Empresa de análise identifica corretora que mais possui Bitcoin; não é a Binance

É importante notar que maioria dos bitcoins pertence aos usuários da corretora.

A plataforma de análises Arkham identificou que a Coinbase, corretora de criptomoedas mais popular dos EUA, é a instituição que mais possui Bitcoin no mundo, tendo posse de 5% do fornecimento total da moeda digital.

Conforme a análise da empresa, a Coinbase tem 947.755 bitcoins. Isso torna a corretora a maior detentora de Bitcoin na plataforma; o total de bitcoins de propriedade da empresa é quase tanto quanto o que Satoshi Nakamoto possui.

A Arkham informou também que identificou mais de 36 milhões de endereços de Bitcoin atribuídos à Coinbase, com a maior carteira contendo 10 mil bitcoins. Segundo eles, a exchange provavelmente tem mais endereços, mas eles ainda não foram rotulados e estão sendo analisados.

R$ 123 bilhões em Bitcoin

Os 947.755 bitcoins da Coinbase estão avaliados em cerca de US$ 25 bilhões na cotação atual, mais de 123 bilhões de reais na conversão.

Segundo a Arkham, o portfólio de Bitcoin da Coinbase representa 5% da oferta total circulante do Bitcoin, que atualmente é de aproximadamente 19.493.900, conforme registrado pela plataforma de rastreamento CoinMarketCap.

No entanto, é importante notar que maioria dos bitcoins pertence aos usuários da corretora, especialmente porque a Arkham destacou que a Coinbase tem mais de 36 milhões de endereços, todos os quais a plataforma de análise on-chain rastreia e identifica consistentemente.

Coinbase bitcoin endereços (Imagem Arkham)
Coinbase bitcoin endereços (Imagem Arkham)

Outras criptomoedas

A Arkham revelou ainda que o portfólio de criptomoedas da Coinbase vai além do Bitcoin e inclui muitas outras moedas digitais.

Por exemplo, a empresa possui cerca de 1,68 milhão de Ether (ETH), avaliados em cerca de R$ 13 bilhões, e 68 milhões de tokens Chainlink (LINK), estimados em cerca de R$ 2.3 bilhões.

Curiosamente, a Coinbase também possui US$ 194 milhões em Binance Coin (BNB), criptomoeda nativa de sua principal concorrente.

Antes do relatório sobre a Coinbase, a plataforma já havia publicado informações semelhantes sobre outras empresas, apontando a Grayscale como a maior detentora de Ethereum.

Enquanto isso, o mercado de criptomoedas teve reações mistas ao relatório, com alguns expressando preocupações sobre a quantidade de bitcoins mantidos por empresas centralizadas, afinal, existe risco de que o mercado entre em colapso caso a empresa quebre ou seja hackeada, como aconteceu com a extinta FTX.

Outros sugeriram que os clientes das corretoras devem retirar seus ativos de tais plataformas, citando a famosa frase de que “se os bitcoins não estão em sua carteira, não são seus”.

Também houve questionamentos sobre as posses de bitcoin da Binance, considerada a maior corretora de criptomoedas do mundo.

Embora a Arkham ainda não tenha publicado um relatório específico sobre a corretora, dados do site Bitcoin Rich List apontam que a Binance possui entre 400 e 500 mil bitcoins.

Bitcoin Rich List 23 04 2023
Bitcoin Rich List 23 04 2023

Por fim, a comunidade de criptomoedas agora deve prestar mais atenção aos movimentos da Coinbase, pois ela tem poder de impactar significativamente o mercado como um todo.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias