O que é Yield Farming?

Grandes oportunidades são acompanhadas de grandes riscos. Não invista mais do que você pode perder. Seja um investidor consciente e não se deixe levar pela emoção!

Siga no
Yield Farming
Yield Farming

Yield Farming é uma das principais inovações trazidas pelas finanças descentralizadas (DeFi) ao mercado de criptomoedas. E, sem dúvidas, foi um dos motivos para a explosão desses projetos no ano de 2020.

Em português, esse termo significa literalmente “produção agrícola”, mas também é conhecido popularmente por “mineração de liquidez”.

Se nas finanças tradicionais o retorno de uma aplicação raramente passa dos 5% ao ano, com o Yield Farming é possível encontrar rendimentos anuais de 100% ou mais!

Como acontece com a maioria das coisas relacionadas a blockchain e criptomoeda, este conceito pode ser assustador no início — mas é mais simples do que parece.

Ao longo deste artigo veremos a que se refere esse conceito, bem como seus componentes, sua atração para os investidores e os seus possíveis riscos.

O que é Yield Farming?

Em sua essência, a mineração de liquidez é um processo que permite aos detentores de criptomoedas ganhar recompensas por seus investimentos. Existem várias plataformas para fazer esse tipo de negociação, como Compound e Aave, por exemplo.

Do ponto de vista de plataformas e aplicativos descentralizados (Dapps), o objetivo principal de produção agrícola é atrair liquidez recompensando os investidores que estão dispostos a emprestar seus ativos.

O mecanismo acontece com um investidor depositando unidades de uma criptomoeda para ganhar juros das taxas de negociação. Esses retornos são expressos como um rendimento percentual anual, como veremos mais adiante.

Podemos fazer uma analogias com o sistema tradicional: quando os empréstimos feitos através de bancos usando moeda fiduciária (R$, dólar, euro), o valor emprestado é reembolsado com juros. Com o Yield Farming, o conceito é o mesmo: o criptoativo emprestado nos protocolos DeFi (ou bloqueada em contratos inteligentes) te dão retornos.

Também cabe mencionar que, à medida que mais investidores adicionam fundos ao pool de liquidez relacionado, o valor dos retornos emitidos aumenta. Algumas plataformas também recompensam seus usuários ​​com rendimentos adicionais do token de governança do protocolo.

Os tokens de governança dão aos detentores o poder de influenciar decisões em relação ao protocolo, produto ou roteiro de desenvolvimento, bem como contratação e mudanças aos parâmetros de governança.

O que são pools de liquidez em DeFi? | Livecoins

Como minerar liquidez?

A primeira etapa na agricultura de rendimento envolve adicionar fundos a um pool de liquidez, que são essencialmente contratos inteligentes que contêm fundos. Após adicionar seus fundos a um pool, você se torna oficialmente um provedor de liquidez.

Os seus retornos para os usuários são baseados no valor que você investe e nas regras nas quais o protocolo se baseia.

Além disso, ao pegar mais intimidade com o sistema, alguns usuários conseguem maximizar ainda mais seus lucros. Há quem tome um empréstimo em uma plataforma, por exemplo, para emprestar esse capital em outra, com o intuito de rentabilizar as criptos recebidas.

Nas finanças tradicionais tais “casamentos de empréstimos” nunca seria possível, mas no mundo dos ativos digitais é possível! Sim, você não leu errado: neste mundo disruptivo, há como emprestar novamente os lucros obtidos em um protocolo para ampliar ainda mais seus ganhos. Esse processo é conhecido como Yield Hacking.

Calculo de rendimentos

Os retornos de rendimento estimados são calculados em um modelo anualizado, que podem ser o APR ou APY.

No cálculo do APY, é considerado os juros compostos, que nada mais é do que o reinvestimento direto dos lucros para gerar mais lucros. Já no cálculo do APR, o valor reinvestido não é considerado sendo, portanto, um cálculo de juros simples.

APR vs APY: ¿Cuál es la diferencia? - Axia Global Trading

Porém, há algo para se ter em mente: como o mercado de criptomoedas é extremamente volátil, os modelos de cálculo são simplesmente estimativas. É difícil calcular com precisão os retornos mediante a todo dinamismo. 

As estratégias de farming podem mudar em um dia, conforme novas farms surgem trazendo novas exigências para depósito e quantidade de pagamentos.

Projetos de Yield Farming mais populares

Os usuários podem usar muitos aplicativos para o Yield Farming e cada um possui suas próprias regras para determinar recompensas.

Existem vários projetos DeFi atualmente que oferecem tal sistema. Algumas das melhores e que movimentam mais dinheiro são:

AaveAave reformula sua futura plataforma DeFi que visa atrair a atenção do setor institucional – Money Times

Aave significa “fantasma” em finlandês. Anteriormente conhecido como ETHLend (LEND), o protocolo Aave foi fundado por Stani Kulechov e lançado em novembro de 2017.

Ele permite aos usuários emprestar e tomar emprestado uma série de criptomoedas e, atualmente, é o projeto com maior TLV (Total Value Locked ou Valor Total Bloqueado no protocolo) entre os projetos DeFi.

A plataforma oferece suporte a vários stablecoins e outros ativos, como DAI, USDT, BAT e yearn.finance. Além disso, também possui funcionamento pela segunda camada da rede Ethereum, a Polygon (MATIC).

Sempre que você empresta no Aave, você ganhará “aTokens” na proporção 1:1. Essas são basicamente versões Aave do token que você está emprestando sendo fornecidas como uma recompensa adicional além dos juros que você ganha.

Compound

A Votação da Compound Finance Sobre A Compensação de Liquidação do DAI Está Perto do Fim

Compound é um protocolo não custodial e de código aberto – não custodial significa que você tem o controle de suas chaves privadas – para a tomada e concessão de empréstimos de forma descentralizada. Ele é muito semelhante ao Aave.

O COMP deu início à mania da yield farming quando foi lançado, há cerca de um ano e suas taxas de juros para a tomada e concessão de empréstimos são algoritmicamente provenientes com base na oferta e demanda.

Segundo o site DeFi Pulse, possui quase US$8,51 bilhões em criptoativos atualmente.

Uniswap

O descontrolado sucesso do token do Uniswap pode torná-lo em um valor mobiliário? – Money TimesÉ um protocolo que foi fundado por Hayden Adams em 2018. Em maio de 2021 foi lançado o Uniswap V3, trazendo várias mudanças, como múltiplos níveis de taxas e liquidez concentrada, permitindo que os usuários façam um gerenciamento de risco mais eficiente.

Essencialmente, o empréstimo normal das DEX (corretoras descentralizadas) coloca as negociações em uma faixa de preço de 0 a infinito. No entanto, na liquidez concentrada, é permitido que você escolha a faixa de preço específica que quer deixar o Yield Farming.

Além disso, a UNI, como é popularmente conhecida, também é um formador de mercado automatizado (AMM) que permite aos usuários trocar quase qualquer par de tokens ERC20 (padrões de token dentro da blockchain do Ethereum) sem intermediários.

Apesar da crescente competição dos protocolos DeFi e o empecilho de só funcionar pela rede Ethereum (ERC-20), o volume na Uniswap continua a crescer mensalmente.

Riscos do Yield Farming

Sem dúvidas, a prática do Yield Farming permite obter retornos muito maiores do que em qualquer instituição financeira convencional.

Porém, como era de se esperar, todo esse potencial de ganhos surge o risco de um grande buraco cheio de golpes, roubos e a possibilidade de perder tudo, sem contar que os usuários também correm riscos adicionais de Impermanent Loss (ou perda impermanente) bem como da queda de preços quando os ativos estão travados em um protocolo.

Se você é novato na área, o termo “Impermanent Loss” faz menção a perda temporária de fundos experimentada ocasionalmente pelos provedores de liquidez devido à volatilidade em um par de negociação.

Beginner's Guide to (Getting Rekt by) Impermanent Loss | by Nate Hindman | Bancor

Além disso, outro risco é o risco de liquidação. Ou seja, caso tenha pegado um empréstimo e o mercado vire, com sua dívida tornando impagável, você pode perder seu dinheiro.

Porém, ao meu ver, o principal risco é a suscetibilidade a hacks e fraudes devido a possíveis vulnerabilidades nos contratos inteligentes (smart contracts) dos protocolos.

Os contratos inteligentes são códigos digitais sem papel que contêm o acordo entre as partes sobre regras predefinidas que são executadas automaticamente. Esses bugs de codificação podem ocorrer devido à competição acirrada entre os protocolos.

Se um projeto não for auditado ou se um membro da equipe criar involuntariamente um contrato inteligente explorável, qualquer pessoa com conhecimento técnico suficiente pode roubar fundos.

Exemplo de vulnerabilidade que resultou em graves perdas financeiras inclui o protocolo Harvest.Finance, que em outubro de 2020 perdeu mais de $ 20 milhões em um hack de liquidez.

Como o blockchain é imutável por natureza, na maioria das vezes as perdas DeFi são permanentes e não podem ser desfeitas.

Conclusão

Finanças descentralizadas e Yield Farming estão disponíveis para qualquer pessoa no mundo com uma conexão de internet.

Ao escolher uma corretora descentralizada, é importante analisar todos os aspectos de segurança e confiabilidade do código aberto da plataforma. A mineração de liquidez é parte do que faz o financiamento descentralizado girar.

Com o Yield Farming, em vez de sua criptomoeda ficar parada em uma carteira e só valorizando ou desvalorizando conforme as idas e vindas do mercado, ela é, em vez disso, investida para gerar renda passiva. Além disso, a produção agrícola é importante porque pode ajudar os projetos a obter liquidez inicial, mas também é útil para credores e tomadores de empréstimos.

Embora o Yield Farming gere renda passiva, os usuários que cultivam devem sempre pensar se é melhor vender o ativo ou armazená-lo para fins especulativos para se manter lucrativo.

Por fim, considere que esse mercado ainda é pouco regulado e extremamente novo. De modo geral, não há garantia sobre a proteção de seus fundos.

Nos próximos anos, certamente veremos o amadurecimento desse setor, com a consolidação de alguns de seus agentes e novos serviços financeiros inovadores e disruptivos.

Grandes oportunidades são acompanhadas de grandes riscos. Não invista mais do que você pode perder. Seja um investidor consciente e não se deixe levar pela emoção!

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Mayara Souza
Devoradora de livros e amante do conhecimento. Aqui tem economia, empreendedorismo, tecnologia, investimentos, liberdade e um pouco besteiras: séria mas nem tanto!
Queda da Dogecoin DOGE despenca desvalorização brasileiro

Brasileiro perde R$ 2,6 milhões com queda da Dogecoin, mas ainda acredita na moeda

O brasileiro que mora nos Estados Unidos, Glauber Contessoto, perdeu R$ 2,6 milhões em Dogecoin com a recente queda da moeda no mercado. O fenômeno...
LNBTC

Usuário avisa empresas sobre falha em serviços de custódia da Lightning Network

Reckless Satoshi, um usuário do Reddit, fez uma postagem relatando que serviços de custódia que trabalham com a Lightning Network tinha um ponto de...
Ethereum. (Imagem: Adobe Stock)

Pânico? R$6,6 bilhões em Ethereum saíram das exchanges na semana passada, R$4,2 bi voltaram...

Na quarta-feira passada, dia 15 de setembro, cerca de 363.240 ETH foram sacados de exchanges centralizadas, ontem, no entanto, 258.050 ether voltaram para endereços...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias