Moguro Club: Sucessora da Unick começa atrasar pagamentos

Siga no

De acordo com um youtuber, as coisas não estão fáceis para a MoGuRo Clube, que é apontada como sucessora da Unick Forex. A Moguro, segundo um investidor e youtuber, já está tendo problemas para pagar seus clientes há algumas semanas.

Depois que a Unick chegou ao fim, dezenas de líderes começaram a promover a Moguro, assim, diversas pessoas sairam da Unick e passaram a investir na empresa.

A cúpula de líderes da Unick Forex foi presa em outubro de 2019, em operação da Polícia Federal. Apesar da justiça brasileira ter mandado a Urpay pagar alguns clientes da Unick, alguns acreditam que pode levar até dez anos para o dinheiro ser devolvido aos investidores.

Ou seja, o modelo de negócios que essa empresa utilizou [Pirâmide] não se mostrou sustentável. O apresentador do canal Verdades que Chocam lembrou que a MoGuRo Club foi criada dentro dos escritórios da Unick por antigos líderes da empresa.

Ou seja, poderia haver uma relação do modelo de negócios destas empresas, que tem se mostrado insustentável no longo prazo.

Bispo defende Moguro e diz que culpa dos atrasos dos saques é porque clientes estão pedindo saques em Bitcoin

A MoGuRo Club tem enfrentado algumas dificuldades para processar os saques dos investidores. Os maiores problemas certamente foram em saques com Bitcoin.

Para um dos investidores da MoGuRo Club, a única forma de realizar saques têm sido via CrystalPay. Ou seja, a empresa ainda pode ter “saúde financeira” para realizar saques, segundo este investidor.

O investidor que se identificou como Bispo Jailson afirmou que essa nova modalidade de saques seria devido aos depósitos na empresa. Como os depósitos de investidores são em Urpay, a “empresa precisa de um P2P forte de Bitcoin, uma vez que não compra a moeda digital em corretoras brasileiras“.

Dessa forma, a empresa não tem conseguido processar saques em Bitcoin. A nova forma de saques com a CrystalPay é uma alternativa a Urpay, que o investidor afirmou não ser mais confiável desde os problemas vividos pela Unick Forex. A Urpay já conta com quase 7 mil reclamações no Reclame Aqui.

No vídeo publicado no dia 20 de Dezembro, o Bispo defende a Moguro e diz que os atrasos eram porque os clientes haviam depositado dinheiro via CrystalPay mas estavam querendo sacar em Bitcoin.

Segundo ele, é comum no final do ano várias pessoas fazerem saques, seja para comprar presentes ou bancar as festividades, mas o “problema”, é que “o cara fez o depósito em dinheiro e quer sacar em bitcoin”, disse.

O curioso aqui é que transações com bitcoin são 100 vezes mais rápidas e fáceis que transações em bancos ou aplicativos de pagamentos. Certamente colocar a culpa no bitcoin não colou e alguns investidores sabiamente contestaram.

Para um investidor enfurecido que entrou em contato com o Livecoins e pediu para não ter seu nome revelado, a Moguro está atrasando pagamentos em Bitcoin e em reais.

Para outro youtuber, MoGuRo pode ser certeza de negócios duvidosos

O youtuber do canal Verdades que Chocam, afirmou que a MoGuRo tem tido problemas desde outubro de 2019. Cabe o destaque que no Reclame Aqui ainda não há reclamações registradas, logo não é possível garantir que essa informação repassada pelo youtuber é verídica.

SE É UMA PIRÂMIDE EU NÃO SEI, MAS TEM TODAS AS CARACTERÍSTICAS DE UMA.

Ao se referir as características de uma pirâmide, o youtuber se refere a MoGuRo devido ao fato das promessas de lucros exorbitantes e o marketing multinível.

A empresa, segundo apuração do Livecoins, teria seis formas de lucros oferecidas aos clientes. Dentre elas, algumas se parecem com negócios que teriam dado problemas nos últimos meses, principalmente oferecendo rendimentos diários garantidos.

Ou seja, há quem diga que a MoGuRo é um possível esquema e que já não paga mais. Outro, afirma que a empresa ainda paga e tem condições de honrar os pagamentos por um tempo. Mesmo assim, o Bispo Jailson, que defendeu a MoGuRo, afirmou que a empresa é de extremo risco.

Em um grupo do Telegram, um dos participantes se mostrou preocupado com os atrasos nos pagamentos no último dia 5. Um dos administradores do grupo, contudo, afirmou que os atrasos possuem relação com os feriados de fim de ano.

A equipe de reportagem do Livecoins tentou contato com a empresa, mas parece que o formulário de contato não funciona.

Assista o vídeo que apontou que a Moguro é uma empresa que possui características de uma pirâmide financeira:

https://youtu.be/efhlK3ywFhU?t=54

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Idoso segurando Bitcoins aposentadoria

Empresa passa a oferecer aposentadoria com Bitcoin

Uma parceria entre três empresas do mercado de criptomoedas possibilitou a criação de um produto de aposentadoria com Bitcoin. Os planos de aposentadoria, normalmente chamados...

Líder de pirâmide com Bitcoin é solto e volta a aplicar golpes prometendo lucros

Mesmo depois de ter sido preso e indiciado pela Polícia Civil, o dono da pirâmide financeira "Medina Bank", Izaltino Medina Filho, de 60 anos,...

Modelo do Instagram vende seu “amor” em forma de criptomoeda

O mercado dos tokens não-fungíveis (NFTS) realmente se tornou uma grande moda nos últimos meses, sendo uma forma que muitos escolheram para vender peças...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias