Líder da Unick Forex negocia delação premiada

Réu pode entregar vários líderes que estão soltos e onde está o dinheiro

-

Siga no
Unick Forex recebeu mais de 11 mil reclamações
Anúncio

A Unick Forex foi encerrada em outubro de 2019, na famosa operação Lamanai. Agora um líder da empresa que foi para o banco dos réus negocia uma delação premiada com o Ministério Público Federal. As informações são do Jornal NH.

São 15 suspeitos que estariam com problemas na justiça devido às atividades da Unick. A empresa foi encerrada por cometer crime contra a economia popular, a famosa pirâmide financeira.

A Polícia Federal foi a responsável por conduzir as buscas e apreensões na época, de uma fraude que possivelmente lesou mais de um milhão de pessoas no país todo. Além disso, há suspeitas de investidores estrangeiros, que teriam aportado dinheiro na empresa e também estariam entre os lesados.

Anúncio

A justiça prendeu os principais líderes da Unick Forex, como Leidimar Lopes, que ainda estaria preso. Recentemente, vazaram escutas que Leidimar afirmou que mesmo se fosse solto, não há intenção de pagar os investidores.

Com a Unick Forex, o retorno esperado por investimentos em Bitcoin eram milagrosos. A empresa prometia dobrar o capital dos clientes em até seis meses. O milagre da multiplicação não passava de uma miragem.

Réu da Unick Forex vai fazer delação premiada

Um novo desenrolar das investigações da Justiça paira sobre a Unick Forex. O Ministério Público Federal, responsável pelas investigações contra a empresa, afirmou que um dos réus está disposto a colaborar.

O nome do réu, segundo informações do Jornal NH, estaria sob rigoroso sigilo por parte das investigações. Contudo, caso concorde em ajudar nas investigações, poderia melhorar o entendimento do esquema e de onde estariam a fortuna arredada dos investidores.

A Unick Forex teria conseguido cerca de R$ 28 bilhões dos clientes, que desde junho de 2019 já não recebiam seus rendimentos prometidos. A justiça, contudo, só conseguiu recuperar R$ 250 milhões até então, quantia irrisória em relação ao montante total.

Ou seja, um dos 15 réus do esquema já estaria disposto a colaborar, podendo este entregar gente grande por trás das operações da antiga pirâmide, fundada na cidade de Novo Hamburgo. A Polícia Federal também estaria ajudando nas investigações do MPF.

Leidimar Unick
Leidimar Unick

Clientes perderam a esperança e violência aumenta contra antigos líderes

Segundo um advogado, os clientes da Unick Forex poderão demorar cerca de dez anos para reaver seus investimentos. Este é certamente um golpe para muitos clientes, que contavam com o capital investido para um prazo de seis meses.

Além disso, a violência tem aumentado contra os líderes da pirâmide, uma vez que o capital estaria cada vez mais longe. Os líderes, que eram responsáveis pela captação de novos clientes, têm sido ameaçados até em igrejas.

Ou seja, o atual cenário da Unick Forex é de problemas, mas poderá vir uma solução em breve para os investidores. Segundo informações obtidas pelo Jornal NH, o réu que fará delação premiada contra a Unick vai entregar gente grande do esquema.

A pessoa está em contato direto com o MPF, mas ainda negocia as vantagens que terá com a delação premiada. Em outro ponto, o jornal afirmou que este é influente na organização, ou seja, poderia reacender as esperanças dos clientes.

Nos tempos atuais, o golpe realizado pela Unick Forex pode ser considerado um dos maiores já realizados no Brasil. A queda dos principais líderes, entretanto, pouco ajudou a justiça em relação a recuperar os investimentos das vítimas.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Últimas notícias

Possível diretor da CVM destaca Bitcoin aquecido

Um possível novo diretor da CVM destaca que o Bitcoin atravessa um momento em 2020 bem aquecido e a autarquia está de olho. O...

PayPal entra no mercado de criptomoedas

O gigante dos pagamentos PayPal anunciou que vai entrar de vez no mercado de criptomoedas, a empresa vai permitir que seus clientes comprem, vendam...

PF pode usar blockchain para identificar pessoas

Uma ferramenta blockchain que identifica pessoas será apresentada para delegados da PF, que pode começar a usar solução caso interesse. Na tarde desta quarta-feira (21),...