Standard Chartered prevê Bitcoin a US$ 200.000 após aprovação de ETFs

Os analistas preveem que os ETFs de Bitcoin poderiam atrair entre US$ 50 bilhões e US$ 100 bilhões em capital já em 2024.

Com a iminente possibilidade de aprovação dos ETFs de Bitcoin nos Estados Unidos, especialistas do banco Standard Chartered estão prevendo um boom sem precedentes para a principal criptomoeda do mundo, estimando que o Bitcoin possa atingir a marca dos US$ 200.000 até o final de 2025.

Os analistas de um dos principais grupos bancários do mundo baseiam suas projeções no potencial impacto dos ETFs, comparando o esperado lançamento desses instrumentos financeiros com o impacto revolucionário que os ETFs de ouro tiveram no mercado.

O primeiro ETF de ouro nos EUA, o SPDR Gold Shares (GLD), lançado em 2004, tornou-se o maior ETF do mundo e serviu como um modelo de sucesso para a indústria.

“Antecipamos que o Bitcoin terá ganhos comparáveis após a aprovação do ETF nos EUA. Esperamos que esse crescimento seja ainda mais expressivo, ocorrendo num prazo mais curto, entre um a dois anos”, afirmou o banco.

ETFs de Bitcoin podem atrair 100 bilhões de dólares

Os analistas preveem que os ETFs de Bitcoin poderiam atrair entre US$ 50 bilhões e US$ 100 bilhões em capital já em 2024. Além disso, o Standard Chartered acredita que o valor do Bitcoin alcançará a marca dos US$ 100.000 até o final deste ano e poderá se aproximar dos US$ 200.000 até o fim de 2025.

“O Bitcoin verá ganhos semelhantes com a aprovação de um ETF spot dos EUA, mas veremos isso se materializar em um período mais curto (um a dois anos) dado o rápido desenvolvimento do mercado BTC-ETF”, explicou o Standard Chartered.

A possível aprovação dos ETFs Bitcoin nos EUA é vista pelo Standard Chartered como um ponto de virada significativo para a normalização da participação de investidores institucionais no mercado de criptomoedas.

O banco está otimista em relação à decisão da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC), antecipando uma reação imediata do mercado caso a aprovação seja confirmada.

Segundo informações da Fox Business, citando fontes internas, a BlackRock, favorita na corrida, está pronta para lançar um ETF de Bitcoin assim que obtiver a aprovação da SEC.

Analistas e investidores estão agora ansiosos aguardando a decisão regulatória, que poderá marcar um novo capítulo no caminho do Bitcoin para a adoção generalizada nos mercados financeiros tradicionais.

Os potenciais emissores de ETF de Bitcoin enviaram seus documentos finais à SEC na segunda-feira (8) detalhando as taxas para o produto potencial. A agência enviou comentários a um conjunto de emissores no mesmo dia, o que é muito incomum.

Caso os formulários sejam aprovados, a negociação poderá começar em um processo paralelo assim que os formulários S-1 entrarem em vigor. Uma decisão da SEC é esperada em breve, principalmente devido ao prazo final de 10 de janeiro para a agência responder aos pedidos da Ark Investments e 21 Shares.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Vinicius Golveia
Vinicius Golveia
Formado em sistema da informação pela PUC-RJ e Pós-graduado em Jornalismo Digital. Conhece o Bitcoin desde 2014, atuando como desenvolvedor de blockchain em diversas empresas. Atualmente escreve para o Livecoins sobre assuntos de criptomoedas. Gosta de cultura POP / Geek. Se não estiver escrevendo notícias relevantes, provavelmente está assistindo alguma série.

Últimas notícias