Seis times brasileiros devem lançar sua própria criptomoeda

Clubes apostam em criptomoedas para driblar crise financeira e falta de investimentos.

Siga no
Criptomoedas conquistam clubes de futebol no Brasil
Criptomoedas conquistam clubes de futebol no Brasil

Outros seis clubes no Brasil devem lançar a sua própria criptomoeda no mercado. A oportunidade deverá gerar mais receita para os times, dinamizando a economia das equipes de futebol. Com a criação, os seis times devem entrar para o clube seleto de nomes que já lançaram a sua própria criptomoeda, como o Atlético Mineiro, o Fortaleza e até mesmo o Avaí.

O mundo do futebol foi um dos primeiros setores a “abraçar” os ativos digitais e à tecnologia blockchain. Fora do Brasil projetos semelhantes já fazem sucesso em grandes clubes como o Paris Saint-Germain, por exemplo. O time europeu decidiu que pagará parte de seus jogadores em criptomoedas recentemente. Além disso, celebridades do mundo dos gramados já deram seu nome a grandes projetos, como o Ronaldinho Gaúcho Soccer Coin.

Criptomoedas trazem mais transparência para times de futebol

As criptomoedas podem representar mais transparência e até investimentos diretos nos times. No Brasil o Avaí foi o primeiro time a oferecer uma criptomoeda para os seus associados. Mas é através do GaloCoin que o Atlético Mineiro busca integrar sua loja online com serviços voltados para os torcedores.

A relação entre torcedores e seus times do coração passa a ser monetizada graças às criptomoedas. Além da transparência relacionada ao fisco, os ativos digitais permitem uma maior aproximação de torcedores associados e o clube. Em alguns casos, dívidas milionárias poderiam receber ajuda daqueles que mais se importam com os clubes.

Footcoin está por trás do projeto de criptomoedas para clubes

E será através das criptomoedas que clubes brasileiros podem procurar uma solução para uma crise financeira que se alastra pelos gramados. Em uma recente entrevista ao Correio Braziliense, o CEO da Footcoin explicou que seis clubes estudam lançar as suas criptomoedas em breve no mercado. Para José Rozinei da Silva, essa busca deve trazer benefícios para os times de futebol.

“Gera a segurança de que os valores transacionados sejam rastreados e destinados adequadamente”.

A Footcoin.club é a empresa responsável por criar criptomoedas para times de futebol no Brasil. Lançada há poucos meses no mercado, a plataforma conta com mais de onze milhões de usuários já registrados. Sem revelar detalhes de quais seriam os clubes envolvidos no lançamento de novas criptomoedas no mercado, José Rozinei relatou como essa prática pode ajudar os clubes no país.

“Além de incentivar novas receitas, integra fãs, jogadores, mercado financeiro, patrocinadores e clubes”.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Binance PIX

Corretoras brasileiras pedem ação da CVM, MPF e BC contra Binance

A Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto), que tem corretoras como a foxbit e Mercado Bitcoin, pediu que o MPF ajuíze uma ação civil pública...

Site sobre criptomoedas supera Bloomberg, Reuters e WSJ em visitas mensais

O maior agregador de preços de criptomoedas do mundo, o CoinMarketCap, realizou um marco histórico no mês de fevereiro: superou a marca de 100...
Comunistas + Bitcoin

Foice, martelo e… Bitcoin? Filósofo diz que criptomoeda é um renascimento do comunismo

O filósofo francês Mark Alizart lançou um livro onde afirma que o advento das criptomoedas e o protocolo Bitcoin são uma possível alavanca para se pensar em...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Site sobre criptomoedas supera Bloomberg, Reuters e WSJ em visitas mensais

O maior agregador de preços de criptomoedas do mundo, o CoinMarketCap, realizou um marco histórico no mês de fevereiro: superou a marca de 100...

Foice, martelo e… Bitcoin? Filósofo diz que criptomoeda é um renascimento do comunismo

O filósofo francês Mark Alizart lançou um livro onde afirma que o advento das criptomoedas e o protocolo Bitcoin são uma possível alavanca para se pensar em...

George Ball diz que Bitcoin é uma boa proteção contra inflação

O famoso investidor George Ball, CEO da Sanders Morris Harris, dise que o Bitcoin é uma boa proteção contra a inflação. Dessa forma, ele...

Domínio chinês em blockchain é um risco para os EUA, diz presidente da Câmara de Comércio Digital

Perianne Boring, a presidente da Câmara de Comércio Digital dos Estados Unidos destacou os motivos pelos quais acredita que os Estados Unidos precisam se...

CEO da Aave diz que “loucura do Yield Farming” está chegando ao fim

O CEO da Aave, Stani Kulechov, está preocupado com a falta de inovação dentro do setor de finanças descentralizadas (DeFi), citando a natureza de...