UNICEF vai investir Ethereum em startups da Argentina e México

No Brasil, o órgão internacional é reconhecido por iniciativas como o programa "Criança Esperança", sendo organizado pela Rede Globo.

Siga no
Crianças apoiadas pela UNICEF
Crianças apoiadas pela UNICEF

O órgão internacional de proteção ao direito das crianças, UNICEF, anunciou que vai investir em sete startups de seis países, sendo o valor enviado na criptomoeda Ethereum (ETH).

Na América Latina, os selecionados foram Argentina e México, que terão uma empresa de cada país recebendo o aporte de US$ 100 mil. Países da África, como Quênia e Ruanda; e na Ásia, Índia e Nepal foram os outros selecionados, que deveriam obrigatoriamente utilizar a tecnologia blockchain em suas inovações.

No caso da Argentina, chamou atenção que a UNICEF escolheu uma startup de educação financeira para receber o auxílio. Ou seja, a intenção é fomentar o uso das criptomoedas no país, ensinando as crianças e jovens a manusear a nova tecnologia e escapar da alta inflação regional.

UNICEF investe US$ 100 mil em Ethereum em startup de educação financeira Argentina

A Xcapit é uma das contempladas pela UNICEF Innovation, um programa criado em 2016 para acelerar negócios que podem ajudar no futuro das crianças que vivem em países de vulnerabilidade.

No caso da Argentina, a Xcapit afirmou que a realidade de estudos em finanças e inflação alta é uma realidade comum.

“Na América Latina, inflação alta e educação financeira muito baixa são comuns. Os pequenos poupadores não têm acesso a soluções profissionais para aplicar seu capital, eles precisam ter conta em banco e capital mínimo para começar.”

Para mitigar os danos causados pela realidade, a empresa criou uma plataforma de ensino, com uso da blockchain e inteligência artificial. Com a ferramenta, além de investimentos fáceis, os usuários poderão aprender mais sobre finanças e criptomoedas.

Em sua conta oficial do Twitter, a UNICEF comemorou a chegada da empresa no programa de inovação em países emergentes.

Aplicativo blockchain com contratos inteligentes para avaliar o crédito no México

Já no México, a startup BXSmartLabs foi a contemplada pela iniciativa da UNICEF para apoiar a economia local. O aplicativo desta empresa promete criar soluções inovadoras com a tecnologia blockchain para facilitar a tomada de empréstimos, que é conhecido no país como “tandas”.

“Nossa solução é baseada em um sistema que nós no México conhecemos como “tandas ” que permite que as pessoas tenham acesso a empréstimos sem juros de sua própria rede.

Este sistema também conhecido como ROSCA (associação de poupança e crédito rotativo) também é usado em comunidades da América Latina, África e Ásia.

É baseado em círculos de poupança, nos quais os participantes efetuam pagamentos entre si no mesmo valor em determinada data previamente acordada, até que todos recebam o seu pagamento e o ciclo seja concluído ou uma “tanda seja encerrada”.”

Como a administração dos tandas são atividades que nem todos estão dispostos a realizar, a solução utiliza os contratos inteligentes para administrar este processo doloso. Ou seja, a tecnologia será implementada para facilitar um empréstimo popular no país.

É claro que esse valor que a UNICEF vai investir em startups da América Latina, que será feito em Ethereum, mostra o potencial de uso das criptomoedas na região.

Na última semana, El Salvador legalizou o Bitcoin como moeda de curso legal, mas a tendência é que outros países também entrem na chamada criptoeconomia com soluções facilitando a vida da população.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Claudio Oliveira. "Rei do Bitcoin"

‘Rei do Bitcoin’ e mais oito pessoas são indiciadas por fraude bilionária

O "Rei do Bitcoin", Cláudio Oliveira, fundador do Bitcoin Banco, e mais oito pessoas foram indiciadas em seis crimes que causaram um prejuízo bilionário...

Ethereum vai ultrapassar o Bitcoin, diz CEO da Pantera Capital

O Ethereum está prestes a passar por uma de suas mais importantes atualizações, o hard fork London, em preparação para o Ethereum 2.0. Essa...

TradingView: Mercado cripto ainda tímido, analistas otimistas

Após forte alta, mercado sofre breve retração, que não foi o suficiente para tirar as esperanças dos analistas. Confira os estudos do TradingView. Lorena Almada O...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias