Como funciona a governança na blockchain?

Bitcoin, Ethereum, Decred e Tezos foram analisadas!

-

Siga no
Anúncio

Com a imensa popularização da tecnologia blockchain, um novo campo de pesquisa tem crescido. Isso porque, com as possibilidades advindas das criptomoedas, a governança na blockchain é palco de grandes debates.

Certamente é um campo que irá crescer assim como a criptoeconomia. Em um artigo postado no Medium por Noah Pierau, no último dia 10 de maio, alguns projetos tiveram analisadas suas bases de governança.

Governança na Blockchain do Bitcoin, Ethereum, Decred e Tezos

Por governança entende-se o processo de criar modelos de governo. Noah explicou em seu artigo as bases da governança da blockchain, começando pela off-chain e on-chain. Para o autor do estudo, estes são os primeiros passos para entender as duas formas de governança.

Anúncio

Como governança off-chain, o autor traçou um processo de discussão de ideias e obtenção de financiamento para implementá-las. Esse processo pode ser feito através de redes sociais, GitHub, entre outros.

Por outro lado, foi traçado a ideia da governança on-chain (na rede). Isso porque aqui é onde as regras de consenso são alteradas, através de códigos de computador.

Governança pode ser formal ou informal.

Como atributos da governança, existem dois campos a serem analisados, que é a parte formal e informal.

Pela definição do autor, “governança formal consiste em procedimentos claramente definidos, é verificável e existem barreiras de acesso iguais para participar”. Por outro lado, “governança informal consiste em procedimentos mais ou menos definidos que podem ser opacos e as barreiras de acesso podem ser inconsistentes”.

Quadrante de governança blockchain para análise de projetos

Partindo para uma parte prática da análise, Noah propôs a criação de um quadrante de governança. Nele foram analisados quatro projetos: Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH), Decred (DCR) e Tezos (XTZ).

Fonte: https://medium.com/@NoahPierau/the-basics-of-blockchain-governance-6669c098344d

Certamente o autor acredita que todos os projetos blockchain possuem governança on-chain e off-chain. Entretanto, há níveis que diferenciam cada projeto, além dos atributos.

  • Governança informal off-chain: Twitter, Reddit, Github, chats privados.
  • Governança formal off-chain: plataformas de governança inteligentemente projetadas.
  • Governança informal on-chain: versões da abordagem baseada em hard forks.
  • Governança formal on-chain: votação com base em entidade ou stake.

Criptomoedas não foram criticadas, mas sim analisadas pela suas características de governança

O Bitcoin foi colocado com uma visão que não valoriza a governança. Isso porque o autor acredita que as mudanças no projeto são resolvidas por um pequeno grupo de pessoas. Além disso, o BTC permite que aconteça muitos hard forks na rede, o que prejudica a governança.

A rede Ethereum, no que lhe concerne, presta atenção na governança. Porém, ainda permite hard forks, como Ethereum Classic (ETC). Para Noah, as ferramentas desenvolvidas nessa rede devem ainda ser utilizadas, o que “dá o benefício da dúvida”.

Como referência de governança off e on chain, o estudo alçou ao topo a criptomoeda Decred. Isso porque a comunidade pode opinar no desenvolvimento do projeto com a ferramenta chamada de Politeia. Além disso, os participantes podem votar contra alterações de consenso através do stake, provendo a essa rede enorme força no quesito.

Finalmente, a última rede a compor o quadrante de governança foi a Tezos. Essa rede possui um enorme foco em implementar códigos on-chain de governança, com uso de Proof of Stake (PoS). Entretanto, na governança off-chain o projeto ainda depende da Fundação Tezos e da PwC Suíça para aprovar mudanças.

Conclusão do estudo aponta para necessidade de mais pesquisas na área

Para Noah, mais pesquisas devem ser conduzidas para buscar compreender o aspecto da governança de projetos blockchain. Entretanto, até que mais elementos apareçam, o autor recomenda o uso do quadrante de governança para conhecer de forma rápida as características dos projetos.

Além disso, as novas pesquisas podem partir do seu estudo para buscar conhecer a fundo os projetos. Exemplos podem ser feitos sobre os diferentes níveis de formalização de governança, adaptando o quadrante para casos específicos.

Certamente o mundo aguarda as formas de governança de projetos de criptomoedas para ajudar no mundo. As possibilidades de criar um governo com regras de consenso e smart contrats são enormes, estando ainda em fases embrionárias.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Últimas notícias

Reality Show de startups terá palestra sobre blockchain

Um Reality Show voltado ao público de startups está promovendo uma série de debates públicos sobre tecnologia a inovação. Uma das palestras terá a...

“Se você acha que imposto é roubo, chama a polícia”, diz Kim Kataguiri

Em um entrevista para o canal Letícia Shirakiin, o Deputado Federal Kim Kataguiri foi questionado se imposto é roubo. A resposta veio em tom de...

Surge o Primeiro Case da Hathor

Pois então que surge espontaneamente o primeiro caso de uso da blockchain brasileira Hathor. Vou contar como isso aconteceu. Bem, o time concebeu a...