Ethereum superará o Bitcoin, diz Bloomberg

Outro ponto destacado pelos analistas da Bloomberg é a chegada da Atualização Shanghai (EIP-4895). Em suma, ela permitirá que investidores removam seus ETH em stake.

Um relatório da Bloomberg Intelligence, publicado na sexta-feira (3), dá destaque para a força do Ethereum, notando que o ativo deve superar o Bitcoin conforme alcança o público geral.

Outra criptomoeda destacada pela Bloomberg foi a Polygon (MATIC), atualmente a 10ª maior por valor de mercado. Segundo o estudo, “nenhum [projeto de] segunda camada criou mais efeitos de rede para o Ethereum do que a Polygon”, usado principalmente para cunhar NFTs.

Voltando ao Ethereum, os analistas da Bloomberg mostraram-se otimistas com o EIP-4895 (também chamado de atualização Shanghai) notando que ela pode criar mais demanda no mercado.

Ethereum vs Bitcoin

Criado seis anos após o Bitcoin, o Ethereum rapidamente firmou-se como a segunda maior criptomoeda do mundo devido a sua multifuncionalidade. Durante o ciclo de alta de 2017, chegou ao seu maior nível em relação ao BTC, mas despencou nos anos seguintes.

Desde 2019, no entanto, o ETH está em uma grande alta em relação ao BTC, voltando a ameaçar sua dominância. Segundo a Bloomberg Intelligence, este padrão deve continuar conforme o Ethereum atinge mais investidores.

“A trajetória ascendente da taxa cruzada Ethereum/Bitcoin começou em 2019 e mostra poucos sinais de enfraquecimento”, notam os analistas da Bloomberg Intelligence. “Um mercado altista em repouso é nossa opinião sobre o cruzamento entre a criptomoeda n.º 2 e a n.º 1, o Bitcoin, que está se tornando uma versão digital do ouro em um mundo que está indo nessa direção.”

“O gráfico mostra a taxa estável de Ethereum/Bitcoin desde o pico de 2021 no Bloomberg Galaxy Crypto Index. Isso sugere uma migração para o público geral e, assim que a poeira de alguma reversão em ativos de risco baixar, é provável que o Ethereum volte a fazer o que vem fazendo: superando.”

Gráfico mostra força do Ethereum em relação ao Bitcoin nos últimos anos. Fonte: Bloomberg Intelligence.

Por fim, o estudo também apontou que a maior atualização do Ethereum, o The Merge, foi uma “conquista impressionante”, principalmente pelos riscos financeiro e de reputação envolvidos.

Analistas estão otimistas com a atualização Shanghai do Ethereum

Outro ponto destacado pelos analistas da Bloomberg é a chegada da Atualização Shanghai (EIP-4895). Em suma, ela permitirá que investidores removam seus ETH em stake.

Embora isso possa causar uma grande pressão vendedora no mercado, a Bloomberg também nota que a Atualização Shanghai deve causar ainda mais demanda por ETH, já que novos investidores podem buscar dividendos por deixar suas moedas paradas.

“Embora a liquidez de saída esteja disponível para os stakers pela primeira vez, a introdução de LSDs e a economia de staking favorável do Ethereum devem fazer com que a taxa de staking em relação às blockchains alternativas de primeira camada comece a diminuir substancialmente.”

“Com um rendimento real de 5% […] a demanda por staking tende a aumentar tanto em termos absolutos quanto relativos.”

Comparação de retorno de staking em diversas criptomoedas que usam Proof-of-Stake (PoS). Fonte: Bloomberg Intelligence.

Polygon (MATIC) também é destaque no relatório da Bloomberg

Por fim, a Bloomberg Intelligence nota que o número de endereços diários ativos tiveram uma queda de 33% no Ethereum. No entanto, esta mesma métrica teve um crescimento de 86% em blockchains de segunda camada.

O maior destaque ficou para a Polygon (MATIC). Atualmente a 10ª maior criptomoeda, com um valor de mercado de US$ 10,4 bilhões, a MATIC está sendo usada por grandes nomes como Reddit, Adidas e Facebook, principalmente para lidar com NFTs.

Maiores parcerias da Polygon inclui empresas famosas como Starbucks, Stripe e Adobe. Fonte: Bloomberg Intelligence.

“Muitos dos dApps de DeFi mais populares no Ethereum, incluindo Aave e Uniswap, migraram e estão sendo desenvolvidos na Polygon”, destaca a Bloomberg Intelligence, notando que o projeto possui mais desenvolvedores que criptomoedas de primeira camada como Fantom (FTM) e Avalanche (AVAX).

Portanto, enquanto o sharding não chega ao Ethereum, a Polygon deve continuar ajudando o ETH a não perder projetos e usuários para outras blockchains como Solana, conhecida por suportar mais transações por segundo.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias