Recompensas para soldados chineses serão pagas em criptomoedas

Informações de um jornal militar do país!

-

Siga no
Soldados Chineses Carregando Bandeira da China - Imagem de Ray Wong por Pixabay
Soldados Chineses Carregando Bandeira da China - Imagem de Ray Wong por Pixabay
Anúncio

A China continua avançando na ideia de utilizar criptomoedas em seu território. Em uma nova publicação de um jornal militar, os soldados chineses poderão obter recompensas em criptomoedas.

Recompensas em criptomoedas poderão ser oferecidas para soldados chineses

A China possui a maior população do mundo, estimada em 1,3 bilhões em 2017, segundo dados do Google. Além disso, segundo informações de 2019, possui o exército ativo mais populoso dentre todos os países. São cerca de 2,183 milhões de soldados chineses na ativa, somando a estes 510 mil na reserva.

Mas o poderio militar chinês poderá ser exposto a uma nova realidade que não a guerra. As criptomoedas serão apresentadas para estes, que poderão receber algumas recompensas com moedas digitais, ou ainda, em tokens.

Anúncio

De acordo com o jornal chinês SCMP, caso os soldados chineses tenham um bom desempenho, poderão receber recompensas com tokens baseados em blockchain. De acordo com o SCMP, um jornal militar teria feito a sugestão deste novo cenário.

Como funcionaria a recompensa para os soldados?

De acordo com a ideia, o Exército de Libertação Popular (PLA) poderia ter a blockchain ajudando no processo de gerência de recursos humanos. Com isso, soldados chineses que alcançassem boas pontuações nos treinamentos, habilidades especiais, conclusão de tarefas, seriam recompensados.

Um porta-voz ainda afirmou que tal processo daria forças para o exército chinês.

“Atribuir ou deduzir tokens de acordo com o desempenho diário de uma pessoa e, assim, gerar uma avaliação objetiva, energizaria efetivamente a gestão de recursos humanos”

Cabe o destaque que o orçamento militar do exército chinês é um dos maiores do mundo atual. O exército chinês é considerado o terceiro mais poderoso do mundo.

A medida proposta pelo exército chinês chega poucas semanas após o anúncio de Xi Jinping afirmar que a China será líder global de blockchain. O presidente afirmou que quer celeridade no processo de construção da blockchain chinesa.

Dados dos soldados poderão ser gravados na blockchain

Os dados de cada soldado chinês também poderão ser gravados na rede de blocos. Com isso, a tomada de decisão de um superior quanto aos seus comandados poderá ser totalmente baseada em dados sólidos, principalmente porque com a blockchain não é possível haver alteração de registros gravados.

O que chama atenção ainda é que não há informações de qual rede será a escolhida para essa tarefa. A Ethereum, por exemplo, é uma rede blockchain que permite a criação de tokens. Um dos fundadores desta rede, Joe Lubin, se colocou a disposição do governo chinês de ajudar o país na criação de uma solução.

O cenário chinês relacionado com as criptomoedas tem estado em alta nas últimas semanas. Com a ideia da aplicação blockchain no campo militar, um assunto inédito entre governantes, a China dá mais um passo rumo a adoção desta nova tecnologia. Um dos maiores portais de notícias do país noticiou o Bitcoin em sua capa nos últimos dias.

Por fim, uma agência dos EUA já percebeu os movimentos da China em relação à tecnologia blockchain. Com o campo dos tokens criptográficos entrando em alta, com certeza os vários países passarão a prestar atenção na nova criptoeconomia.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Venezuela e Bitcoin

Quais os riscos da Venezuela minerar Bitcoin?

A Venezuela publicou um novo decreto mostrando que deve começar a minerar Bitcoin, mas alguns riscos podem envolver a prática. No país, há uma...
Nouriel Roubini

Nouriel Roubini ataca DeFi: “é um vaporware”

O termo DeFi toma as manchetes do mercado de criptomoedas e de economistas renomados em 2020. De acordo com o analista financeiro Nouriel Roubini,...

Empresa vai dar criptomoedas para quem plantar árvores

Um dos problemas que preocupam a sociedade atualmente é a emissão de carbono e as mudanças climáticas causadas pelo aquecimento global. Para tentar achar...

Últimas notícias

Nouriel Roubini ataca DeFi: “é um vaporware”

O termo DeFi toma as manchetes do mercado de criptomoedas e de economistas renomados em 2020. De acordo com o analista financeiro Nouriel Roubini,...

Justiça vai atrás de exchanges internacionais em ação de R$ 65 milhões contra a Atlas Quantum

A Justiça de São Paulo determinou que oito exchanges internacionais promovam o bloqueio de qualquer ativo digital depositado pela Atlas Quantum. A decisão foi proferida...

Empresa vai dar criptomoedas para quem plantar árvores

Um dos problemas que preocupam a sociedade atualmente é a emissão de carbono e as mudanças climáticas causadas pelo aquecimento global. Para tentar achar...