Coinbene Brasil passa a aceitar Reais

Excelente para a liquidez no Brasil

Siga no

Uma das grandes exchanges mundiais que chegou recentemente ao Brasil agora está aceitando negociações com Real (R$).Isso pode facilitar o acesso de brasileiros ao mercado de criptomoedas.

A corretora é uma das maiores do mundo, sempre está entre as TOP 30 em volume diário, e possui mais de 100 ativos digitais, e mais de 100 pares de negociações na plataforma.

A meta dessa fintech, que chegou no Brasil em Abril de 2018, é operar criptomoedas que não são acessíveis as pessoas e facilitar o mercado cripto.

No blog oficial da Coinbene Brasil, a exchange ensina os usuários a operar em reais, e deixa claro que os clientes devem se tornar “Special” para poder usufruir dessa possibilidade de trades.

Com esse passo, a mesma passa a ser a primeira Fintech de operação Global no país a negociar criptoativos com Reais, e isso é muito promissor para o mercado brasileiro.

Os pares de negociação utilizando Reais serão: Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH) e também o Tether (USDT).

Fonte: https://www.coinbene.com.br/#/

De acordo com nota oficial da Coinbene, o Brasil é um dos países que mais movimenta Bitcoins no mundo, com atualmente 0.65% de média de transações diárias em relação ao montante mundial.

Somente no mês de setembro de 2018, a Coinbene já listou mais de 5 novos pares de negociação e segue crescendo no mercado de criptomoedas, com nota deixando no ar a possibilidade de mais novidades até o fim do mês.

A listagem de criptomoedas e tokens em exchanges garante liquidez aos usuários que possuem estes ativos digitais, porém a realização de trades em exchanges devem sempre buscar ambientes seguros para que o usuário não seja prejudicado, uma dica de segurança é manter nas exchanges somente o necessário para os trades.

No evento de divulgação da novidade foram convidadas empresas brasileiras do setor de criptomoedas, mídias e parceiros, mostrando que essa Exchange está em busca de aumentar o seu espaço no país.

Essa exchange possui sede em Singapura, com escritórios no Brasil, Índia, Malásia e Hong Kong, com clientes de mais de 150 países em sua base de dados, para trabalhar para a mesma existe um canal oficial para contatos.

O mercado de criptomoedas é novo e muito arriscado, considere estudar bastante antes de realizar investimentos.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Departamento de Tesouro dos Estados Unidos

Departamento do Tesouro dos EUA quer ferramenta para rastrear Bitcoin

A agência dos Estados Unidos responsável pela implementação de sanções contra empresas, parte do Departamento do Tesouro, quer uma ferramenta capaz de rastrear o...
Polícia investiga negócio de criptomoedas no ES

Corretora cripto é alvo de operação policial por fraude bilionária

A polícia da Coreia do Sul realizou uma operação em diversos escritórios de uma corretora de criptomoedas após a empresa ter sido acusada de ser...
Criptomoeda Ethereum mãe do DeFi

Banco Central dos EUA elogia Ethereum e inovação com DeFi

O Banco Central dos Estados Unidos de St. Louis publicou um artigo elogiando as inovações da plataforma Ethereum. Ao criar aplicações bancárias com tokens,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias