Inicio ADA Cardano após 1 ano de main net

Cardano após 1 ano de main net

-

Compartilhe

Cardano é um projeto de Blockchain baseado em pesquisas revisadas por uma comunidade de acadêmicos. Projetado para funcionar com uma linguagem de programação própria, altamente segura e de fácil manutenção inspirada em Haskell.

É referido como o primeiro projeto de Blockchain nascido de uma filosofia científica, baseado em pesquisas acadêmicas, validadas por pesquisadores das maiores universidades do mundo. Seu software é desenvolvido em padrões de código aberto, suportando interoperabilidade com outras redes como: Bitcoin, Ethereum Classic, e outras. Possui hoje a 11ª maior capitalização de todo o mercado de criptomoedas ( $1.0 bilhão de dólares americanos).

É projetado em duas grandes camadas: uma de liquidação (Cardano SL) para transações contábeis e outra de computação (Cadano CL) para contratos inteligentes e aplicações descentralizadas.

O projeto é federado por 3 fundações:

Emurgo: Parcerias e negócios;
Cardano Foundation: Comunidade e instituições;
Input Output Hong Kong (IOHK): Engenharia e pesquisa;

Princípios do projeto

Filosofia Científica: “Pesquisa antes da implementação”. O projeto já produziu 40 papers sendo 20 destes revisados por pares. Além de dezenas de parcerias com grandes universidades como Tokyo Tech e Cambridge. Mais de 30 doutores trabalham no projeto;
Escalabilidade: Suporte a um número elevado de transações. Evitando problemas de sobrecarregamento da rede como ocorridos no Ethereum (CryptoKitties, etc);
Interoperabilidade: operar com outras redes de blockchain, sincronizando diferentes linguagens e tempos de produção de blocos;
Sustentabilidade: O projeto prevê um sistema de tesouraria e investimento em iniciativas voltado para geração de incetivos e sua durabilidade.

O que o projeto já entregou?

No final de 2018 o projeto organizou um grande evento para reunir desenvolvedores, pessoas importantes no projeto e a comunidade. O meetup foi batizado de Plutusfest em homenagem a linguagem de programação desenvolvida pela equipe do projeto. As 3 fundações que constituem o projeto fizeram um balanço de suas entregas.

Aggelos Kiayias, cientista chefe da IOHK

Nossa edição fez um resumo dos grandes anúncios do evento. O projeto produziu cerca de 40 papers, sendo 20 deles revisados em periódicos ou conferências científicas. Entregou também 5 testnets públicas em um ano de desenvolvimento: KEVM, IELE, Byron, Plutus e Marlowe. Além de uma sexta testnet, privada, chamada “Tresury“.

Testnets públicas

(1)KEVM: Uma máquina virtual de Ethereum com algumas modificações. Seu objetivo é basicamente facilitar a vida dos programadores com templates e checagens de código para reduzir erros;
(2)IELE: Inspirada na máquina virtual KEVM, citada acima, e na plataforma de compilação LLVM (binários otimizados, divide o processo de compilação pra otimizar). Pretende permitir ao usuário compor contratos inteligentes com linguagens de alto nível como Python, etc;
(3)Marlowe: Contratos financeiros em Blockchain. Sua interface pretende permitir que não programadores redijam contratos digitais com facilidade (drag and drop);

Meadow, emulador do Marlowe

(4)Plutus: Uma linguagem própria desenvolvida do zero. Inspirada na linguagem funcional Haskell, conhecida por sua precisão matemática, elegância e facilidade de manutenção. Atualmente o projeto avançou no desenvolvimento desta linguagem, tendo lançado uma versão reduzida chamada Plutus Core e um cliente de Haskell;
(5)Byron: É a mais antiga testnet. De forma simplificada, consiste em um ambiente de teste para as novas versões do backend do projeto Cardano.

Testnet privada

(6)Treasury: Mecanismo utilizado pelo projeto internamente para escolher quais iniciativas financiar.;

Cardano é o projeto cripto mais ativo do mundo no GitHub

O projeto Cardano frequentemente figura entre os projetos com maior engajamento na plataforma de versionamento Git/GitHub.

CoinCodeCap: (Fonte)

Quais as próximas grandes entregas?

Descentralização e stake –  fases Byron e Shelley

Em Setembro de 2018 o Paper do PoS (Ouroboros) foi revisado. Com a especificação matemática do modo de funcionamento do protocolo, a equipe começou a trabalhar no código. Já em 2019 o CEO da IOHK, Charles Hoskinson, solicitou à comunidade a organização de uma força tarefa para criação de padrões para a operação das staking pools.

O lançamento da testnet do stake está previsto para algo em torno do mês de Fevereiro de 2019. A entrega da mainet está prevista para iniciar no final de Março, de forma gradual, vizando a descentralização total até o final de 2019. Isto se iniciaria na versão 1.5 da “fase Byron (Cardano 1.N)“. Após o lançamento, seus nós seriam gradualmente descentralizados durante toda a próxima fase do projeto: “fase Shelley (Cardano 2.N)“.

Contratos inteligentes em main net e DApps

Conforme mencionado, existem 5 testnets públicas na camada de computação: KEVM, IELE, Byron, Plutus e Marlowe. Isto quer dizer que hoje é possível desenvolver contratos inteligentes apenas com algumas funções, em ambiente de testes. A previsão é que até o final de 2019 seja possível executar contratos inteligentes em uma rede principal (Mainet). Esta fase é conhecida como Goguen (Cardano 3.N).

Resumo das realizações do projeto

Em 1 ano de trabalho o projeto entregou:

  • Mais de 40 papers, 20 deles revisado por pares
  • Cliente Haskell
  • Cliente Rust
  • Cliente Mobile
  • Cliente de Browser
  • 2 linguagens de programação novas
  • Especificação matemática do PoS (Ouroboros)
  • Especificação matemática das Sidechains
  • Crescimento da Comunidade: mais de 100 mil membros ativos em suas redes

Brasileiros no projeto?

A IOHK (engenharia e pesquisa) tem pelo menos dois brasileiros em postos importantes para o projeto Cardano.

Recentemente Mario Laranjeira se encontrou com representantes do CNPq na embaixada do Brasil em Tóquio, Japão.

Cardano Brasil

O projeto também dispõe de uma comunidade brasileira relativamente ativa. Um dos exemplos é a Comunidade ADA Brasil. Responsável pela realização de 4 Meetups não oficiais e 1 Meetup oficial com a participação da Emurgo, no Instituto Genesis, PUC-Rio.

Cardano Meetup Brasil

Participe ativamente da comunidade e contribua para o projeto!
Grupo da Comunidade ADA Brasil no Telegram: @AdaBrasil

Curta nossa página no Facebook e também no Twitter para começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.

MAIS LIDOS

NuCoin: clientes sugerem Nubank a criar sua própria criptomoeda

O Nubank poderia aceitar as sugestões dos usuários e criar sua própria criptomoeda. É assim que pensa parte da comunidade do banco, que levantou...

Bilionário perde R$ 512 milhões em Bitcoin após “comprar na alta e vender na baixa”

Masayoshi Son, bilionário japonês fundador do Softbank Group, perdeu mais de US $ 130 milhões (R$ 512 milhões) em investimento em Bitcoin depois de comprar...

Banco Central da Argentina dá força para o Bitcoin

Com a inabilidade em resolver os problemas da inflação, o Banco Central da Argentina dá força para o Bitcoin (BTC). Essa moeda digital ganha...
 
Compartilhe
close-link
Siga o Livecoins nas redes sociais para começar e terminar o dia bem informado!