Fantasiado, Vitalik Buterin zomba de criptomoeda rival

Embora já tenha se referido a Solana como um projeto com um futuro brilhante, agora o criador do Ethereum zombou de sua concorrente, apontando para problemas de centralização.

Participando da EDCON 2023, uma conferência voltada do desenvolvimento do Ethereum, Vitalik Buterin chamou atenção tanto por seu traje tradicional de Montenegro, país que hospedou o evento, quanto pelas suas falas.

Embora já tenha se referido a Solana como um projeto com um futuro brilhante, agora o criador do Ethereum zombou de sua concorrente, apontando para problemas de centralização.

Tanto Ethereum quanto Solana estão operando em queda nesta quarta-feira (24). Cotado a US$ 1.785, o ETH está apresentando perdas de 3,8% no dia. Já a SOL, cotada a US$ 19, está com queda de 4,9% no gráfico diário contra o dólar americano.

Vitalik Buterin zomba da Solana em evento

Além de ser conhecido como um desenvolvedor prodígio, tendo criado o Ethereum quando tinha apenas 19 anos, Vitalik Buterin também é conhecido pelo seu estilo irreverente.

Embora seja bilionário, Buterin está sempre usando um relógio de gatinho em seu pulso, ao invés de um Rolex. Além disso, também já fez aparições vestindo uma fantasia de unicórnio.

Já nesta semana, o criador do Ethereum apareceu em um evento vestindo um traje tradicional de Montenegro, surpreendendo a todo mais uma vez.

No entanto, o que chamou a atenção foram as suas falas. Em tom de deboche, Buterin afirma ser Anatoly Yakovenko, co-fundador da Solana, e sarcasticamente fala sobre as vantagens da SOL.

“Então, eu sou Anatoly, sou da Solana e hoje vou contar a todos sobre por que as blockchains mais escaláveis dependem de nós executados em servidores poderosos.”

Embora o criador do tuíte aponte que “Vitalik ama a Solana” por ser a “blockchain mais escalável”, a mensagem do criador do Ethereum é claramente um deboche a centralização dos nós da rede.

Vitalik Buterin também está preocupado com o Ethereum

Quando o Ethereum estava prestes a romper a resistência dos US$ 2.000, a Ethereum Foundation vendeu R$ 30 milhões de ETH no mercado, criando uma grande pressão vendedora, principalmente psicológica. Afinal, muitos interpretaram a venda como um sinal de pessimismo da própria equipe por trás do projeto.

Já em uma publicação intitulada “não sobrecarregue o consenso do Ethereum”, postada no domingo (21), Vitalik Buterin cita algumas limitações e perigos do ETH, como a prática de re-staking por projetos terceiros.

Por fim, muitos acreditavam que o Ethereum teria um novo futuro após a atualização The Merge. No entanto, mesmo com queimas gigantes de ETH, tornando-o deflacionário, seu preço segue pressionado e sem animar investidores.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias