Litecoin acumula alta de 34% e se aproxima de novo halving

Moeda inspirada na tecnologia do bitcoin cortará produção pela metade em agosto de 2023.

O preço da Litecoin acumula alta no mercado desde o início de 2023, com a comunidade da moeda na expectativa pelo terceiro halving de sua história. O evento deve cortar pela metade a emissão de novas moedas diárias, atualmente em 7.200 LTCs por dia.

Com o halving esperado para o mês de agosto de 2023, a Litecoin deverá emitir apenas 3.600 LTCs diariamente.

Quando o halving acontece, a recompensa em Litecoins para os mineradores é reduzida pela metade. Antes do primeiro halving da Litecoin, que ocorreu em 25 de agosto de 2015, a recompensa era de 50 Litecoins por bloco. Após o halving, a recompensa foi reduzida para 25 Litecoins por bloco.

O segundo halving ocorreu em 5 de agosto de 2019, quando a recompensa foi reduzida para 12,5 Litecoins por bloco.

Assim, com o terceiro halving programado para os próximos meses de 2023, a recompensa por bloco deve cair para 6,25 Litecoins por bloco.

Com expectativa por halving, Litecoin acumula alta de 34% em 2023

O halving do Litecoin é um evento que ocorre aproximadamente a cada quatro anos e envolve uma redução pela metade da recompensa fornecida aos mineradores por cada bloco de transações validado na rede.

Esse processo faz parte do protocolo de emissão do Litecoin e tem o objetivo de controlar a inflação da moeda digital ao longo do tempo.

Toda a estrutura da LTC é inspirada no Bitcoin, que também tem mineração Proof-of-work e uma constante busca pela descentralização.

Com a nova expectativa da comunidade pelo corte na produção de novas moedas, o preço da Litecoin em Dólar já alcança a cotação de US$ 94,5 por unidade. Desde o primeiro dia de 2023, quando cada moeda custava apenas 70 dólares, a moeda acumula alta de 34%.

Já em relação ao Real brasileiro, o Litecoin acumula alta de 25%, com cada moeda custando R$ 471,95, de acordo com dados do Mercado Cripto.

Preço do Litecoin em Real brasileiro acumula alta de 25% em 2023, meses antes de halving
Preço do Litecoin em Real brasileiro acumula alta de 25% em 2023, meses antes de halving.

Litecoin ainda não produziu nem 90% de suas moedas todas

Embora existam essas semelhanças, é importante destacar que o Litecoin também possui algumas diferenças significativas em relação ao Bitcoin. Por exemplo, o tempo médio de bloco no Litecoin é de 2,5 minutos, em comparação com os 10 minutos do Bitcoin.

Outra diferença envolve a emissão total de moedas. No caso do Bitcoin, ele tem um limite máximo de oferta de 21 milhões de moedas. Até junho de 2023, a rede bitcoin já produziu 92% de todas as moedas, com 19.391.169,00 BTCs emitidos.

Já a rede Litecoin tem um limite máximo de oferta de 84 milhões de moedas, dos quais 86% (73,060,550 LTCs) foram emitidos até o dia 2 de junho de 2023. Outro detalhe interessante envolve o fato de que enquanto o Litecoin se prepara para seu 3º halving, o bitcoin passará em 2024 pelo seu 4º corte na emissão de moedas.

É importante ressaltar que tanto o Bitcoin quanto o Litecoin possuem uma taxa de inflação decrescente à medida que a emissão de novas moedas diminui ao longo do tempo.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias