Blockchain e Espaço Sideral: Uma história para o futuro

Siga no

Há quem acredite que a Terra é Plana, mas não queremos aqui entrar nesse mérito, pois o foco é Blockchain e Espaço Sideral. Acredite em mim, há relação e muito potencial!

Blockchain e Espaço Sideral

A Blockchain vêm sendo há alguns anos um dos pilares de desenvolvimento tecnológico mundial, na forma de se trabalhar com dados armazenados e também com transações globais.

A corrida por um avanço espacial começou antes da Segunda Guerra Mundial, mas atingiu seu auge durante a Guerra Fria, e principalmente com a chegada do homem à lua.

Nesse espaço de tempo o homem aprendeu a sair das naves estando no espaço, pisou na lua e construiu uma Estação Espacial Internacional, que ficou a olho nu ao Rio de Janeiro no dia 22/06/2018.

O detalhe maior é que o espaço é um local neutro, onde não é possível inclusive realizar guerras, tudo isso descrito pela Convenção de Registros de Objetos Lançados ao Espaço, ratificado no Brasil pelo Decreto Nº 5.806 de 2006.

O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, vêm ao Brasil na data 26/06/2018 inclusive para debater sobre a Base de Alcântara como uma das pautas.

Essa visita acontece dias após ao anúncio de Donald Trump sobre a reformulação de sua política espacial, criando um sexto braço armado nos EUA com foco no espaço e independente das forças aéreas.

Com esse mercado bilionário em destaque, várias pessoas interessadas na exploração do Espaço Sideral não poderiam de deixar de observar a Blockchain e Criptomoedas, e utilizar as mesmas junto a vários projetos.

[quads id=3]

Onde entra a Blockchain em tudo isso?

A tecnologia da Blockchain serve para propósitos de armazenamento seguro de informações de forma descentralizada, mas também junto com as criptomoedas como um meio de financiamento de projetos.

A NASA já observa de perto os potenciais da Blockchain e Inteligência Artificial em seus projetos de exploração no universo.

A Decred, que é uma criptomoeda entre os projetos mais consolidados, já mostrou essa possibilidade ao apoiar projetos de foguetes.

O apoio partiu das comunidades brasileira e russa da Decred, junto a Universidade Federal de Pelotas, que já contou com esse suporte e lançou um equipamento aos céus no evento Spaceport America Cup.

Empresas privadas vêm buscando ter uma fatia da oportunidade de explorar o espaço, que até então é compartilhada apenas por governos centrais, e como o desenvolvimento de projetos nesse setor é caro aí entra a blockchain e seu potencial.

O fundador da empresa Virgin Group, Richard Branson, já anunciou que estaria a aceitar Bitcoin como pagamento para suas viagens.

 

A criptomoeda Qtum já lançou também o primeiro Node ao espaço, ainda em Fevereiro de 2018.

Estamos vendo a maior corrida ao espaço desde o fim da Guerra Fria, e com ICOs e projetos sendo financiados todos os dias para startups, poderemos ver em breve projetos cripto ligados a este setor também.

Há o projeto SpaceChain que procura buscar uma exploração no espaço baseada no consenso da Blockchain, algo interessante ao debate.

Lembrando que no Brasil há uma imensa facilidade para o lançamento de foguetes e satélites no Centro de Lançamento de Alcântara, e por isso o país pode ver bons projetos saindo daqui.

Para quem espera ver uma transação de Bitcoin ocorrendo no espaço, saiba que isso já aconteceu em 2016, deixo abaixo o vídeo para que contemplem:

 

Esperamos a nível mundial e nacional ver mais projetos ligados ao setor, e a blockchain e criptomoedas podem ser o limite do controle governamental a este tipo de tecnologia.

Não recomendamos nenhuma compra de ativos digitais, o mercado é novo e altamente volátil, estude bem antes de realizar qualquer investimento.

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Diego Armando Maradona homenagem criptomoeda Ethereum morreu

Maradona é eternalizado em blockchain Ethereum

Maradona significa na Argentina a perfeição de um jogador de futebol, sendo por lá um ícone do esporte. Após a notícia de sua morte,...
Carro de polícia com sirene ligada policiais criptomoedas Bitcoin

Polícia Civil recebe treinamento de identificação e apreensão de criptomoedas no exterior

Chegou ao fim mais um curso de capacitação promovido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública no Brasil. Agora, vários policiais aprenderam a bloquear...

CVM dos EUA é acusada de dar vantagens à China no mercado cripto

O Diretor de Inteligência Nacional (DNI) dos Estados Unidos, John Ratcliffe, enviou uma carta ao presidente da Comissão de Valores Mobiliários americana (SEC) expressando...

Últimas notícias

Polícia Civil recebe treinamento de identificação e apreensão de criptomoedas no exterior

Chegou ao fim mais um curso de capacitação promovido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública no Brasil. Agora, vários policiais aprenderam a bloquear...

CVM dos EUA é acusada de dar vantagens à China no mercado cripto

O Diretor de Inteligência Nacional (DNI) dos Estados Unidos, John Ratcliffe, enviou uma carta ao presidente da Comissão de Valores Mobiliários americana (SEC) expressando...

Bitcoin bate recorde de preço no Canadá

O preço do Bitcoin no Canadá bateu recorde de preço. A moeda digital foi negociada a C$ 25.300 pela primeira vez na história do...