Mercado de criptomoedas volta aos R$ 10 trilhões

Bitcoin e Ethereum em alta
Bitcoin e Ethereum em alta

Com uma decisão favorável à mineração de Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH) pelo Parlamento Europeu e um tímido aumento na taxa de juros pelo Fed, o mercado de criptomoedas voltou a faixa dos 2 trilhões de dólares, ou R$ 10 trilhões em nossa moeda.

Em especial, o Bitcoin não só voltou a ser negociado acima dos 40.000 dólares como já está próximo dos 42 mil com uma alta de 3% nas últimas 24 horas. Já o Ethereum, segunda maior criptomoeda, está testando a resistência da faixa dos US$ 3.000 após uma alta semanal de 15%, negociado a 2.950 dólares (R$ 14.800).

Apesar do atual sentimento positivo, o mercado ainda está 1 trilhão de dólares de distância de seu topo de novembro. Contudo, o mercado parece menos eufórico, crescendo naturalmente e sem grandes oscilações.

Dominância do Bitcoin (BTC) cresce e levanta mercado

Após perder uma boa porcentagem da dominância de mercado em maio do último ano, em momento de topo, o Bitcoin (BTC) vem gradualmente retomando seu espaço após o mercado de baixa derrubar projetos fracos.

Desta forma, o Bitcoin segue com 40% de dominância do mercado, seguido pelo Ethereum (ETH) com 18%. Com uma alta semanal de 8% e 15%, respectivamente, estas duas são responsáveis por R$ 5,8 trilhões dos R$ 10 trilhões de todo mercado.

“A capitalização global do mercado de criptomoedas hoje é de 2 bilhões de dólares, uma diferença de 4.3% nas últimas 24 horas.”

Mudanças no mercado de criptomoedas nas últimas 24 horas. Fonte: CoinGecko

Entre os principais motivos desta mudança está a decisão do Parlamento Europeu em não banir a mineração de criptomoedas que utilizam Proof-of-Work (PoW), ou seja, destaque para Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH).

Seguindo, embora o aumento na taxa de juros pelo Fed, pela primeira vez após quatro anos, tenham derrubado o preço do Bitcoin por alguns instantes, tal mudança foi pequena e já era esperada. Em outras palavras, este anúncio já estava precificado.

Por fim, apesar do mercado se mover em ciclos e o último já ter passado, parece não haver nada no horizonte que possa derrubar o preço do Bitcoin para baixo dos 40.000 dólares novamente.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias