Intel lançará equipamento de mineração de Bitcoin

A Intel, famosa por seus processadores, anunciou que está trabalhando em uma ASIC — equipamento usado para minerar Bitcoin — com o nome de Bonanza Mine. A revelação ocorreu duranta a conferência ISSCC e foi reportada pelo Tom’s Hardware.

Embora não esteja claro se a empresa estará comercializando este produto ou apenas usando-o para fins de testes, é importante notar que a Intel também está expandindo para outros mercados, como de placas de vídeo.

Com isso, podemos esperar que a atividade de mineração de Bitcoin fique cada vez mais atraente para o usuário comum e descentralizada. Afinal, além desta, outras gigantes como Block também estão interessadas no setor.

Minerador de Bitcoin da Intel

Com a mineração de Bitcoin tornando-se cada vez mais profissional, não é espanto que uma empresa do tamanho da Intel tenha interesse em abocanhar parte deste mercado.

O anúncio da Intel, realizado durante a conferência ISSCC, focada na indústria de circuitos, apresentou um equipamento chamado de Bonanza Mine, sendo descrito como uma “ASIC de mineração de Bitcoin com eficiência energética de voltagem ultra baixa”.

Anúncio de ASIC da Intel. Fonte: ISSCC/Tom’s Hardware

Além disso, também é possível ver dois números na esquerda — 21.3 —, talvez representando a data na qual o equipamento de mineração será anunciado ao público, ou seja, 21 de março.

Outra empresa que também está desbravando este mundo é a Block (antiga Square) de Jack Dorsey, fundador do Twitter. Com isso, podemos esperar que o setor torne-se cada vez menos dependente de poucas empresas, além de incentivar a competição entre elas.

Placas de vídeo da Intel

Já em relação às suas placas de vídeo, a Intel afirmou em outubro de 2021 que não limitará a mineração de criptomoedas. Esta prática foi adotada por empresas como NVIDIA através das placas chamadas de com baixo poder de mineração, ou low hash rate (LHR).

Com isso, é óbvio que a gigante dos chips está procurando expandir seus negócios e aproveitar o setor das criptomoedas que utilizam o algoritmo Proof-of-Work (PoW) para minerar.

Por fim, esta concorrência será ótima para todos, fazendo com que todas companhias busquem entregar produtos mais eficientes em relação a energia consumida, bem como por um preço menor e de forma mais acessível ao usuário comum.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias