Coinbase anuncia que suspenderá negociações de XRP, moeda cai 20%

XRP era a terceira criptomoeda com maior capitalização de mercado no mundo, atrás apenas do Ethereum e do Bitcoin.

Siga no
Imagem Cortesia do Flickr

A maior corretora de criptomoedas dos Estados Unidos, Coinbase, anunciou na noite desta segunda-feira(28) que suspenderá negociações da criptomoeda da Ripple (XRP) no dia 19 de janeiro de 2021. A empresa disse que aguardará o processo que a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) move contra a Ripple Labs.

A Ripple é acusada pela agência reguladora americana de ter vendido títulos não autorizados através da venda da criptomoeda XRP. Desde que a empresa foi processada pela SEC, a moeda desvalorizou mais de 50%, agora, com a remoção do ativo em várias corretoras, o ativo caiu mais.

“Dada a recente ação da SEC contra Ripple, todos os books de XRP foram limitados e a Coinbase planeja suspender totalmente a negociação de XRP na terça-feira, 19 de janeiro de 2021. Depois disso, os usuários continuarão a ter acesso aos fundos em XRP.”

Apesar da remoção, a corretora disse que continuará a dar suporte ao ativo oferecendo serviço de custódia. Mas as negociações, ou seja, compra e venda, serão bloqueadas.

“A suspensão da negociação não afetará o acesso dos clientes às carteiras XRP, que permanecerão disponíveis para a funcionalidade de depósito e retirada após a suspensão da negociação,[…] continuaremos a oferecer suporte a XRP em custódia na Coinbase”.

A situação da XRP que já não era muito boa ficou muito pior, o ativo desvalorizou mais de 20% após o anúncio da Coinbase. Com a decisão da maior corretora dos EUA, analistas do mercado acreditam que outras corretoras sigam o mesmo caminho.

Na semana passada algumas pequenas corretoras suspenderam negociações com XRP, mas então a Bitstamp, uma outra gigante do mercado resolveu também remover a moeda. o resultado foi uma queda de 15% em 24 horas.

XRP era a terceira criptomoeda com maior capitalização de mercado no mundo, atrás apenas do Ethereum e do Bitcoin. Agora, em meio a uma tempestade de problemas, o ativo digital segue em queda e já caiu para a quarta posição, isso, com a remoção em apenas duas exchanges grandes.

No Brasil a moeda digital é negociada nas maiores corretoras, mas até o momento nenhuma anunciou remoção do ativo.

A SEC afirma que os executivos da Ripple venderam ilegalmente bilhões de XRP para financiar seus negócios e seus bolsos, arrecadando pelo menos US $ 600 milhões para suas contas pessoais

O processo afirma que a Ripple pagou mais de US $ 150.000 para “três principais negociantes” de uma corretora não identificada em 2017 que gerou o maior volume para a moeda. Isso foi considerado uma manipulação para “impulsionar” o token e aumentar seu preço.

A Ripple, portanto, enfrenta agora um processo pesado e o futuro da moeda é incerto.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Imagem de Dorian Nakamoto, que foi suspeito de ser Satoshi

Desenvolvedor que trabalhou com Satoshi Nakamoto quer que Bitcoin mude algoritmo de consenso

Um desenvolvedor que trabalhou com Satoshi Nakamoto no desenvolvimento do Bitcoin agora defende que a criptomoeda utilize Proof of Stake (POS), um algoritmo de...

HSBC bloqueia pagamentos para Binance no Reino Unido

O HSBC, o sexto maior banco do mundo, afirmou em um comunicado recente que suspendeu e proibiu no Reino Unido todas as transferências de...
Bitcoin e Bandeira da Espanha

Espanha pode autorizar uso de Bitcoin para pagamento de hipotecas

O uso de Bitcoin na Europa pode ganhar um impulso na Espanha, que recebeu um projeto de lei para pagamento de hipotecas com a...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias