Fugitivo queria criar Barcelona Digital com uso de Bitcoin

Impasse na independência da Catalunha envolveu a moeda digital. Governo da Espanha atento ao caso.

Siga no
Bandeira da Catalunha Barcelona Bitcoin
Bandeira da Catalunha/Pixabay

Um fugitivo do Governo da Espanha, que buscou financiar a criação de uma “Barcelona Digital” pode ter usado Bitcoin. O homem é um dos acusados de promover o debate público sobre a independência da Catalunha.

O tema é sensível na Espanha, com o governo local negando que a Catalunha sairá de seu território. E um dos principais agitadores da causa hoje é Carles Puigdemont i Casamajó, que foi presidente da Catalunha entre 2016 e 2017.

Carles aprovou na época um plebiscito declarando a independência da Catalunha da Espanha. A principal cidade da região é Barcelona, considerada a capital regional da Catalunha.

A Espanha não gostou de ver a aprovação do plebiscito e mandou prender Puigdemont. Informações recentes dão conta que ele usou criptomoedas para financiar suas atividades pró-libertação da Catalunha.

Para criar República Digital na região de Barcelona, homem pode ter utilizado Bitcoin para financiar atividades

O governo da Espanha tenta, de todas as formas, controlar o movimento separatista da Catalunha. Algumas pessoas da região nutrem um sentimento de que são um estado a parte da Espanha, que não aceita a separação da rica região.

No início de outubro de 2020, Carles e mais dois ex-presidentes da Catalunha deram uma coletiva na França. Na época, os políticos da Catalunha denunciaram a Espanha, acusando o país de violência contra o povo que luta de forma pacífica pela liberdade.

De acordo com a Istoé Dinheiro, Carles denunciou que a Espanha faz perseguição judicial contra ele. Reconhecido hoje como deputado pela Europa, Carles Puigdemont é considerado um fugitivo pela Espanha.

Na época de sua fuga do país, em 2017, ele buscou refúgio na Bélgica. No entanto, nos últimos dias a Espanha prendeu pelo menos quatro pessoas ligadas a Carles. Dessa forma, a Guarda Civil da Espanha afirma ter provas contra o fugitivo, considerado rebelde, do país.

Segundo o NotíciasAoMinuto, a Guarda Civil encontrou transferências de Bitcoin feitas a Carles. Contudo, o valor de 120 mil euros teria sido fruto de desvios públicos, afirma os investidores em sua acusação.

Nova Barcelona poderia ser totalmente digitalizada e com uso de Bitcoins pela população para driblar Espanha

O que chama atenção para o caso é que desde 2017, um projeto ousado de Carles Puigdemont poderia estar sendo planejado. A Guarda Civil aponta que é estudado a criação de uma República Digital em Barcelona, financiada com Bitcoin.

A principal criptomoeda do mundo, inclusive, poderia até passar a ser a moeda oficial da nova república. Vale o destaque que o Bitcoin não é regulamentado em muitos países ainda hoje, mas havia a intenção de legalizar a moeda na nova Barcelona.

Para fugir ao controle do estado espanhol, Carles pensou em digitalizar o país, seguindo o exemplo da Estônia. Ou seja, em um ambiente digital, sem fronteiras, a nova Barcelona seria totalmente aberta na internet e incensurável pelo governo espanhol.

A Guarda Civil da Espanha alerta até que as eleições seriam virtuais no local. Desse modo, a polícia espanhola afirma que as criptomoedas ainda são consideradas pelos políticos que defendem a liberdade da Catalunha e pode até ser até o meio ideal para que eles consigam seus objetivos.

Desde o início de outubro de 2020, os espanhóis esperam ser obrigados a declarar posse de Bitcoin. Ou seja, por lá aumenta a pressão sobre o mercado de criptomoedas.

Cabe o destaque que na história do mundo digital do Bitcoin, vários “países” já surgiram, com ideais libertários. Chamados de criptoestados, os principais seriam Liberland, Puertopia, BitNation, todos financiados com Bitcoin e independentes de estados tradicionais.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
El Salvador BTC

Governo de El Salvador analisa permitir pagamento de salários com Bitcoin

Poucos dias depois de o Bitcoin se tornar moeda de curso legal em El Salvador, o governo do país agora estuda com pagar salários...
Várias criptomoedas perto de um carrinho de compra alternativas Ethereum Bitcoin Dogecoin Litecoin Monero

Bitcoin deixado como herança será divido por família no Distrito Federal

O Bitcoin é uma moeda digital, mas também um bem, sendo utilizado por muitas pessoas como reserva de valor. Em um processo de inventário...
Baleia do Bitcoin preço e cotação queda e alta

Baleias detém quase metade dos bitcoins já minerados

A última queda massiva no preço das criptomoedas acabou sendo uma boa oportunidade para as baleias, que agora detém quase a metade de todos...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias