Fundo brasileiro de criptomoedas supera valorização do Bitcoin

Para investir em criptomoedas, a Hashdex criou um índice chamado HDAI, no qual 75% é Bitcoin. Os demais 25% são diversificados em Ethereum (9,9%), Ripple (4,08%), entre outros. Neste índice, não há stablecoins nas criptomoedas investidas, mostrando que realmente é uma estratégia sem medo da volatilidade.

-

Siga no
Bitcoin Gráfico
Bitcoin Gráfico - Imagem Cortesia do Flickr
Anúncio

Um Fundo brasileiro de investimentos em criptomoedas superou a valorização do Bitcoin em 2020. Ao entrar no mês de maio, o fundo já entrega aos seus clientes um considerável retorno sobre os investimentos.

Isso porque, em março de 2020 o Bitcoin despencou, com queda superior a 40% naquele mês. Apesar do momentâneo de desespero, o preço do Bitcoin hoje volta a mostrar força, há 4 dias antes da aguardada data para o halving.

Com a recuperação da cotação do Bitcoin, a valorização da moeda já ultrapassa 40% em 2020. O mercado em alta proporcionou a um fundo de investimentos rendimentos altos e “acima do mercado”.

Fundo de Investimentos em criptomoedas brasileiro supera valorização do Bitcoin em 2020

Anúncio

O Bitcoin é certamente a principal moeda digital do mundo, sendo inclusive a primeira a funcionar de forma descentralizada. Com essa história, fica claro que essa é a moeda protagonista do criptomercado.

Nesta sexta (8), o Bitcoin continua seu movimento de valorização, cotado a U$ 9938, com ganhos acima de 6,8%. Em relação ao real, o movimento é ainda mais acentuado, uma vez que o dólar também se valoriza de maneira intensa.

O dólar hoje já é cotado em R$ 5,83, com valorização frente ao real de mais que 2%. O preço do Bitcoin no Brasil já é cotado em R$ 55 mil, com ganhos acima de 6% na corretora BitcoinTrade, em apenas 24 horas.

Com a alta do Bitcoin no Brasil, o fundo brasileiro Hashdex informou que sua performance tem sido extremamente positiva. Ao passo que o Bitcoin ganha 32% em 2020, até o mês de abril, o fundo brasileiro de criptomoedas bate uma valorização de 65%.

Fundo Brasileiro de Criptomoedas, Hashdex bate valorização do Bitcoin
Fundo Brasileiro de Criptomoedas, Hashdex bate valorização do Bitcoin – Reprodução/Hashdex

Fundo é diversificado em várias criptomoedas, sem stablecoin

A Hashdex Gestora de Recursos é um fundo de investimentos regulamentado no Brasil, EUA e Ilhas Caiman. Com essa regulamentação, afirma ser uma forma simples e segura para que clientes diversifiquem seus investimentos com criptomoedas.

Ao escolhar as opções de investir com a Hashdex, os clientes devem escolher entre os planos. O plano mais arrojado, o Voyager, investe 100% em criptomoedas e é feito apenas para investidores profissionais.

Investimentos na Hashdex são para vários perfis de clientes
Investimentos na Hashdex são para vários perfis de clientes

No caso do fundo de investimentos brasileiro ter batido a valorização do Bitcoin, foi considerado o Voyager. Ou seja, a exposição da Hashdex a criptomoedas, com uma carteira diversificada, deu um melhor resultado nos últimos quatro meses.

Para investir em criptomoedas, a Hashdex criou um índice chamado HDAI, no qual 75% é Bitcoin. Os demais 25% são diversificados em Ethereum (9,9%), Ripple (4,08%), entre outros. Neste índice, não há stablecoins nas criptomoedas investidas, mostrando que realmente é uma estratégia sem medo da volatilidade.

A diversificação em criptomoedas, apesar de trazer um resultado positivo em 2020, foi ruim em 2019. Naquele ano, primeiro da Hashdex no Brasil, o fundo perdeu 28% de valor de mercado. No mesmo período, o Bitcoin teve uma valorização de 87% ao longo de 2019.

Na espera por halving, gestora fará live para investidores

Aproveitando o bom momento vivido pelo fundo e pela valorização do Bitcoin, a Hashdex anunciou uma live para os investidores. A live será na próxima sexta (8), pelo canal do YouTube do fundo de investimentos.

Hashdex fará live sobre Bitcoin e Halving
Hashdex fará live sobre Bitcoin e Halving – Reprodução

O tema será o tão comentado halving, que já está com a data esperada para o próximo dia 11 de maio, de acordo com os cronômetros de contagem regressiva. A oferta de Bitcoin será cortada pela metade, e alguns esperam que o preço reaja ao fenômeno técnico.

Aos interessados em participar do debate ao vivo, a live será feita pelo YouTube (link). A apresentação será feita pelos sócios da Hashdex, Samir Kerbage e Stefano Sergole.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

Coluna do TradingView: Novo Patamar

Em novo patamar de preço, as criptomoedas começam a ter viés altista em plena segunda onda do COVID. Confira o que estão pensando os...

Grupo Bitcoin Banco não pagou comissões para ex-funcionária

O Grupo Bitcoin Banco não pagou o que deve a uma série de clientes que investiram em criptomoedas utilizando essa corretora. Os funcionários do...

Campanha presidencial de Trump é atacada por golpistas de criptomoeda

Na reta final para as eleições nos EUA o site oficial da campanha de Donal Trump foi atacado por um grupo de hackers que...