NFTs na blockchain do Bitcoin provocam controvérsia entre desenvolvedores

Os ativos baseados em Satoshi, no entanto, ainda não decolaram.

O Bitcoin agora tem NFTs e eles estão completamente on-chain e podem ter até 4 MB de dados, permitindo que vídeos curtos e até mesmo documentos sejam publicados na blockchain do bitcoin.

Isso pode permitir que a criptomoeda compita com o Ethereum, que domina os NFTs, mas alguns não estão felizes.

Adam Back, CEO da Blockstream, que contrata muitos desenvolvedores de bitcoin, chegou a pedir censura na rede.

“Também é um jogo justo para os mineradores censurar essa porcaria como uma forma de desânimo-los [a usar NFTs na blockchain do Bitcoin]”, disse Back em um tuíte agora excluído.

“Eu me retratei / apaguei isso, pois era estúpido e estava sendo mal interpretado”, disse ele, argumentando em vez disso que “podemos educar e incentivar os desenvolvedores que se preocupam com o caso de uso do bitcoin a não fazer isso, ou fazê-lo de uma maneira viável”.

NFTs no Bitcoin?

A maneira atual de cunhar NFTs na rede do Bitcoin é armazenar dados de parte da transação que se destina a segregated witnesses (testemunhas segregadas).

Isso fornece um desconto de 75% nas taxas de transação para outros dados, tornando a cunhagem desses NFTs muito barata, custando cerca de US $ 20, enquanto no Ethereum custaria até US $ 140.

Os dados também são compatíveis, na medida em que não precisam ser armazenados em UTXO — a parte de memória de transações de um nó — embora um nó de sincronização tenha que baixá-los.

O NFT, além disso, é um satoshi (fração de bitcoin). Seu número de série é usado para diferenciá-los, permitindo a atribuição dos dados que foi possível pela atualização do Taproot em 2021.

Essa brecha foi criada para potencialmente facilitar contratos inteligentes no bitcoin, mas agora está sendo usada para colocar fotos de Dogecoin na blockchain do bitcoin.

Ordinals NFT Bitcoin
Ordinals NFT Bitcoin

O NFT é uma cadeia muito longa de números e letras, com softwares especiais necessários para traduzi-lo para uma imagem real.

Transações comuns não teriam um NFT, mas softwares como o Ordinals podem faze-lo.

O site Ordinals em si não parece ter um mercado e, como é habitual com projetos bitcoin, o design do site deixa muito a desejar, pois parece muito amador.

Mas permite que você veja os mais recentes jpegs, com cada um pagando mineradores pela inclusão. Os proponentes, portanto, argumentam que isso beneficia a rede, pois aumenta o subsídio dos mineradores, mas os oponentes argumentam que é uma maneira muito ineficiente de armazenar imagens.

Embora considerando que essas são imagens imutáveis, é a maneira mais eficiente de armazená-las para acessibilidade a longo prazo, com os mineradores provavelmente não censurando, pois recebem taxas.

Os desenvolvedores também podem não alterar o recurso porque ele provavelmente é necessário para produtos Blockstream, pelo menos eventualmente.

Assim, a atualização muito controversa do Segwit conseguiu, no final, dar às fotos dogecoin um desconto de 75% na taxa de rede, enquanto não conseguia muito mais.

Essas imagens, além disso, têm o dobro do armazenamento disponível do que as transações comuns, 4MB em vez de cerca de 1,8MB, com os desenvolvedores de bitcoin no final, privilegiando um caso de uso que eles odeiam.

Problemas para o Bitcoin

Os NFTs podem adicionar cerca de 200 GB de dados por ano na blockchain do bitcoin, o que pode ser significativo sem um mecanismo de corte adequado.

Os ativos baseados em Satoshi, no entanto, ainda não decolaram. Houve muitas tentativas, incluindo Colored Coins, mas a linguagem de script do bitcoin é muito limitada para realmente fazer muito.

Além disso, a base satoshi do ativo, em vez de seu próprio token, também requer software especial, em vez de apenas uma carteira bitcoin. Isso pode ter contribuído para uma adoção limitada.

A falta de um mercado no Ordinals praticamente garante essa falta de adoção por enquanto, com incertezas sobre o que a Blockstream pode fazer, tornando o Ethereum uma aposta muito mais segura.

Portanto, uma boa prova de conceito, mas sem dúvida não é um NFT real, pois não é um token, mas um bitcoin vestido com jpegs, o que para alguns não o torna diferente, mas o torna muito mais desajeitado.

Artigo traduzido por Vinicius Gouveia com autorização do TrustNodes.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

TrustNodes
TrustNodeshttps://trustnodes.com
News on all things Blockchain, Ethereum, IoT, Fintech and Bitcoin.

Últimas notícias