Goldman Sachs diz que Ethereum pode superar Bitcoin como reserva de valor

Siga no
Ethereum. (Imagem: Adobe Stock)
Ethereum. (Imagem: Adobe Stock)

Com as recentes movimentações do mercado, principalmente em relação ao preço, muito começou a ser discutido sobre o Bitcoin e seus casos de uso. Um relatório desenvolvido pelo banco Goldman Sachs acrescentou ainda mais “lenha nessa fogueira”, indicando que o Ethereum pode superar o Bitcoin como uma reserva de valor.

O relatório não foi divulgado publicamente pelo banco, mas o documento acabou “vazando” na internet. Uma de suas versões foi divulgada no Twitter pelo perfil Santeago R Santos, dando destaque ao trecho que fala que o Ethereum é uma melhor reserva de valor do que o Bitcoin por causa dos seus casos de uso e principalmente por causa do número de transações.

“O ether vence o Bitcoin como uma reserva de valor. O Ecossistema do Ethereum suporta contratos inteligentes e oferece aos desenvolvedores uma maneira de criar novos apps. A maioria dos apps de DeFi são construídos no Ethereum. O maior número de transações em ether vs o Bitcoin refletem a sua dominância.” diz o documento intitulado Goldman Sachs Global Macro Research.

De acordo com a pesquisa, o mercado de NFTs, com certeza um dos grandes sucessos do setor descentralizado, atualmente também está tendo um papel importante em “dar mais valor” ao Ethereum, como foi destacado também pelo trecho divulgado acima.

Outra parte do artigo destaca que o argumento de que o Bitcoin é uma reserva de valor por causa da sua escassez não tem tanta força quanto os casos de uso do Ethereum.

“Um dos principais argumentos em favor do Bitcoin como uma Reserva de Valor é o seu suprimento limitado. Mas é a Demanda, não a escassez, que faz algo ter sucesso como uma reserva de valor.”

“Ethereum está se desenvolvendo mais rápido do que o Bitcoin”

Um dos principais pontos destacados pelo estudo do Goldman Sachs é que nos últimos anos o Ethereum vem se desenvolvendo muito mais rápido do que o Bitcoin, destacando exatamente como a segunda maior criptomoeda do mundo não só trouxe vários recursos para seus usuários, mas planeja trazer ainda mais.

"Ethereum está se desenvolvendo mais rápido do que o Bitcoin"
“Ethereum está se desenvolvendo mais rápido do que o Bitcoin”

O Ethereum está “prestes” a atualizar toda a sua rede para o Ethereum 2.0, que vai mudar a rede de PoW para PoS e diminuir a quantidade e energia consumida pela blockchain, uma preocupação comum após a recente participação de Elon Musk com suas opiniões sobre o Bitcoin.

Recentemente o Ethereum entrou no foco de muitos outros investidores, chegando até mesmo a despontar na frente do Bitcoin nas opções de derivativos. Com isso parece que a segunda maior criptomoeda do mundo ganha cada dia mais força entre os investidores.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Tesla. Imagem: Shutter Stock

Elon Musk diz que Tesla voltará a aceitar Bitcoin

A Tesla começará a aceitar Bitcoin novamente quando a maior parte do processo de mineração da criptomoeda for realizado por fontes de energia renováveis,...
Bitcoin regulação. Imagem: ShutterStock

Deutsche Bank diz que Bitcoin “passou dos limites” e não pode mais ser ignorado

A popularidade crescente do Bitcoin está incomodando governos e bancos centrais. A gota d'água foi a legalização da criptomoeda em El Salvador. De acordo...
Bitcoin Liberdade

Bitcoin, o novo Índice de Liberdade Econômica

Bitcoin pode ser a medida de liberdade mais neutra do mundo que nenhum país pode acusar de ter preconceito ocidental, ao contrário de alguns...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias