Bitcoin será uma das 50 maiores empresas do mundo?

Segundo uma comparação de market cap!

Siga no

Não, o Bitcoin não é uma empresa e nem possui uma formal por trás de seu desenvolvimento. O Bitcoin é uma moeda digital com governança descentralizada, sendo responsabilidade do Bitcoin Core atualizar com segurança o software. Entretanto, seu valor de mercado está em constante crescimento, sendo estimado que o Bitcoin pode estar entre as maiores empresas do mundo.

Além disso, o Bitcoin já foi associado como uma marca forte, podendo vir a ser uma das principais do mundo nos próximos anos. Com o crescimento do market cap do Bitcoin, este poderia vir a ser uma grande potência nos próximos anos.

Moeda digital, Bitcoin será uma entre as 50 maiores empresas do mundo?

Estima-se que o Bitcoin terá um grande crescimento nos próximos anos em sua adoção. Isso porque, com o endurecimento de políticas nacionais e descontroles cambiais, moedas fiat poderão perder força. Neste cenário, o Bitcoin poderá até vir a ser um hedge financeiro, possibilitando segurança e liquidez em uma eventual crise.

Além disso, a dominância do Bitcoin continua acima de 64% no momento da escrita deste. Apenas o valor de mercado do Bitcoin é de U$ 172 bilhões. Neste sentido, o criptomercado nos últimos tempos não vê outra criptomoeda com potencial de grande adoção além do Bitcoin.

Entretanto, se o Bitcoin fosse uma empresa, ele estaria entre as 50 maiores empresas do mundo, segundo lista da Forbes de 2019. Isso indicaria que, com o market cap atual do Bitcoin, a criptomoeda seria uma empresa de destaque caso esta moeda assim se enquadrasse. Por mais engraçado que possa parecer, o Bitcoin estaria posicionado entre dois bancos dos EUA, HSBC Holdings (U$175 bilhões) e Citigroup (U$161 bilhões), duas grandes instituições dos EUA.

Fonte: Forbes

Em outra relação que mostra as 1000 maiores empresas do mundo, o Bitcoin se manteria na posição 49 em julho de 2019, uma posição a menos do que a citada pela Forbes. De acordo com dados do Value.Today, o Bitcoin estaria entre a PetroChina (U$173 bilhões) e HSBC Holdings (U$169 bilhões). Isso mostra que o valor dado ao Bitcoin hoje já se coloca entre grandes instituições mundiais de vários setores.

Bitcoin ainda não se compara com mercado de ações mundiais

O Bitcoin por muitos é tratado como uma reserva de valor e não como meio de troca. Neste sentido, muitos investidores têm buscado ganhar em cima da valorização do Bitcoin negociado em corretoras pelo mundo.

Entretanto, o Bitcoin ao ser comparado com o mercado de ações não possui um valor significante. O mercado global de ações, que teve início em meados de 1309, já é certamente um ambiente mais maduro. No Brasil a primeira bolsa de valores data de meados de 1840. Neste sentido, o Bitcoin tem apenas dez anos e as corretoras que negociam esses ativos digitais são mais novas ainda.

Finalmente, todo o criptomercado possui apenas 0,38% do valor do mercado de ações tradicional, representando ainda pouca ameaça a este. Cabe o destaque que, o Bitcoin como uma moeda digital, não possui comparação com ações, apenas para fins didáticos e hipóteses. Finalmente, o Bitcoin teria pouco mais de 0,25% do valor do mercado de ações global.

Fonte: bitcoinist

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Coluna do TradingView: Bitcoin e a briga de compradores e vendedores

Bitcoin chegou no topo e já ensaiou um rompimento, mas falhou. O preço está brigado no topo e se romper pode ser um estouro....

Visa vai conectar sua rede de pagamentos a criptomoeda

A Visa, uma das maiores processadoras de pagamentos do mundo anunciou nesta quarta-feira (2) que vai integrar o seu sistema de pagamento com o...
Visa BlockFI

Visa lança cartão de crédito com cashback em bitcoin

Agora você pode receber 1.5% de cashback em bitcoin por compras efetuadas por meio de um novo cartão de crédito lançado pela Visa em...

Últimas notícias

Visa vai conectar sua rede de pagamentos a criptomoeda

A Visa, uma das maiores processadoras de pagamentos do mundo anunciou nesta quarta-feira (2) que vai integrar o seu sistema de pagamento com o...

Visa lança cartão de crédito com cashback em bitcoin

Agora você pode receber 1.5% de cashback em bitcoin por compras efetuadas por meio de um novo cartão de crédito lançado pela Visa em...

CEO da BlackRock acredita que bitcoin impacta status de reserva do dólar

O CEO da BlackRock, Laurence Douglas Fink, acredita que o bitcoin impacta o dólar americano como reserva. De acordo com ele, as criptomoedas chegaram...