Criptomoeda criada para testes atinge preço de R$ 18 milhões por unidade

Chamada HayCoin (HAY), a criptomoeda foi criada por Hayden Adams para fins de testes durante o lançamento da Uniswap em 2018, mas está sendo negociada por R$ 17,6 milhões atualmente.

Enquanto investidores comemoram que o Bitcoin se aproxima dos 31 mil dólares, a criptomoeda HayCoin já está na casa dos US$ 3,6 milhões (R$ 18 milhões). O motivo é o número limitado de tokens. Nesta semana, Hayden Adams queimou 99,99% de suas HAYs, deixando apenas 4,4 HAYs disponíveis no mercado.

Criada em 2018 para fins de testes na primeira versão da Uniswap, uma corretora descentralizada de criptomoedas, a HayCoin não deveria ter nenhum valor, mas alguns investidores acabaram transformando ela em uma espécie de memecoin.

Em suas redes sociais, Hayden Adams comentou sobre o surgimento da criptomoeda, notando que ela foi usada em testes das primeiras versões da Uniswap. Ou seja, a HAY acabou virando um souvenir para os fãs do desenvolvedor e da história das criptomoedas.

“Cinco anos atrás, antes do lançamento da Uniswap v1, lancei um token chamado HayCoin para usar em testes”, escreveu Hayden Adams. “Após o lançamento da v1, criei uma pequena pool de liquidez de teste com uma pequena fração da oferta total e deixei o restante em minha carteira.”

“Ao longo dos anos, algumas pessoas notaram e compraram como uma piada/pela novidade.”

Criptomoeda HayCoin (HAY), sendo negociada por US$ 3,6 milhões (R$ 18 milhões) por unidade. Fonte: CoinMarketCap.
Criptomoeda HayCoin (HAY), sendo negociada por US$ 3,6 milhões (R$ 18 milhões) por unidade. Fonte: CoinMarketCap.

Desenvolvedor queima R$ 3,2 trilhões em HAY

Continuando seu texto, Hayden Adams comenta que estava se sentindo inconfortável por deter tantas HAYs em sua carteira enquanto outras pessoas negociavam sua criptomoeda diariamente.

“No final das contas, não me sinto confortável em possuir quase toda a oferta (~99,99%) de um token que as pessoas estão memeando e especulando, então decidi queimar o valor total em minha carteira (“avaliado” em absurdos US$ ~650 bilhões — R$ 3,2 trilhões).”

Finalizando, o criador da Uniswap nota que não terá nenhum envolvimento futuro na HayCoin e que “especular sobre isso é bobagem”. Sobre o logotipo do projeto, atualmente um simples “H”, Adams não quer que usem sua foto.

“Se minha foto for usada dessa forma, posso considerar a remoção da imagem”, comentou.

Apesar do preço de R$ 18 milhões, atualmente a HAY não está nem mesmo entre as 2.000 maiores criptomoedas do mercado. Seu market cap (valor de mercado) está avaliado em apenas R$ 79,2 milhões, bem distante dos R$ 3 trilhões do Bitcoin, por exemplo.

Já a Uniswap (UNI), criptomoeda oficial da corretora, embora valha US$ 4,2 por unidade, é a 26ª maior do mercado.

HayCoin não foi a única que já “passou o Bitcoin”

Além da HayCoin, outros projetos já ultrapassaram o valor do Bitcoin. Um exemplo é a yearn.finance (YFI), que chegou aos US$ 77.000 em maio de 2021. No entanto, vale lembrar que existem apenas 33.214 YFI em circulação, já o Bitcoin conta com 19,5 milhões de unidades atualmente.

Caso só existissem 33.214 bitcoins em circulação, o preço de cada BTC estaria na faixa dos R$ 18 milhões. Em um caso mais extremo, com apenas 4,4 unidades como a HayCoin (HAY), cada BTC estaria avaliado em R$ 135 bilhões por unidade.

O pensamento é inverso a principal armadilha das altcoins, que criam um número gigante de moedas em circulação para que seus preços sempre fiquem na casa dos centavos. Desta forma, investidores tendem a acreditar que o projeto está “barato”, mas não estão.

Por fim, a HayCoin valendo R$ 18 milhões pode não significar muito já que existem apenas 4,4 HAYs em circulação. No entanto, é possível que algum investidor visionário tenha comprado algumas frações da moeda quando ela ainda não tinha valor, aproveitando sua valorização.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias