, foram vazados e os detalhes desses arquivos trazem informações...