Inicio Análises Como pagar boletos com Criptomoedas

Como pagar boletos com Criptomoedas

-

Compartilhe
Como pagar suas contas com Criptomoedas

Muitas pessoas precisam pagar as contas do cotidiano em empresas que aceitam Real, portanto vamos explorar aqui as opções para se realizar pagamentos com criptomoedas.

Como pagar suas contas com Criptomoedas?

Primeiramente, para se realizar pagamentos com criptomoedas há diversas opções para se utilizar, a original P2P também se inclui nas opções, portanto vamos explorar várias alternativas com os pontos de cada uma abaixo:

Kamoney

Uma empresa com sede em Viçosa – MG, que também possui várias opções para ajudar a realizar pagamento com criptomoedas. Por essa plataforma é possível: pagamento de boleto, TED e recargas de celulares.

Eles possuem uma área específica para mostrar as taxas que praticam e aceitam mais de 10 criptomoedas, como Decred, Bitcoin, Ethereum e Litecoin entre as opções. O suporte é realizado pelo email: [email protected]. Pelo site é necessário a informação do CPF e Nome antes de efetuar o pagamento, de forma que não é um serviço anônimo e com privacidade.

P2P

A maioria dos P2P conseguem ajudar com o problema de movimentar grana em bancos, aceitando como pagamento criptomoedas. Por exemplo, ao enviar um boleto a um P2P, o mesmo realiza o cálculo de conversão da quantidade de criptomoedas necessária para a operação, com sua cotação, e então realiza o pagamento do boleto.

O mesmo se aplica a recargas de celulares, transferências, depósitos entre outros. Para conhecer um P2P de confiança deixamos aqui o link da lista de P2P confiáveis disponível na comunidade Bitcoin Brasil no Facebook.

PagueCripto

A PagueCripto é um novo serviço que chega ao mercado de criptomoedas brasileiro como uma opção a quem deseja pagar contas sem que tenha que usar exchanges, com o diferencial de possuir um aplicativo Android (baixe aqui).

Atualmente são aceitas 8 criptomoedas na plataforma, com as opções Bitcoin, Ethereum, DecredNano e Iota entre elas.

Os serviços prestados são de Pagamento de Boletos e Transferência Eletrônica (TED), com o desenvolvimento de um serviço de Integração com E-Commerce no roadmap ainda a ser lançado.

As taxas do serviço são encontradas no momento da transação, o que ajuda na transparência ao usuário. A plataforma possui muitas informações que devem ser lidas com antecedência, mas de modo geral possui muitas informações e suporte via Facebook e Discord.

Não é exigido CPF para efetivar o serviço, o que garante privacidade ao usuário.

Bitbol

Por essa plataforma é possível realizar várias operações bancárias com as criptomoedas, como enviar remessas a Europa, transferir para um banco no Brasil, realizar Recarga de Celular, pagamento de boletos entre outras opções. Para realizar um orçamento de preços, eles possuem um simulador de quanto sai a operação desejada em criptomoedas.

Os contras que pudemos destacar nesse serviço é que as taxas dos serviços não ficam expostas de forma clara e que trabalham apenas com Bitcoin e Bitcoin Cash. Um destaque é que deixam a informação na página inicial de quantos serviços já realizaram, que se for uma informação real pode passar confiança a quem busca este tipo de serviço.

Além disso, há uma opção para suporte. Também não é necessário cadastro para realizar as operações. No site foi obrigatório o uso de e-mail para efetuar a transação.

PaguecomBitcoin

O site possui as opções de pagamento via Bitcoin, como já diz em seu próprio nome e trabalha com os seguintes serviços: pagamento de boleto e recarga de celular.

O site possui apenas uma criptomoeda para pagamento, o que pode ser ruim para os usuários em um mercado com várias criptomoedas consolidadas. Ainda o serviço pode exigir o CPF do cliente o que faz com que não seja um serviço anônimo com privacidade.

Alguns bancos ou mesmo cartões de crédito recarregáveis aceitam a forma de boleto ou mesmo transferência para recarregar a conta. Ou seja, trabalhar com criptomoedas e pagar suas próprias contas não é um empecilho e é totalmente normal no mundo hoje.

Um exemplo para ficar mais claro, é possuir um cartão de crédito e utilizar o mesmo em compras na padaria, mercado, entre outros, e depois realizar o pagamento do boleto com algum dos serviços listados acima.

Entendido essas formas de aceite das criptomoedas, não devemos mais espalhar que nenhum local aceita criptomoedas pois a solução para esse problema já existe e não é só uma, são várias opções das quais a sua privacidade inclusive permanece intacta.

XDEX:Negocie bitcoin com TAXA ZERO. Aproveite também para negociar outras 6 criptomoedas com as menores taxas do mercado.Abra sua conta, é grátis!
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter para começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.

MAIS LIDOS

Visa, Uber e Paypal vão apoiar a criptomoeda do Facebook

A criptomoeda do Facebook ganhou importantes aliados, como a Visa, Uber e Paypal. As três empresas anunciaram que apoiam a GlobalCoin. A previsão é...

Innova Mine: A cidadela da mineração e trade de criptomoedas

A Innova Mine é um novo projeto da indústria de criptomoedas que opera um modelo de negócios revolucionário. A empresa está sediada na Austrália...

Bitcoin atinge mais de 1 milhão de usuários ativos diariamente

O Bitcoin bateu mais um recorde em 2019, além de atingir preços não vistos desde maio de 2018, superando a marca de US $ 9.000,...

Bitcoin ganha destaque em novo modelo de política econômica no Brasil

Um avanço na modernização econômica do Brasil cita o bitcoin. Além da criptomoeda, a tecnologia blockchain faz parte do que seria uma nova ação...

Facebook lançará testnet do projeto Libra na próxima semana

O aguardado projeto da criptomoeda do Facebook, que está há mais de um ano em desenvolvimento, será divulgado no início da próxima semana. O Facebook...

O preço do Bitcoin vai ultrapassar U$ 10 mil essa semana?

Vários rumores sobre o futuro do preço do Bitcoin tem surgido com a nova alta do último fim de semana. Além disso, visões otimistas...

Preço do bitcoin subiu 15%: confira a análise semanal da criptomoeda de 9 a 14 de junho

O preço do bitcoin vivenciou momentos importantes na semana. A análise mostra a seguir que uma variação de cerca de 15% foi observada entre...

Bitcoin pode valer U$ 13.500 em poucas semanas

O Bitcoin novamente pegou o criptomercado de surpresa ao romper a marca de U$ 9 mil por unidade. Com isso, a valorização do Bitcoin...

Mercado Livre aceitará criptomoeda do Facebook como forma de pagamento

O Mercado Livre está trabalhando com o Facebook no projeto de criptomoeda Libra, de acordo com uma confirmação de um executivo da empresa de e-commerce...
 

COMENTÁRIOS

Compartilhe