Fundação dos Direitos Humanos aceita doações em Bitcoin

Lema da Fundação é: "Unindo o mundo para ficar de pé contra tirania."

Siga no
Fundação dos Direitos Humanos (HRF)
Fundação dos Direitos Humanos (HRF) - Reprodução

A Human Rights Foundation (HRF ou Fundação dos Direitos Humanos) passou a aceitar doações em Bitcoin. O lema da fundação é a luta contra a tirania no mundo, atuando de forma incisiva contra ditaduras e práticas que ferem a liberdade das pessoas.

A medida passou a valer na última sexta (17), quando a HRF fez o anúncio em suas redes sociais. Essa fundação é conhecida por tomar atitudes contra tudo que considera ditadura e fere os direitos das pessoas.

Uma das ações que a Fundação dos Direitos Humanos possui é a doação de pendrives para a Coreia do Norte. Em uma ação global, a HRF coleta os dispositivos e carrega com informações, levando a população da Coreia do Norte a realidade do mundo. A iniciativa também é feita via doação.

Human Rights Foundation coleta pendrives para enviar informações externas a população da Coreia do Norte
Human Rights Foundation coleta pendrives para enviar informações externas a população da Coreia do Norte – Reprodução

Fundação dos Direitos Humanos, HRF, combate ditaduras e passou a aceitar doações em Bitcoin

Ao aceitar doações em Bitcoin, a Human Rights Foundation certamente alinha sua causa com a liberdade. O Bitcoin é conhecido como a moeda da liberdade, uma vez que não permite interferências. Com o Bitcoin, de fato, nenhuma transação pode ser censurada nem interrompida, uma vez colocada na rede.

Na página da Fundação, o incentivo as doações em Bitcoin se justificam de duas formas. Primeiramente, seria uma forma de evitar a hiperinflação, ou seja, evitar o aumento descontrolado dos preços, principalmente com imensa impressão de dinheiro das últimas semanas.

Em segundo lugar, a Fundação dos Direitos Humanos falou que as doações em Bitcoin ajudam a lutar contra a vigilância financeira. Neste sentido, fica claro que a HRF está buscando intensificar seus esforços sem interferência dos governantes.

Maneiras de enviar doações para a HRF é via Bitcoin
Maneiras de enviar doações para a HRF é via Bitcoin – Reprodução

As doações estão sendo processadas em parceria com a BTCPay Server. A sede da HRF é em Nova Iorque, sendo que os doadores e moradores dos EUA podem abater impostos ao doar para essa fundação.

Doações em Bitcoin serão feitas com privacidade para os usuários

Ao doar para a Fundação dos Direitos Humanos, muitos poderiam se preocupar com a privacidade. Apesar de ser uma forma de deduzir o pagamento de impostos nos EUA, muitos preferem doar de maneira anônima.

Para isso, a HRF, em sua parceria com a BTCPay Server possibilitou aos doadores a doação privada. Isso porque, todas as doações feitas com Bitcoin para a Fundação dos Direitos Humanos usará a tecnologia PayJoin.

A PayJoin é uma maneira de chamar os CoinJoins, ou seja, é uma espécie de serviço de mixer de Bitcoin. Dessa forma, quem realizar doações não precisará expor sua identidade.

Doações em Bitcoin usará mixagem com PayJoin
Doações em Bitcoin usará mixagem com PayJoin – Reprodução

De acordo com o CSO da HRF, Alex Gladstein, a parceria é muito positiva para aqueles que lutam contra a tirania. Além disso, doações via Lightning Network, uma camada do Bitcoin, também serão processadas.

Para o entusiasta de Bitcoin Andreas Antonopoulos, a melhor forma de ter Bitcoin é aceitando a moeda como doações. O entusiasta acredita que essa é a melhor propaganda e usabilidade para a moeda digital.

Isso porque, ao aceitar uma doação, é esperado que um valor seja criado a partir dessa ação. Por fim, empresas que aceitam Bitcoin como doação é a Wikipedia, a Cruz Vermelha no combate ao novo coronavírus e muitas outras.

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Fox Business confunde Bitcoin e entrevista apoiador do Bitcoin SV

A Fox Business entrevistou ontem Jimmy Nguyen, um apoiador da criptomoeda Bitcoin SV (BSV), uma cópia de uma outra cópia do bitcoin que se...

“Ninguém vai banir o Bitcoin”, diz diretor do Dep. do Tesouro dos EUA

Brian Brooks, o diretor do Gabinete Controlador da Moeda (em inglês, Office of the Comptroller of the Currency - OCC) comentou sobre os rumores de...
PayPal App

PayPal: “Criptomoedas precisam de regulação”

Para o CEO do PayPal, Dan Schulman, o mercado de criptomoedas precisa trabalhar em estreita colaboração com reguladores para ter uma "chance de sobrevivência"....

Últimas notícias

“Ninguém vai banir o Bitcoin”, diz diretor do Dep. do Tesouro dos EUA

Brian Brooks, o diretor do Gabinete Controlador da Moeda (em inglês, Office of the Comptroller of the Currency - OCC) comentou sobre os rumores de...

PayPal: “Criptomoedas precisam de regulação”

Para o CEO do PayPal, Dan Schulman, o mercado de criptomoedas precisa trabalhar em estreita colaboração com reguladores para ter uma "chance de sobrevivência"....

Crimes financeiros crescem no Brasil, diz CVM

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) apontou em um relatório que o número de crimes financeiros no país aumentou. Apenas em 2020, pelo menos...