Correlação do Bitcoin com bolsas muda com o vento

Ativo tem se comportado de forma única!

Siga no
Bitcoin análises
Bitcoin análises

Um analista de mercado da Forbes analisou a correlação do Bitcoin com os índices de bolsas tradicionais. Isso porque, nos últimos dias, muitos identificaram um padrão de preços do Bitcoin com alguns índices.

De fato, a recente queda nas ações levaram as bolsas a registrar desvalorizações históricas. A S&P 500, por exemplo, registrou na última semana uma das piores perdas de valor, desde a crise de 2008.

Além da relação com índices de bolsas, o Bitcoin teve nos últimos anos uma comparação com o ouro. Claro que as comparações partiram de inúmeros analistas, mas dados sugerem que o Bitcoin possui correlação apenas com si mesmo.

Correlação do Bitcoin com bolsas é incerta e muda com o vento

Na era da informação, nada melhor que utilizar dados para buscar maior clareza de uma situação específica. Neste sentido, Benjamin Pirus, escritor da Forbes e Cointelegraph, buscou analisar as relações atribuídas ao Bitcoin com outros ativos.

De acordo com Benjamin, ao contrário da crença popular, o Bitcoin não está correlacionado a nada. Apesar de em alguns momentos a moeda virtual ter padrões parecidos com outros índices, em outras o Bitcoin se distancia totalmente.

Isso porque, o analista afirmou que o Bitcoin é um ativo de alto risco, com volatilidade alta. Benjamin afirmou que os dados não mostram nenhuma relação do Bitcoin com outros ativos, mesmo que a opinião de analistas afirmem essa realidade.

Ou seja, apesar do Bitcoin ser constantemente associado a ativos de risco, como Nasdaq, S&P 500, Ibovespa, entre outros, não há dados que fundamentem a fala de especialistas da área.

Trader de Bitcoin em Home Office
Trader de Bitcoin em Home Office

Análise do preço do Bitcoin deve ser de grandes períodos, não dias

Em outro ponto, Benjamin analisou a fala de alguns analistas que refutaram a posição de que o Bitcoin teria correlação com bolsas tradicionais. Uma delas foi de Anthony Pompliano, um famoso entusiasta do Bitcoin.

Como cofundador da Morgan Creek, Pompliano afirmou que a análise de correlação deve ser feita em longos prazos. Ao se analisar meses e anos, percebe-se que o Bitcoin continua como um ativo não correlacionado.

Para Benjamin, a posição que o Bitcoin tem adotado em relação ao seu preço até então é de uma busca própria. Dessa forma, pode parecer que em alguns momentos a correlação do Bitcoin se aproxime de alguns ativos, mas se distancie totalmente em outros.

Nesta segunda (23), o Bitcoin inicia a semana com valorização frente ao dólar, com seu preço valorizando mais que 2% em menos de 24 horas, cotado a U$ 6200 por unidade. Em relação ao real, o preço do Bitcoin valoriza acima de 2%, cotado acima de R$ 32 mil em algumas corretoras do Brasil.

Por fim, a correlação do Bitcoin com bolsas ganha mais uma diferença no início da semana. Isso porque, enquanto a moeda ganha valor de mercado, as bolsas reagem mal ao pacote de estímulos de bancos centrais.

A Ibovespa, principal índice de referência no Brasil, por exemplo, perde mais que 5% de valor, com o S&P 500 perdendo mais 3% nos EUA. O analista de pesquisas do The Block, Larry Cermak, afirmou que nesta segunda o Bitcoin se distancia do S&P 500, apesar dos padrões de proximidade vistos nos últimos dias.

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Bitcoin, altcoins e tokens ganham código próprio no IRPF2021

Olá Bitcoiners! Chegou aquela época do ano à qual temos que passar de qualquer forma, momento de dor para alguns, mas também de alívio para...

Elon Musk pode levar Dogecoin à Lua, literalmente

Elon Musk, um dos homens mais ricos do mundo, tem muita criatividade e dinheiro sobrando, algo que geralmente acaba em ideias malucas. Em um...

Elite do bitcoin gasta fortunas para comprar memes colecionáveis

Os tokens não-fungíveis, também chamados de NFT, são conhecidos no mercado de criptomoedas desde 2017, quando surgiram os CryptoKitties. A febre foi tão grande...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Elon Musk pode levar Dogecoin à Lua, literalmente

Elon Musk, um dos homens mais ricos do mundo, tem muita criatividade e dinheiro sobrando, algo que geralmente acaba em ideias malucas. Em um...

Elite do bitcoin gasta fortunas para comprar memes colecionáveis

Os tokens não-fungíveis, também chamados de NFT, são conhecidos no mercado de criptomoedas desde 2017, quando surgiram os CryptoKitties. A febre foi tão grande...

Governantes estão assustados com o Bitcoin, diz Robert Kiyosaki

Em várias publicações pelo Twitter nos últimos dias, Robert Kiyosaki defendeu o Bitcoin como um ativo seguro. Segundo ele, os novos ataques dirigidos por...

Coluna do TradingView: Criptomoedas começam forte correção, é motivo para se preocupar?

Analistas trazem seu ponto de vista sobre os movimentos corretivos iniciados nessa semana com foco no Bitcoin. Confira as análises do TradingView: Crypto Investidor O Bitcoin deve buscar...

Agora você pode comprar galinha caipira com Dogecoin

Uma granja de galinhas caipiras começou a aceitar criptomoedas como pagamento no Brasil, sendo a Dogecoin uma das opções. De início, a operação até...