Estudo: Bitcoin é melhor investimento de longo prazo?

Segundo estudo com norte americanos!

Siga no

Segundo um estudo realizado nos EUA recentemente, com o título “Bitcoin é o melhor investimento de longo prazo”, cerca de 4% das pessoas consideram essa uma inverdade. Além disso, outro estudo apontou que 47% dos respondentes consideram o Bitcoin em seu portfólio de investimentos.

Tratar o Bitcoin (BTC) como um investimento certamente é um tema polêmico. Isso porque a moeda digital não foi criada para este propósito, mas sim para transferências financeiras. Entretanto, com a popularização do Bitcoin, muitos tem comprado a moeda esperando sua valorização. Neste sentido, a criptomoeda tem sido tratada como um investimento por vários investidores.

Bitcoin é realmente o melhor investimento de longo prazo?

Para os respondentes de uma pesquisa recente, o Bitcoin não é o melhor investimento. Isso porque, apenas 4% das pessoas que responderam o questionário considerou a moeda digital.

A pesquisa conduzida pela Bankrate, considerou o período de 10 anos para conhecer a opinião das pessoas. Além disso, 31% dos respondentes, opção vencedora, preferem investimentos imobiliários no longo prazo.

O Bitcoin, com seus 4% de resultados perdeu para todas as opções. Isso porque ações de bolsa, investimentos em dinheiro, ouro e metais, títulos e “nenhum” ficaram acima do Bitcoin. Além disso, cerca de 2% dos entrevistados não souberam responder. Foram ouvidos 1,015 pessoas no período de 25 a 30 de junho de 2019. Além disso, apresenta margem de erro de 3,35% com 95% de confiança.

Fonte: https://www.bankrate.com/investing/financial-security-july-2019/

Certamente, para o criptomercado, essa é uma pesquisa não muito animadora. Isso poderia mostrar que as pessoas não se atentaram para a adoção das criptomoedas. Finalmente, o estudo apontou que pessoas mais jovens (millennials) preferem criptomoedas a outros investimentos.

Estudo da Fidelity apontou que investidores querem o Bitcoin em seus portfólios

Um estudo realizado pela Fidelity Investiments apontou que 47% dos investidores consideram criptomoedas em seus portfólios. Esta pesquisa, de maio de 2019, considerou a opinião de mais de 400 investidores.

Para Barry Silbert, CEO da Grayscale, o Bitcoin pode subir muito e ser um ativo interessante a se considerar no longo prazo. Isso porque, as antigas gerações transferirão suas riquezas para as mais novas em breve.

Fonte: Grayscale

Neste sentido, nos próximos anos haverá uma imensa transferência de riqueza entre gerações. Finalmente para Silbert, haverá milhões de dólares que irão migrar para o Bitcoin, ao invés de ouro, por exemplo.

Ao longo das próximas duas décadas, há U$ 68 trilhões de riqueza que são mantidos pelos baby boomers e pela geração mais velha, só nos EUA, que será transmitida à geração X e à geração do milênio … Minha teoria é que atualmente os U$ 68 trilhões que está em ouro, eu não acho que vai ficar tudo em ouro

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bitcoin pegando fogo e bandeira da China

Maior pool de mineração de Bitcoin bane chineses

Nesta segunda, a maior pool de mineração de Bitcoin baniu os mineradores chineses, mostrando que a comunidade deverá acatar a determinação do governo chinês. Na...

“Bitcoin é perigoso e não pode ser reserva de valor”, diz analista do Deutsche...

Uma analista do Deutsche Bank, chamada Marion Labor, falou sobre os perigos do uso das criptomoedas, principalmente o Bitcoin, como uma moeda legal. As...
Cadeado destravado e Bitcoin em caso de baixa segurança dos dados corretoras

ABCripto alerta sobre transações da Gas Consultoria e “Faraó dos bitcoins”

Fruto da colaboração de várias empresas do mercado de criptomoedas brasileiras, a ABCripto emitiu um alerta para as transações feitas pela Gas Consultoria e...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias