Bitcoin não tem ameaças existenciais e vai dominar o século 21, diz Michael Saylor

Saylor disse que as stablecoins ​​podem ser o que mais preocupa os governos, uma vez que possibilitam a transferência de grandes somas.

Siga no
Michael Saylor Kitcon News
Michael Saylor Kitcon News

O presidente e CEO da MicroStrategy, Michael Saylor, acredita que, mesmo que o uso do Bitcoin como forma de pagamento seja regulamentado ou proibido, a maior criptomoeda do mundo ainda não enfrentaria nenhuma ameaça ao seu principal caso de uso, que é uma reserva de valor, e por isso nenhuma ameaça existencial deve ser considerada.

Em uma entrevista no Kitco News ontem, Saylor expôs seus pensamentos sobre porque o Bitcoin não tem “ameaças existenciais” e como isso permitirá que ele domine o mundo como reserva de valor nos próximos anos.

“Eu acho que o Bitcoin será reserva de valor do século 21”, disse Saylor. “Existem 8 bilhões de pessoas que precisam de um dinheiro forte ou de um ativo monetário. Se eles vão viver uma vida decente, esse ativo precisa ser digital.”

Michael Saylor e a MicroStrategy são conhecidos como defensores fervorosos do Bitcoin. Solidificando-se como um ‘criptoguru’, Saylor, no início deste ano, revelou sua visão do Bitcoin como uma transformação única na vida. Ele também sugeriu que todos convertessem seus patrimônios em Bitcoin.

Criptomoeda

De acordo com Saylor, a palavra “criptomoeda” talvez seja problemática para o Bitcoin. Ele diz que o Bitcoin e outras criptomoedas devem ser consideradas “ativos criptográficos”.

“O dinheiro pode ser decomposto em um componente de moeda e um componente de ativo. E não são realmente criptomoedas, são ativos criptográficos. O Bitcoin é um recurso criptográfico”, disse ele. “E eu acho que se você olhar comentários de Jerome Powell, Christina Legarde, do vice-governador do banco central chinês, de Gary Gensler, todos eles comentaram que se trata de um ativo digital. Não é uma moeda digital.”

A MicroStrategy comprou quase 100 mil bitcoins no total. Não se limitando a isso, a empresa decidiu recentemente pagar os honorários do conselho de diretores não funcionários em Bitcoin em vez de em dinheiro.

Saylor disse recentemente que a empresa “está feliz” com sua abordagem de adquirir Bitcoin e que pretende continuar comprando.

Turquia e stablecoins

Saylor deu exemplo da Turquia que, embora tenham banido a criptomoeda como forma de pagamento, não restringiram seu uso como investimento.

“A Turquia não queria que as pessoas usassem Bitcoin como moeda. Isso não é diferente do que a IRS fez em 2014 nos EUA, quando tributou sobre a transferência, eles também disseram efetivamente, você não pode usar isso como moeda. Então, basicamente afirmar que não queremos que algo seja usado como moeda porque ameaça nossa moeda não é o mesmo que privar as pessoas de um ativo. E mesmo o banco central turco não privou, ou não limitou os cidadãos turcos de possuir o ativo.”

Por fim, Saylor disse que as stablecoins ​​podem ser o que mais preocupa os governos, uma vez que possibilitam a transferência de grandes somas.

“Eles vão se preocupar com moedas estáveis, como a capacidade de mover bilhões de dólares de euros em um trilho criptográfico, ou a capacidade de mover bilhões de dólares dos EUA. Isso vai atrair o interesse dos bancos porque a moeda é a proveniência dos banqueiros e do governo. E eles vão se preocupar em controlar sua moeda.”

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Robert Kiyosaki Imagem: Instagram

“Compre Bitcoin e Ethereum antes do maior crash da história”, alerta autor de “Pai...

Robert Kiyosaki, o autor do livro de finanças pessoais "Pai rico, Pai Pobre", insiste que as pessoas se protejam da maior crise do mundo,...
Elon Musk alerta sobre criptomoedas. Imagem: TMZ

Elon Musk pede agilidade para que Dogecoin faça melhorias

Após passar um tempo afastado das criptomoedas, esta semana Elon Musk voltou a se mostrar mais ativo no Twitter. Após a AMC divulgar estar...
Itajaí Moeda digital de recompensa

Itajaí vai dar moeda digital para quem contribuir com meio ambiente

O município de Itajaí, no estado de Santa Catarina, vai dar uma moeda digital para a população que contribuir com o meio ambiente. A novidade...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias