Inicio Altcoins Token da Hyundai pode ser listado em grandes corretoras em breve

Token da Hyundai pode ser listado em grandes corretoras em breve

Gigante de automóveis do mundo!

-

Compartilhe
Token da Hyundai pode ser listado em grandes corretoras em breve

A gigante de automóveis sul-coreana, a Hyundai poderá ver seu token listado em corretoras de criptomoedas em breve. Isso porque a intenção é realizar a listagem em grandes operações americanas, como Binance, Kraken, Bittrex e outras mais.

O token Hyundai-DAC (HDAC) é pouco conhecido no criptomercado, ocupando a posição 2041 do CoinMarketCap no momento da escrita deste. Cada unidade vale pouco mais de U$ 0,027 (ou ainda, 223 satoshis). Entretanto, o que poucos sabem é que este possui apoio de ninguém menos do que a Hyundai, gigante automobilística sul-coreana.

Token parceiro da Hyundai quer ser listado em grandes corretoras em breve

Nos planos de expansão do token HDAC, foi feito uma parceria com a startup CasperLabs. No dia 28 de junho foi assinado um Memorando de Entendimento (MOU) entre essas empresas, de acordo com o portal Coindesk.

Isso porque há intenção de aprimorar o mecanismo de consenso do token, permitindo uma maior descentralização. Esse cuidado visa aumentar a adoção dessa tecnologia, e por consequência do token.

Com isso, há certamente um plano audacioso, que inclui listagens em grandes exchanges, como Binance, Kraken e Bittrex. Além disso, há intenção de aproximar o token da comunidade de tecnologia, com hackatons sendo feitos nos EUA e Coreia. Finalmente, a colaboração entre as empresas, pelo menos de início, terá duração de três anos. Mrinal Manohar, que é CEO da ADAPtive Holdings LTD., empresa responsável pela Casper Labs, mostrou entusiasmo com a novidade.

“Muitas implementações vieram com algum tipo de compromisso para a descentralização e nosso objetivo é fornecer descentralização total ao lado do acesso sem permissão”

HDAC quer ser líder de tecnologia blockchain mundial

Nos planos de ser uma empresa líder do mercado de blockchain mundial, a HDAC anunciou recentemente um novo representante da filial coreana. O nome escolhido foi Yongwan Ju, que é um especialista em TI que será responsável pela condução do negócio, desde o último dia 02 de julho.

A empresa agradeceu o antigo diretor Michael Yoon, que foi responsável por grande progresso do projeto até junho de 2019. Cabe o destaque que Yoon participou da listagem do token na corretora Bithumb, gigante sul-coreana, Coinbene e outras mais.

O novo diretor Yongwan Ju possui experiência no mercado de blockchain, tendo conduzido negócios pela KISA na Coreia do Sul. Além disso, participou de alguns projetos ligados ao MSIT (Ministério da Ciência e TIC) da Coreia.

Estou muito agradecido por todos os esforços de Michael Yoon, o ex-Representante, e eu, como recém nomeado oficial, farei o meu melhor para fazer o Hdac alcançar suas possibilidades e potencialidades se transformando em um líder global de plataforma blockchain e, além disso, para tornar a Coreia uma líder global da indústria de blockchain.

Finalmente, cabe o destaque que o mercado sul-coreano é um dos mais relevantes do criptomercado. De acordo com dados do Coinhills, no momento da escrita deste, a moeda KRW é a terceira mais utilizada para compras de Bitcoin no mundo.

Curta nossa página no Facebook e também no Twitterpara começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.

MAIS LIDOS

Congressistas entendem a diferença entre a Libra e o Bitcoin

A criptomoeda Libra tem sido associada ao Bitcoin, entretanto, há diferenças entre os projetos. De acordo com Charlie Shrem, os congressistas dos EUA conseguem...

Como ganhar dinheiro com a volatilidade do bitcoin

O Bitcoin é um ativo bastante volátil, ele possui mais de 63% de volatilidade anual. Isso significa que ele pode retrair ou expandir 63%...

Bitcoin atinge R$ 1 bilhão em negociações no Brasil e quebra recorde na América Latina

O Brasil registrou mais de R$ 1 bilhão em negociações envolvendo o bitcoin. A criptomoeda vive um importante momento de expansão na América Latina....

Hacker invade corretora de criptomoedas e rouba mais de R$ 120 milhões

Na última quinta-feira (11) a Bitpoint sofreu um duro ataque hacker em sua plataforma. A corretora de criptomoedas perdeu mais de R$ 120 milhões...

Clientes da Indeal defendem empresa

Após uma investigação da Polícia Federal, os negócios da Indeal deixaram de ser operados em todo o Brasil. A investigação resultou na prisão de...

Bitcoin vai subir? Trader aponta U$ 16 mil em breve

Na última semana o preço do Bitcoin em real ultrapassou os R$ 50 mil, a desvalorização veio forte. No momento da escrita deste, a...
 

COMENTÁRIOS

MAIS LIDOS

Congressistas entendem a diferença entre a Libra e o Bitcoin

A criptomoeda Libra tem sido associada ao Bitcoin, entretanto, há diferenças entre os projetos. De acordo com Charlie Shrem, os congressistas dos EUA conseguem...

Como ganhar dinheiro com a volatilidade do bitcoin

O Bitcoin é um ativo bastante volátil, ele possui mais de 63% de volatilidade anual. Isso significa que ele pode retrair ou expandir 63%...

Bitcoin atinge R$ 1 bilhão em negociações no Brasil e quebra recorde na América Latina

O Brasil registrou mais de R$ 1 bilhão em negociações envolvendo o bitcoin. A criptomoeda vive um importante momento de expansão na América Latina....

Hacker invade corretora de criptomoedas e rouba mais de R$ 120 milhões

Na última quinta-feira (11) a Bitpoint sofreu um duro ataque hacker em sua plataforma. A corretora de criptomoedas perdeu mais de R$ 120 milhões...

Clientes da Indeal defendem empresa

Após uma investigação da Polícia Federal, os negócios da Indeal deixaram de ser operados em todo o Brasil. A investigação resultou na prisão de...
Compartilhe