Ethereum continua em queda. Vitalik responde críticas

Em queda livre, Ethereum vai abaixo de US $182,25, -6% em 24h

O Ethereum caiu mais de 6% nesta terça-feira (11), chegando ao valor mínimo de 2018. A moeda tinha um suporte de US $ 190 nos últimos dois dias, mas nas últimas vinte e quatro horas despencou para US $ 180.

Ethereum é a segunda maior criptomoeda no mercado atualmente, tornou-se a plataforma que levou ao surgimento de vários projetos. Isso inclui a EOS e a Tron [TRX], que agora lançaram sua própria MainNet com o objetivo de superar o Ethereum.

Ethereum tem visto uma queda constante este ano, com o preço abaixo da marca de US $ 200. A queda no valor da moeda acabou por ser chocante na comunidade de criptomoedas.

Conforme relatado pelo Livecoins, um dos motivos apontados como causa da queda de valor seria o fracasso de várias ICOS que utilizaram a plataforma Ethereum.

Além disso, foi apontado que quase US $ 30 milhões em Ethereum foram vendidos durante os últimos dias no mercado. Kevin Rooke, analista de mercado, twittou:

“As ICOs gastaram mais de US $ 30 milhões em ETH nesta semana (153.500 ETH). Isso é mais do que qualquer semana desde março de 2018. A parte assustadora? Essas ICOs ainda têm mais de US $ 600.000.000 de ETH em suas contas (3.000.000 + ETH). Eles vão vender? Eles vão segurar?
ETH gasto por ICOs nos últimos meses | Fonte: Twitter
ETH gasto por ICOs nos últimos meses | Fonte: Twitter

Isso significa que os projetos de ICO que arrecadaram Ethereum começaram a despejar ETH no mercado.

O resultado fez com que criptomoeda caísse abaixo da marca de US $ 200.

De acordo com o Coinlib, no momento da redação desta notícia, o Ethereum [ETH] estava sendo negociado a US $ 184 com um valor de mercado de US $ 18,79 bilhões.

A moeda viu uma queda significativa de mais de 40% nos últimos 30 dias.

Vitalik responde críticas

Vitalik Buterin, criador do Ethereum, lutou contra críticas no Twitter relacionadas à queda do Ethereum.

Um trecho da reportagem do jornalista Matthew De Silva foi reenviada pelo diretor da Coindesk para a Europa e Ásia, Wong Joon Ian . O trecho declarou:

“Buterin foi quem ajudou a lançar uma rede com tokens que ele admitiu serem intrinsecamente inúteis, pelo menos por enquanto. Por que ele não esperou para criar uma plataforma com um modelo de distribuição eqüitativo e um caso de uso comprovado, além de especulação? ”

A última crítica de Da Silva continua:

[…]É difícil ver como a invenção dele (Vitalik) fez alguma diferença além de inflar a bolha das criptomoedas. A moeda virtual não estatal é interessante, mas o Ethereum não seria algo ainda maior? ”

Vitalik sempre teve uma tendência de ser franco e não diplomático, sua resposta ao artigo foi considerada por muitas pessoas como “um passo em falso”:

“Então percebi que o argumento de que “não há valor no ethereum até hoje” é ainda mais errado do que eu pensava”.

Buterin continuou, respondendo a alegações de que o token ETH em si é irrelevante na rede Ethereum. Ele twittou :

“Não é justo confiar em recursos futuros hipotéticos para argumentar contra algo e não admitir recursos futuros planejados como argumentos a seu favor”

O sentimento parece ter se voltado um pouco contra o Ethereum na última semana, sem dúvida alimentado pelo fracasso da moeda.

Mas vamos esperar e ver como as ‘características futuras planejadas’ do Ethereum funcionam, e se isso pode salvar o Ethereum.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Fundador do Livecoins. Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org

Últimas notícias