Gisele Bündchen se torna acionista de corretora de criptomoedas

Siga no

A adoção do criptomercado pode acontecer de diferentes maneiras e grandes nomes podem participar dele em diferentes níveis. Comprar e guardar Bitcoin não é a única maneira de investir nos ativos digitais. Recentemente Tom Brady, o famoso jogador da NFL, e sua mulher, a modelo Gisele Bündchen, se tornaram acionistas da corretora FTX, que aos poucos vem ganhando espaço dentro da indústria financeira.

Brady e Gisele serão os embaixadores oficiais da FTX, de acordo com informações do Bloomberg. A equipe de reportagem do site chegou a entrar em contato com a corretora, mas ela se recusou a revelar detalhes sobre a parceria entre ela e o famoso casal. O que se sabe é que Brady e Gisele receberam uma quantia não especificada de uma criptomoeda. 

Além do papel de embaixadores (e consequentemente imagem propaganda da corretora), Bündchen vai atuar como conselheira de iniciativas sociais e ambientais da companhia.

“Tom e Gisele são duas lendas e ambos conseguiram alcançar o pináculo do que eles fazem. Quando nós pensamos no que a FTX representa, nós queremos ser o melhor do que existe no mundo.” disse Sam Bankman-Fried, fundador e CEO da FTX em entrevista ao Bloomberg.

Vale ressaltar que essa não é a primeira vez que Tom Brady está envolvido com o criptomercado, ele já demonstrou apostar no Bitcoin no passado, dando sinais claros após ter usado os famosos olhos laser em sua foto de perfil, que é uma forma sútil (nem tanto) de dar suporte ao criptomercado. Curiosamente, assim que ele demonstrou apoio aberto ao Bitcoin, o preço da moeda despencou.

Na última segunda-feira ele até mesmo chegou a brincar com a situação, perguntando se alguém sabia o que fazer depois dos olhos laser terem dado errado, fazendo uma referência a queda do Bitcoin durante as últimas semanas.

Recentemente a FTX também tem investindo em aumentar sua gama de parceiros e até mesmo a força do seu nome ao redor do mundo, fechando parceria com grandes times de eSports. 

Aos poucos a exchange vai crescendo e ganhando espaço, mas sem deixar de lado um dos pilares que fundou a corretora: a caridade.

De acordo com o Bloomberg, a FTX já doou mais de US$ 10 milhões para obras de caridade. Brady e Bündchen até mesmo se comprometeram a fazer doações anuais milionárias para a caridade durante a duração da parceria. As instituições que receberão as doações serão escolhidas por Gisele.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Vista da cidade de Miami

Criptomoeda de Miami será listada em primeira grande corretora

A cidade de Miami está para lançar sua própria criptomoeda, que já recebeu a confirmação de que será listada em uma grande corretora do...

ETF 100% Ethereum estreia hoje na B3

Nesta quarta (04) foi lançado o ETF 100% Ethereum na B3, bolsa brasileira. O fundo foi desenvolvido pela gestora QR Asset Management, a mesma...

Dotz vai permitir que clientes troquem pontos por bitcoin

A Dotz, uma das principais gestoras de pontos de fidelidade do Brasil, com uma grande quantidade clientes, pode ser mais uma forma de aproximar...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias