Polícia prende 8 pessoas que promoviam pirâmide com Bitcoin

Líderes promoveram o esquema ponzi na Argentina e terão que responder na justiça.

Siga no
Material apreendido de Líderes da OneCoin pela Polícia. Merchandising, celulares, notebooks e dinheiro. Foto: (Polícia Argentina)
Material apreendido de Líderes da OneCoin pela Polícia. Merchandising, celulares, notebooks e dinheiro. Foto: (Polícia Argentina)

As autoridades da Argentina prenderam oito divulgadores da pirâmide OneCoin. Os líderes do esquema prometiam multiplicar rapidamente os investimentos de quem colocasse dinheiro no negócio, no entanto, tudo não passava de uma grande ladainha de uma das maiores pirâmides financeiras com criptomoedas que o mundo já viu.

Um dos presos é Edgar Moreno, um famoso locutor de rádio e jornalista do país, ele aproveitou sua influência na mídia para promover o negócio que causou prejuízo estimado em $ 10 bilhões em todo o mundo.

O esquema funcionava igual qualquer outra pirâmide criada por algum vagabundo qualquer, a venda de promessas de lucros surreais e uma falsa criptomoeda com “lucro garantido”. As vítimas eram convencidas a investir com a promessa de valorização milagrosa, e, ao mesmo tempo, eram instruídas a recrutarem mais pessoas.

Pirâmide.

De acordo com o site BehindMLM, o nome dos presos são: Gustavo Adolfo Amuchástegui, Andrés Matías López, Mariana Noel López, Edgar Nicolás Moreno, Manuel Vicente Peralta Guevara, Mónica Gabriela Blasco, Daniel Cornaglia e Ricardo Beretta.

Edgar Nicolás Moreno
Edgar Nicolás Moreno

Os líderes do esquema recrutavam investidores na Argentina em eventos que aconteciam em hotéis. Por meio dos encontros presenciais, centenas de pessoas eram convencidas a investir no esquema.

Os criminosos usavam uma tática de colocar as vítimas sob pressão, dizendo que elas deveriam se apressar para comprar a moeda, pois, não seria possível comprar depois e portanto, perderiam a “incrível oportunidade”.

“[..] recrutaram vítimas, que, como clientes, eram as que se beneficiariam – de acordo com o esquema – aumentando as moedas em suas contas virtuais, investindo seu dinheiro e trazendo mais investidores. A promessa de que essa moeda chegaria ao mercado com uma cotação em alta nunca foi cumprida ”, diz a acusação.

Nas buscas e apreensões realizadas nas residências dos 8 presos a polícia encontrou material de merchandising, celulares, notebooks, dólares, uma quantidade significativa de documentação relacionada a OneLife e, pasmem, material de outras empresas suspeitas de pirâmide, de acordo com o jornal Lavoz.

OneCoin fez vítimas no Brasil, ninguém foi preso

A OneCoin foi um golpe mundial que fez vítimas inclusive no Brasil. A empresa começou a atuar por aqui em 2015, vários brasileiros que já estão acostumados a promoverem diversos golpes ganharam dinheiro com o esquema piramidal. No Youtube, por exemplo, é possível encontrar diversos desses “líderes” que enganaram diversas vítimas.

Mas diferente da Argentina ou de outras partes do mundo, ninguém foi preso, e inclusive, quem promove golpe por aqui acaba processando nosso site por “difamação” e mandando e-mail dizendo que foi “vítima” como qualquer outra pessoa.

Curiosamente, a mesma pessoa que diz ser vítima de um golpe promove outras 33 pirâmides. Caiu em 33 golpes? Ou é burro, ou então come capim.

Onecoin Brasil
Onecoin Brasil

Com a promessa hollywoodiana de ser uma criptomoeda melhor que o Bitcoin, a OneCoin nunca chegou a ser nada além de um golpe para enganar e tirar dinheiro de pessoas humildes e com pouco conhecimento no assunto.

O esquema era tão baixo nível que nem mesmo existia uma criptomoeda falsa, os líderes prometiam vender a suposta cripto e diziam que seu valor iria multiplicar milagrosamente, mas a criptomoeda nunca existiu, isso é, nem mesmo uma criptomoeda falsa foi repassada às vítimas.

Em outras palavras, eles ofereciam uma criptomoeda que iria valorizar, mas a moeda não existia, ninguém nunca recebeu nada.

Seja como for, líderes de pirâmides brasileiros estão sendo marcados e terão que lidar com a justiça, cedo ou tarde.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Big Techs

Gigantes da tecnologia correm para entrar no mercado de criptomoedas

Amazon, Facebook, Twitter, Reddit, Signal, Kin e provavelmente o Google são apenas algumas das maiores empresas de tecnologia do mundo que agora estão envolvidas...
UniSwap-arte

Uniswap dobra o joelho para regulação e censura mais de 100 criptomoedas

A Uniswap Labs, empresa responsável pelo desenvolvimento da exchange "descentralizada" Uniswap, anunciou que limitará o acesso a mais de 100 tokens em sua plataforma. O...
Uniswap moeda

Criptomoeda de graça na Uniswap é golpe que pode drenar saldo de carteira

Um ataque cibernético aplicado na Uniswap envolvendo uma distribuição gratuita de criptomoedas (airdrop) na rede Ethereum pode drenar todo o saldo das carteiras dos...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias