Fundador da Binance perdeu R$ 393 bilhões com criptomoedas, diz Bloomberg

Changpeng Zhao, CEO da Binance.
Changpeng Zhao, CEO da Binance.

Changpeng Zhao, fundador da Binance, apareceu pela primeira vez entre a lista dos bilionários da Forbes neste ano. Contudo, a Bloomberg aponta que Zhao já perdeu 80,9 bilhões de dólares (R$ 393 bi) desde o início deste ano devido à queda das criptomoedas.

Seguindo Zhao nas perdas estão os três homens mais ricos do mundo, Elon Musk, Jeff Bezos e Bernard Arnault. Estes já perderam 69, 61 e 55 bilhões de dólares, respectivamente, no mesmo período. Portanto, tais perdas não são exclusivas ao mercado de criptomoedas conforme também podem ser observadas no mercado de ações.

Além destes, Vitalik Buterin, fundador do Ethereum, é outro que está tendo um ano difícil. Segundo o próprio, ele deixou de ser um bilionário recentemente, provavelmente pela queda do Ether (ETH) de US$ 4.850 para US$ 1.950 nos últimos meses.

Changpeng Zhao perdeu R$ 393 bilhões em 2022

Primeiramente, vale notar que existem duas listas de bilionários famosas. Uma delas é organizada pela Forbes, onde a Binance investiu cerca de R$ 1 bilhão este ano, e outra é a da Bloomberg. Portanto, os valores apresentados possuem ligeiras diferenças.

Enquanto a Forbes citou Changpeng Zhao, também conhecido como CZ da Binance, pela primeira vez em abril deste ano, a Bloomberg já acompanhava a riqueza do bilionário antes disso.

Com dados mais amplos, a Bloomberg aponta que Zhao era o 11.º homem mais rico do mundo em janeiro. Contudo, aponta que o fundador da Binance perdeu US$ 80,9 bilhões (R$ 393 bi) desde o início do ano, devido à queda das criptomoedas, empurrando-o para a 113.ª posição deste ranking.

Maiores perdas financeiras de bilionários. Fonte: Bloomberg

Embora a lista da Forbes apresente uma queda menos dolorosa, de US$ 65 bilhões (R$ 316 bi) para US$ 17,4 bilhões (R$ 85 bi), ainda é uma bela queda. Fazendo com que o empreendedor caísse da 20.ª posição para a 93.ª em apenas um mês.

Changpeng Zhao, fundador da Binance, na lista de bilionarios da Forbes.

Fundador da Binance explicou sua estratégia de investimento

Apesar de Changpeng Zhao investir apenas em duas criptomoedas, Bitcoin (BTC) e Binance Coin (BNB), a própria Binance parece investir em um maior leque de moedas. Uma delas é a Terra (LUNA), que recentemente perdeu quase todo seu valor após o colapso da TerraUSD (UST).

Com isso, tal investimento de R$ 15 milhões se transformaram em R$ 7,8 bilhões e então evaporaram. Zhao respondeu a um comentário sobre o assunto, afirmando que isso faz parte desta estratégia de investimento.

“Essa é a cara que você faz quando quebra e tenta explicar pro seu parceiro como você chegou a fazer 10.000x e mesmo assim acabou perdendo seu investimento inicial”, brinca um usuário sobre uma foto de Zhao.

“Se realizarmos lucro sempre em 20x, não teremos os 5.000x. Então, escolhemos o último. E quando você fizer isso, haverá aqueles que alcançarão 500x e então 0. Parte da estratégia de hold.”, comentou Changpeng Zhao sobre as perdas em LUNA.

Changpeng Zhao está fazendo pizzas

Após ter perdido R$ 393 bilhões apenas neste ano, Changpeng Zhao está não só confeccionando pizzas como trabalhando de motoboy para cobrir suas perdas, como mostrado nas fotos e vídeo abaixo.

“Obrigado ao Mister Pizza por nos deixar usar o local e me ensinar a fazer pizza.”

Brincadeiras a parte, Zhao segue no comando da Binance e esta ação está relacionada ao Dia da Pizza do Bitcoin (Bitcoin Pizza Day). Toda comunidade de criptomoedas celebra esta data para lembrar o dia em que um usuário comprou duas pizzas por 10.000 BTC. Tal transação é considerada a primeira compra com BTC da história.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias